FNDE SUSPENDE REPASSE DOS RECURSOS DA MERENDA ESCOLAR PARA ILHÉUS

Os representantes do conselho de alimentação escolar informaram ao Blog do Gusmão, que as diversas irregularidades constatadas pelos auditores do FNDE (fundo nacional de desenvolvimento da educação) em Ilhéus, no mês de fevereiro, ocasionaram a suspensão do envio dos recursos da merenda escolar.

Desde agosto que a cidade não recebe as verbas do governo federal.

O governo municipal justifica a interrupção dos repasses devido ao não empossamento dos novos conselheiros do CAE, que ainda não assumiram, porque o sindicato dos professores não indicou os seus representantes.

Os sindicalistas contestam a informação, alegando que o verdadeiro motivo para o descredenciamento do município, é o prejuízo de R$ 296.123,65 ao erário, valor que o atual governo se comprometeu em devolver aos cofres da união no dia 30/04 deste ano, e que até agora não devolveu.



2 responses to “FNDE SUSPENDE REPASSE DOS RECURSOS DA MERENDA ESCOLAR PARA ILHÉUS

  1. Se for suspender todas as verbas federais enviadas para este governo de Ilhéus que constam irregularidades, nossa cidade ficara de pinico na mão.

  2. Por essas e outras não acredito em Petista.

    Em primeiro lugar pelo que sei o Conselho de Alimentação Escolar desde o dia 05.07.09 está esvaziado por termino de vigência de mandato sem possibilidade de prorrogação de prazo para os antigos conselheiros, Art 52 Resolução CD/FNDE de 16.07.09 Consulte na internet e vcs encontra.

    Portanto a afirmativa de denúncia de conselheiro carece de verdade.

    Segundo, depois de uma consulta ao site do FNDE/transparência, me certifiquei que tal interupção foi motivada pela não apresentação da nova composição dos membros do CAE em tempo hábil, haja visto que a APPI ainda não apresentou seus membros escolhidos através de Assembléia atendendo também ao mesmo dispósitivo legal acima citado.

    Portanto a afirmativa de que o município sofreu sanção por falta de devolução de recurso financeiro, também carece de verdade.

    Acho que menos política nesses assuntos traria mais verdades para o bem da população.

    Ilheense Justo e Pai de aluno da rede pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *