SECRETÁRIA DE SAÚDE ACUSA CONSELHO DE ESTAR MANIPULANDO INFORMAÇÕES

Secretária Marleide Figueiredo foto Mary Melgaço

O Blog do Gusmão entrevistou nesta sexta-feira (04) a secretária de saúde de Ilhéus, a enfermeira Marleide Figueiredo.

O tema que norteou a conversa foi o relatório elaborado pelo conselho municipal de saúde, apontando indícios de irregularidades na gestão dos recursos do SUS, administrados pelo governo Newton Lima.

Principais destaques.

Porque o aluguel da casa em ruínas no bairro Teotônio Vilela, além de ter sido renovado por duas vezes, também sofreu reajustes?

A secretária costuma receber pedidos de vereadores requerendo compras de passagens?

Algum vereador tem forte influência sobre a sua gestão na secretaria?

Porque a secretaria preferiu reformar imóveis alugados, permitindo que um imóvel da prefeitura (local que abrigou durante 20 anos um posto de saúde) permanecesse abandonado?

Perguntamos se ela admitia a existência de irregularidades surgidas na gestão do secretário anterior.

A secretária acusa o conselho de estar manipulando informações, considera que houve autoritarismo na reunião que aprovou o relatório, ao não permitir que a gestão se defendesse.

Insinua uma suposta “partidarização” das ações do conselho, mesmo sabendo que o relatório foi aprovado por 11 conselheiros, sendo que 6 votaram contra, 2 se abstiveram e 1 não compareceu à reunião (total de 20 votos).

Ouça a entrevista na Rádio Gusmão.

Duração: 25 minutos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *