RACHA NO COMBATE À DENGUE: TÉCNICOS DA FUNASA NÃO SE ENTENDEM COM A TURMA DO VEREADOR

Os técnicos da FUNASA (fundação nacional de saúde) que residem em Ilhéus, quando perguntados sobre os responsáveis pelo combate à dengue, ligados à secretaria municipal de saúde, formam uma unanimidade ao dizerem: “essa turma que está a serviço de um vereador, não trabalha com seriedade, não tem compromisso com a população”.

A divergência gerou um problema gravíssimo para os ilheenses, pois o trabalho que deveria ser feito em conjunto, acaba ocorrendo em paralelo, dificultando a batalha contra o mosquito da dengue.

Segundo os servidores da FUNASA, é comum encontrar todos os dias, focos e larvas do Aedes Aegypti que passaram despercebidos diante dos agentes, que por sinal, diminuíram o número de visitas.

Eles advertem que as perspectivas não são nada animadoras.