ÂNGELA CADA VEZ MAIS AFASTADA DE WAGNER

Cada vez mais distante de Ondina, agora no bloco independente, Ângela pode perder todos os cargos que conquistou.
Cada vez mais distante de Ondina, agora no bloco independente, Ângela pode perder todos os cargos que conquistou.

O secretário de relações institucionais do governo da Bahia, Rui Costa, não esconde o seu desapontamento com a deputada estadual Ângela Sousa (PSC).

A parlamentar assinou um documento, concordando com a mudança de rumo da bancada do seu partido na Assembléia Legislativa. Agora, os deputados do PSC estão no grupo independente, ou seja, mais próximos da oposição.

Ângela tem reafirmado seu compromisso com Jaques Wagner, porém, não consegue se livrar das pressões de Eliel Santana, presidente da sua sigla. Ameaçada de ficar sem a legenda, a deputada aos poucos está cedendo, deixando a cúpula de Ondina ainda mais desconfiada.

Os cargos que ela possui na administração estão vinculados ao seu comportamento, ao seu voto. Qualquer desvio pode representar o “estopim” para muitas exonerações.

TELEANÁLISE: GUERRA OLÍMPICA

malu fontes

Por Malu Fontes.

Há pouco mais de 20 dias, no dia 02 de outubro e nos dias próximos, imagens aéreas e deslumbrantes da cidade do Rio de Janeiro correram as emissoras de TV de todo o mundo, quando o Comitê Olímpico Internacional escolheu a capital fluminense para sediar os Jogos Olímpicos de 2016. As imagens, encomendadas pelo Comitê Olímpico Brasileiro ao cineasta Fernando Meirelles, encantaram o mundo, deram um empurrão e tanto para a decisão do COI e fizeram a comitiva brasileira ir às lágrimas quando da sua exibição na Dinamarca. Meirelles, louvado aqui e alhures pela belezura das cenas que mostravam o Rio como a cidade maravilhosa e irretocável que é, cantada e decantada no cancioneiro popular, reagia com modéstia aos elogios. Dizia que não fez nada demais, que não fez ficção, não criou efeito especial algum, apenas mostrou uma cidade linda, como de fato o Rio é e continuará sendo.

O país, quase inteiro, mimetizou a reação de explosão de euforia encabeçada pelo choro do presidente Lula, pelos pulos, lágrimas e berros do governador Sérgio Cabral, do prefeito Eduardo Paes, de Pelé, que de tão tonto e embevecido confundiu Michael Jordan com Michael Jackson, Hortência, Paulo Coelho e trocentos papagaios de pirata. Quem não euforizou junto foi imediatamente guindado à condição de urubu, corvo ou qualquer coisa agourenta. Onde já se viu contrargumentar falta de dinheiro para tanto, problemas estruturais urgentes do país, risco em potencial de empreiteiros devorarem metade dos recursos das obras? Tudo coisa de gente pessimista, sabe-se.

(mais…)

CRIANÇAS MOEM GIZ E BRINCAM DE TRAFICANTE NO RIO GRANDE DO SUL

Da Folha Online.

Crianças da quarta série de uma escola pública de Sapucaia do Sul (região metropolitana de Porto Alegre) usaram pó de giz para fingir serem traficantes e consumidores de cocaína durante brincadeira no recreio.

A brincadeira, que provocou apreensão no setor de educação da cidade, consistia em simular a venda de drogas em sala de aula e foi descoberta na semana passada por uma professora.

No lugar da droga, saquinhos plásticos eram enchidos com pó de giz. Os quatro alunos, com idade entre nove e dez anos, que participavam da brincadeira foram encaminhados à orientação pedagógica.

“As crianças não medem as consequências. Conversamos com eles sobre o significado do que estavam fazendo, se era aquilo que queriam da vida. Eles se surpreenderam”, contou Inacira Lopes, diretora da escola Getúlio Vargas.

(mais…)

NEWTON LIMA E O SEU PROTESTO CONFUSO

O Palácio Paranaguá, sede da prefeitura de Ilhéus, foi transformado no local ideal para os protestos.

Professores, garis, enfermeiras e demais servidores municipais já expuseram faixas questionando a atual administração do prefeito Newton Lima.

Desta vez, o próprio prefeito decidiu fazer a sua manifestação.

O problema é que a faixa exposta na entrada do Paranaguá é confusa e mal redigida, um verdadeiro “samba do crioulo doido”. Quase incompreensível, a frase também não cita  “o alvo” do protesto.

Seria o próprio prefeito?

Tente entender.

DSC00390