A BAMIN E O ENGODO DOS EMPREGOS

Três grandes redes de atacado estão chegando ao eixo Ilhéus-Itabuna. Atacadão (já inaugurada), Maxxi e Makro, juntas, vão oferecer cerca de oitocentos empregos, com um detalhe mais do que importante, não vão devastar áreas de Mata Atlântica.

Caso o terminal de exportação de minério de ferro da BAMIN saia do papel, ao iniciar as operações empregará 450 pessoas, bem menos que os atacadões e com um agravante seríssimo: terá que devastar  de 80 a 200 hectares de mata. Além do mais, diversas espécies animais estarão em risco de extinção. O trabalho dos pescadores também será afetado, uma vez que o minério deixará a água do mar “turva” (informação contida no EIA/RIMA do projeto).

Ilhéus que hoje já carece de infraestrutura necessária para abrigar dignamente seus habitantes, sofrerá um aumento vertiginoso em sua população. Segundo estimativa da COPPE/UFRJ, em 10 anos, 150 mil pessoas chegarão na “Terra de Gabriela”,

Teremos hospitais e escolas suficientes? Os novos bairros (prováveis favelões) serão planejados com esgotamento sanitário, energia elétrica e fornecimento de água?

Precisamos discutir se vale a pena aceitar tantos efeitos ruins em troca de 450 empregos.

O empreendimento trará outros prejuízos ao meio ambiente, assunto que este blog pretende destacar em outras ocasiões.

PLANO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL AMPLIA O NÚMERO DE VAGAS

O Plano de Educação Profissional da Bahia, que visa iniciar uma política pública de educação profissionalizante para jovens e adolescentes, ampliou em mais de dez vezes o número de vagas. Cerca de 40 mil vagas foram distribuídas entre os 69 cursos da rede pública estadual.

Atualmente, 140 unidades de ensino estão sendo atendidas em 104 municípios baianos.

Os interessados nos cursos técnicos poderão se inscrever no site da Secretaria Estadual de Educação.

O Plano objetiva contemplar projetos específicos para populações excluídas, como os quilombolas, os povos indígenas, agricultores familiares, trabalhadores domésticos e apenados.

O FIM DO TIRO DE GUERRA DE ILHÉUS

Um ouvinte do Programa Alerta Geral da Rádio Santa Cruz denunciou que o Tiro de Guerra de Ilhéus – há 64 anos formando soldados – poderá ser extinto, pois a prefeitura não está repassando R$ 1.200 mensais, destinados à manutenção. O convênio entre prefeitura e exército foi firmado há muitos anos, e desde novembro de 2009, na administração de Newton Lima, o município não vem honrando.

O governo municipal tem um prazo até dezembro deste ano para regularizar a situação. Caso isso não aconteça, o Tiro de Guerra de Ilhéus encerrará, de vez, suas atividades.

SALOBRINHO SERÁ PALCO DE PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS UNIVERSITÁRIAS

Acontecerá entre os dias 20 e 21 de agosto, a 1ª MUSA – Mostra Universitária Salobrinho de Audiovisual, em Ilhéus. O evento – que será realizado pela NÚPROART e a Panorâmica Produções – visa a implantação de um espaço na região para debates e produções audiovisuais universitárias baianas.

A mostra acontece na Quadra Poliesportiva Jaques Wagner, na Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC.

(mais…)

IRMÃ DE RÚBIA CARVALHO ABANDONA GRUPO DOS “VELOSO”

Informações quentíssimas que chegaram ao Blog do Gusmão na manhã desta quarta-feira (04) indicam o início de uma debandada no grupo de Raymundo e Márcio Veloso.

Mônica Watson, irmã de Rúbia Carvalho (sogra de Márcio Veloso) abandonou o time dos peemedebistas, mais uma vez, e firmou compromisso com Bebeto Galvão, candidato a deputado federal pelo PSB.

Outras lideranças insatisfeitas também poderão “migrar”.

APENAS 11% DOS BRASILEIROS DIZEM CONFIAR NOS POLÍTICOS

Com informações do Sudoeste na Rede.

De acordo com uma pesquisa realizada pela empresa GfK, apenas 11% dos entrevistados afirmaram confiar nos políticos brasileiros.

A pesquisa mediu o nível de confiança da população em profissões e organizações no Brasil, em alguns países da Europa, nos EUA, na Colômbia e na Índia. Cerca de mil pessoas foram ouvidas no país.

Os bombeiros foram os profissionais mais confiáveis, tendo 98% das menções no Brasil. Os carteiros ocuparam o 2° lugar no ranking. Os professores e os médicos empataram no 3° lugar, com 87%.

CIENTISTA POLÍTICO DIZ QUE VOTO DE OPINIÃO ESTÁ ESCASSO

Bete Wagner e Paulo Fábio.

O cientista político, Paulo Fábio, afirmou – ao participar da inauguração do comitê político de Bete Wagner (PV), candidata da deputada estadual – que atualmente ocorre uma extrema escassez da opinião de voto, transferindo-se para as campanhas majoritárias.

Para ele, “poucos candidatos têm a capacidade de enfrentar essa lógica, a de que a falta de opinião é que gerou os políticos profissionais”.

“PROSEANDO EM ROQUEMROLL” NA CASA DOS ARTISTAS

“Proseando em Roquemroll” será a temática dos debates do Improviso, Oxente, durante o mês de agosto na Casa dos Artistas de Ilhéus.

Nesta quarta-feira (04), às 19:00 horas, André Rosa, professor doutor em história, da UESC, discutirá o rock no contexto dos anos 80, período em que o Brasil foi redemocratizado, após uma longa ditadura militar.

O Improviso terá a participação da banda Meu Amor e Uns Centavos. A Casa dos Artistas fica na rua Jorge Amado, nº 96, Centro de Ilhéus.

DILMA LIDERA NO NORDESTE. SAIBA POR QUÊ

Do jornal O Globo.

Entre 2003 e 2009, o Nordeste cresceu proporcionalmente mais do que a economia nacional, e sobreviveu à crise econômica mundial com melhor desempenho do que o país como um todo. É o que revela o Boletim Regional do Banco Central divulgado nesta terça-feira em Recife. De acordo com o documento, naquele período, o Brasil cresceu 28% enquanto o Nordeste registrou expansão de 30%. Já nos últimos doze meses estudados – de maio de 2009 a maio de 2010 – a economia brasileira decresceu 0,2%, mas a nordestina cresceu 2,6%. Os números foram apresentados pelo diretor de Políticas Econômicas do BC, Carlos Hamilton Araújo.

No último trimestre, no entanto, com a recuperação da economia, as diferenças estão menores. O Brasil cresceu 9% no último trimestre, quando comparado a igual período de 2009. Enquanto na região, o crescimento registrado foi de 9,6%. Mas, de acordo com prognósticos feitos pelo Banco do Nordeste do Brasil, em 2010, a região poderá ter níveis de crescimento menores do que o país. O BNB estima para o Nordeste 6,9% de expansão, contra os 7,3% projetados pelo BC para o Brasil.

(mais…)