GRIPE SUÍNA MATOU QUATRO PESSOAS NA BAHIA

Da Tribuna da Bahia.

gripe_suinaO estado da Bahia já contabiliza quatro mortes provocadas pela gripe suína, doença que já matou 831 pessoas em todo o país.

Segundo dados da Coordenação de Vigilância às Emergências em Saúde Pública (Cevesp) da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), de 24 de abril a 16 de setembro deste ano, foram considerados como suspeitos 813 casos da doença, sendo que 148 foram confirmados, 192 descartados e outros 473 estão sob investigação.

As mortes provocadas pela nova gripe ocorreram em Salvador, Guanambi, Urandi e Caculé. Duas outras pessoas morreram por conta da gripe normal. As ocorrências foram registradas em Caculé e Urandi.

(mais…)

SENADO PAGOU VENCIMENTOS DE PRESIDIÁRIO ASSESSOR DE MARCO MACIEL

"Reserva moral" do DEM em situação duvidosa.
"Reserva moral" do DEM em situação duvidosa.

Do Uol Notícias.

O funcionário que recebeu salário do Senado Federal mesmo durante o período em que ficou preso trabalhava no gabinete de Marco Maciel (DEM-PE). A informação foi confirmada na noite desta quarta-feira (16) pela assessoria de imprensa do parlamentar.

A denúncia foi feita pelo líder do PMDB, Renan Calheiros (AL), no plenário do Senado, na terça-feira (15), durante a votação da reforma eleitoral. No entanto, ele não revelou o nome do senador envolvido no episódio.

O assunto voltou ao plenário nesta quarta-feira, quando o líder tucano, Arthur Virgílio (AM), exigiu que o peemedebista revelasse o nome do senador que teria mantido o salário do servidor preso.

“Eu acho que é dever do senador Renan Calheiros, sob pena de prevaricação, declinar o nome do senador. Temos que começar a aclarar as coisas, porque é um absurdo que alguém mantenha um presidiário vivendo à custa do Senado”, disse.

(mais…)

O SECRETÁRIO/PROFESSOR PERMITE QUE A FOME MALTRATE SEUS ALUNOS

Comentário recebido pelo Blog do Gusmão.

Decepção: o grande professor Maciel, excelente mestre da Redação, finge que não está acontecendo nada, permitindo que crianças chorem de fome. O Maciel que conheci pediria exoneração em caráter irregovagável. Jamais aceitaria a iniqüidade.
Decepção: o grande professor Maciel, excelente mestre da Redação, finge que não está acontecendo nada, permitindo que crianças chorem de fome. O Maciel que conheci pediria exoneração em caráter irrevogável. Jamais aceitaria a iniqüidade.

Caro Emilio Gusmão, fico muito feliz em ver que determinados meios de comunicação também estão preocupados com essa situação inadmissível que está acontecendo com aos alunos do municipio de Ilhéus. Semana passada postei um comentário no site de Rabat falando da minha indignação com o problema da falta de merenda nas escolas de Ilhéus( Cadê a Merenda Escolar 09/09/2009).

Parabéns por sua coragem de também denuciar essa falta de respeito, desses que se dizem administradores da cidade. A insensibilidade dessas pessoas retrata o modelo de fazer politica nesse país. O que não dar pra entender caro Gusmão, é como um secretário/professor de anos de profissão deixa isso acontecer com aqueles que significam a essência da educação, seus alunos. É como um general que abandona seus soldados em campo de batalha.

Abraço e mantenha a luta.

ITABUNA ANTECIPA REAJUSTE SALARIAL PARA PROFESSORES

ASCOM: prefeitura de Itabuna.

Gustavo Lisboa Itabuna antecipa reajuste para professores -01-foto-Waldyr GomesAntecipando o que estava previsto no acordo coletivo assinado com o Sindicato do Magistério Público Municipal (Simpi) para acontecer em outubro, a Prefeitura de Itabuna está reajustando em 6%, agora em setembro, os salários dos professores dos níveis II e III da rede municipal de ensino. Este aumento salarial corresponde à segunda metade dos 12% concedidos no último mês de abril para toda a categoria e irá representar um acréscimo na folha de pagamento da Educação de, aproximadamente, R$ 170 mil, incluindo encargos trabalhistas.

O secretário da Educação, Gustavo Joaquim Lisboa, ressalta que a antecipação do reajuste reflete a intenção do Governo Municipal, particularmente da Secretaria da Educação, de promover cada vez mais a valorização do professor, respeitando e incentivando, dentre outros aspectos, a melhoria salarial, a formação inicial e a formação continuada do magistério público do município.

“Mas que isso, nós cumprimos na integra, ou seja, 100% de tudo o que previa a cláusula econômica do acordo coletivo assinado com o Simpi. O atendimento às reivindicações da categoria também é uma comprovação do respeito ao magistério, como ator principal no processo de ensino”, destaca Lisboa. Ele acrescenta que, tais fatores, interferem diretamente na qualidade da escola oferecida ao cidadão itabunense, já que a valorização profissional é determinante na elevação da autoestima do professor.

(mais…)

INTERNET LIBERADA NA CAMPANHA ELEITORAL DE 2010

Da Folha Online.

verImagem.aspxO Senado aprovou nesta terça-feira o fim das restrições à internet no período de campanhas eleitorais. Os parlamentares aprovaram emenda que libera a atuação de sites jornalísticos, blogs e sites de relacionamentos durante as campanhas, mas mantém apenas duas limitações à rede de computadores durante as eleições –a proibição do anonimato aos jornalistas e a garantia de direito de resposta aos candidatos que se sentirem ofendidos.

O senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG), um dos relatores da reforma eleitoral, acatou emendas dos senadores Aloizio Mercadante (PT-SP) e Álvaro Dias (PSDB-PR) com a proposta de liberação total à internet nas eleições. Inicialmente, Azeredo e o senador Marco Maciel (DEM-PE), relatores da reforma, haviam mantido algumas restrições à rede mundial de computadores, mas acabaram acatando a livre manifestação do pensamento na internet no período de disputa eleitoral.

Os senadores fecharam um acordo que permitiu derrubar as restrições à internet. Mercadante se reuniu ao longo do dia com Azeredo para construir um texto de consenso. O texto aprovado pelos senadores estabelece que “é livre a manifestação do pensamento, vedado o anonimato durante a campanha eleitoral, por meio da rede mundial de computadores –internet, assegurado o direito de resposta– e por outros meios de comunicação interpessoal mediante mensagem eletrônica”.

(mais…)