CHEFE DO COMBATE À DENGUE ACUSADO DE FRAUDAR BOLETINS FOI INDICADO POR JAILSON NASCIMENTO

Digitalizar005O jornal A Região, em setembro de 2007, publicou uma matéria sobre a exoneração do ex-coordenador de combate à dengue de Ilhéus, Orlando Mendes, tido na época, como um dos principais responsáveis pela queda da infestação do mosquito Aedes Aegypti, constatada no ano em que deixou a função.

O importante semanário destacou que em 2007 foram registrados apenas 20 casos, “sendo quatro de dengue clássica confirmados”. Clique na imagem para conferir.

O Blog do Gusmão conversou com alguns profissionais que referendaram a competência de Orlando Mendes no comando dos “mata-mosquitos”. Um técnico que preferiu não se identificar, explicou que Mendes não coadunava politicamente com o grupo do vereador Jailson Nascimento, e que cobrava eficácia, desagradando os que eram (e continuam) ligados ao vereador.

Quando Newton Lima assumiu a prefeitura, iniciando o mandato “tampão” em agosto de 2007, Jailson recuperou rapidamente o comando político da secretaria de saúde, e de bate-pronto, emplacou a exoneração de Orlando Mendes, substituindo-o por Nailton Costa (fato confirmado por A Região), que meses depois, foi acusado pelo médico sanitarista Júlio Guzman, ex-consultor do programa de combate à dengue do município, de fraudar boletins e liderar “a turma da maquiagem”.

Nailton foi exonerado pelo ex-secretário de saúde, o médico Juliano Mota, mas, segundo alguns agentes que o Blog do Gusmão manteve contato, a partir de julho deste ano (2009),  ele voltou a determinar os rumos do programa, mesmo não sendo o responsável oficial.

Durante a manhã desta quarta-feira (18), ligamos sete vezes para o assessor de imprensa do vereador Jailson Nascimento, o sr. Roberto Scarpita, tentando colher explicações. Infelizmente não conseguimos efetivar o contato porque ele estava participando de uma reunião no Palácio Paranaguá, sede da prefeitura de Ilhéus, que tratava sobre a liberação dos vôos noturnos para o aeroporto Jorge Amado.



7 responses to “CHEFE DO COMBATE À DENGUE ACUSADO DE FRAUDAR BOLETINS FOI INDICADO POR JAILSON NASCIMENTO

  1. gusmão, se começar a puxar o fio da meada, Ilheús vai ficar sabendo do verdadeiro esquema montado pelo vereador para fazer uso indevido e vergonhos dos agentes da dengue em suas campanhas politicas, afinal são mais de 2.000 casas dia que estes agentes visitam, e no governo de Jabes quem comandava este grupo era Jailson, por conta que em sua maioria ao agentes eram indicados por ele.

  2. sou morador e sindico em um predio na av. soares lopes, entre 2006 e 2007 aqui no predio, após reunião de condominio, chegamos a cogitar chamar este coordenador para parabeniza-lo pelo exelente trabalho que estava realizando, quando ele saiu realmente a coisa começou a desandar.

  3. Emilio Gusmão,

    Orlando Mendes ,é um profundo conhecedor de seu trabalho, no combate a dengue.Pertece aos antigos funcionários da Sucan, que não reza no mesmo terço de Jailson Nascimento, por isso foi exonerado do cargo.Todos os funciónarios da Sucan, são profundos conhecedores e desbravadores dos sertão de Ilhéus.Só para ter uma idéia como o pessoal Sucan conheçe seu trabalho, nos peródo crítico que a dengue infestou o Rio de Janeiros, foram eles para o Rio sobre o comando de Orlando, ajudar a combater os mosquito da dengue.Hoje os antigos funcionários da Sucan, emprestado a Secretária de Saúde, são humilhados pelos dirigentes da Secretária de Saúde, e jánão sentem mais a mesma motivação de trabalhar.Conheço Orlando a varios anos e sei que é uma pessoa capacitada, mas por ter apoiado Valderico , perdeu o cargo comissionado.
    Quem tem competência fas, e não deixa acontecer, o surto de dengue que vem por ai neste verão!Esperamoa o bom censo da PMI, da Secretária de Saúde, que coloque gente capacitada na ru para trabalhar com afinco e boa vontade, pois se a Saúde for sucateada com apadrinhados políticos o bicho vai pegar neste verão!Esperamos que o prefeito Newton Lima, tome as redéas da Saúde e assuma o controle, não pode a cidade de Ilhéus ficar refém de um político!

  4. Melck, agradeço pelas agradeveis palavras ditas a meu respeito, gostaria de retificar que,quando vc. colocou a ida dos companheir5os da FUNASA ao de Janeiro eu por estar desenvolvendo atividades referente a compras na Dires não participei, naquela época foram enviados servidores de todo o pais e Ilheús contribuiu com 11 companheiros da FUNASA.

    OBRIGADO.

  5. A verdade que nossos dirigentes tem que tomar consciência e acabar com essa pouca vergonha que é o programa da dengue em Ilhéus sendo alvo diretamente de escandalos e colocar pessoas competentes, capazes de trazer esse programa com seriedade, pois se vocês que se dizem dirigentes em Ilhéus estão brincando com a vida dos seus familiares e com suas proprias vidas pois moram em Ilhéus e o verão ta chegando cadê as ações preventivas para a dengue será que eu que sou leiga que tenho que alerta-los vamos acordem enquanto podem.

  6. TE AGRADEÇO POR COLOCAR O MEU COMENTÁRIO JUNTO COM OS OUTROS ASSIM VOCÊ DEMONSTRA O QUANTO É DEMOCRÁTICO, E NÃO USA NADA EM FAVOR DE ALGUMAS OPINIÕES. GUSMÃO VOCÊ AINDA CONTINUA TRABALHANDO PRA O GRUPO DA DEPUTADA E NÃO ENGANA NINGUÉM COM ESSE DISCURSO BARATO. FIQUE SABENDO QUE O APADRINHADO DE ANGELA LÁ NO DETRAN ESTÁ RESPONDENDO PROCESSO POR FURTO DE PNEUS. PQ VC NÃO DIVULGA.
    MEU NÚMERO É 73 8826 0795.

  7. O Sandro não tem o que fazer fica mudando de assunto, Sandro a questão aqui é dengue!!!

    Sou agente de Saúde e Aprovo o trabalho do Senhor Orlando Mendes que na sua epoca so queria trabalho, os come e dorme não trabalhavam , ai sentiam a consequencia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *