GROSSERIAS DE UM PODEROSO

Não estão pegando bem, nada bem, as grosserias que um vereador grapiúna direciona para a sua secretária, mulher educada, honesta, distinta e bem casada.

Os colegas de parlamento, quando presenciam, ficam envergonhados com os péssimos modos do troglodita, com a assessora e esposa de um grande amigo.

A senhora, pelo que dizem, é hipertensa, e mesmo ficando muito nervosa diante dos rompantes do chefe mal-euducado, chega ao ápice da compreensão, quando consente: “ele é assim mesmo, tem a cabeça dura, mas, possui um bom coração”.

As pessoas que se habituaram a assistir os maltratos, que sabem da honestidade da nobre senhora e do amor que ela tem pelo seu cônjuge, perguntam: onde está o marido dessa mulher?

EXCLUSIVO! COMBATE À DENGUE: VEM AÍ UMA DESCULPA ESFARRAPADA

A secretária de saúde de Ilhéus, Marleide Figueiredo, tirou da cartola um coelho, uma desculpa esfarrapada para o insucesso da sua gestão no combate ao mosquito da dengue.

A informação “que voa baixo nos corredores do palácio, na altura dos joelhos”, dá conta de que, segundo Marleide, o larvicida utilizado pelos agentes não está matando as larvas do Aedes Aegypti.

O Blog do Gusmão entrou em contato com Jorge Monteiro, especialista no assunto e diretor da FUNASA, lotado em Salvador, que nos afirmou que há sim, leves indícios, de que o produto está levando mais tempo para matar as larvas, porém, esta possibilidade, ainda não comprovada, jamais deverá ser posta como justificativa para o alto risco de epidemia que Ilhéus e Itabuna estão vivendo, “na verdade, o que as duas cidades precisam fazer, é melhorar o trabalho de campo, a atuação dos agentes”, explicou Jorge Monteiro.

ASSASSINATO DE RAYLUCIENE PEREIRA: 10 MESES DE IMPUNIDADE

A professora estava feliz com a gravidez.
A professora estava feliz com a gravidez.

A morte trágica da professora Rayluciene Pereira de Castro Nery, assassinada em Itabuna no dia 25 de janeiro deste ano, dentro de sua residência, está completando 10 meses.

As investigações comandadas pela delegada Sione Porto estão paralizadas.

Rayluciene, na última quinta- feira, dia 19 de novembro, completaria 38 anos de idade. Evangélica e diretora do colégio em Inema (distrito de Ilhéus), onde trabalhava de segunda a sexta, estava casada há 03 anos, e vinha todos os finais de semana para Itabuna, descansar na companhia do marido.

A professora sonhava com a maternidade, e fazia tratamento para engravidar. Conseguiu uma vez, mas perdeu. Depois de um tempo, conseguiu novamente. Na data fatídica estava com 04 meses de gestação. Amigos enfatizam que ela estava radiante com a gravidez.

No dia 25 de janeiro de 2009, fim de tarde, na rua Santa Cruz, centro de Itabuna, Rayluciene foi assassinada dentro do seu quarto, com um tiro na boca, fazendo com que dois dos seus dentes perfurassem seu cérebro. Ela caiu agonizando.

Parentes e amigos da professora exigem justiça e a conclusão imediata das investigações.

FORD ANUNCIA A LULA E WAGNER INVESTIMENTOS DE R$ 2,4 BILHÕES NA FÁBRICA DA BAHIA

Da AGECOM.

Wagner e Lula, na Ford 2Nas comemorações de 90 anos de atuação no Brasil, a Ford anunciou o investimento de R$ 2,4 bilhões na unidade baiana, localizada em Camaçari. O montante será investido a partir de 2011, gerando mil empregos diretos e permitindo o aumento da capacidade de produção da fábrica de 250 mil para 300 mil veículos por ano.

O anúncio foi realizado na própria fábrica da Ford, com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em visita à Bahia, do governador Jaques Wagner, ministros, entre outras autoridades. “É o maior investimento da empresa nos últimos 90 anos. E temos de considerar a qualidade do investimento, que vai desenvolver a engenharia, o produto, a tecnologia empresarial para o mundo”, afirmou Wagner.

A injeção monetária na Bahia foi possível graças aos incentivos fiscais oferecidos pela parceria entre os governos estadual e federal. “Fui convencido pelo governador de que seria bom para a Bahia. Por isso, ampliamos o prazo de isenção fiscal concedido para Ford em 1999 até 2015”, disse Lula.

(mais…)

ASCENSÃO E QUEDA DE MURICY

Por José Luiz Teixeira para o Terra Magazine.

muricyFiquei feliz em ver o Palmeiras perder para o Grêmio, esta semana, em Porto Alegre, mas não foi apenas por ser são-paulino.

Minha alegria se deveu, principalmente, ao fracasso do modelo autoritário e truculento representado pelo treinador Muricy Ramalho.

Ensinei meus filhos a não torcer contra nenhum time de futebol. Acho que nossas manifestações tem de ser sempre a favor da nossa equipe, não contra as outras. É uma atitude mais civilizada, digamos assim.

Nesse caso, porém, quando o Palmeiras sofreu seu primeiro gol, quase me comportei como alguns jovens e fanáticos vizinhos que colocam a cabeça para fora da janela e gritam como se estivessem no meio da Torcida Independente.

(mais…)