BEL E CIDÃO BRIGAM POR CARGOS

Em Ilhéus, o vereador Bel do Vilela está chateadíssimo com o secretário de governo Alcides Kruschewsky.

Cidão detonou alguns indicados de Bel que ocupavam cargos na Central de Abastecimento do Malhado. Os substitutos são pessoas ligadas ao secretário.

O parlamentar prometeu abrir o verbo contra o “todo poderoso” no plenário da câmara.

POLÍCIA CIVIL APREENDE MÁQUINAS CAÇA-NÍQUEIS

No último sábado (14), policiais civis da 7ª Coorpin apreenderam 20 máquinas caça-níqueis instaladas na Central de Abastecimento do Malhado e no Terminal Urbano João Mangabeira, cm Ilhéus.

Fontes deste Blog projetam 1000 equipamentos desse tipo funcionando atualmente na cidade.

Máquinas de fazer fortuna expostas na 7ª Coorpin.

ILHÉUS REGISTRA 73 ASSASSINATOS EM 2010

De janeiro a julho deste ano,  a 7ª COORPIN registrou 66 homicídios, sendo que 26 não foram elucidados.

Números atualizados que incluem as ocorrências de agosto, aumentam a estatística macabra em mais sete casos, portanto, ao todo, 73 pessoas foram assassinadas em Ilhéus, até agora.

Grande parte das mortes está vinculada ao tráfico de drogas.

PENA MASTER SURF NA PRAIA DO SUL

No próximo domingo (22), acontecerá na Cabana Narigas, localizada na praia do sul, em Ilhéus, o campeonato Pena Master Surf, com a presença do bi-campeão brasileiro de surf profissional, Jojó de Oliveira.

O valor da inscrição será cinco quilos de alimentos não perecíveis e roupas, para serem doados às casas de recuperação dependentes químicos. Quem for assistir a competição também pode ajudar.

Serão três categorias especiais, hiper master para surfistas a partir de 45 anos, super master de 40 a 44 anos e a open master, de 35 a 39 anos.

ÍNDIAS DENUNCIAM CRIMINALIZAÇÃO DE LIDERANÇAS INDÍGENAS

"Enquanto houver fome, enquanto houver guerra, as mulheres indígenas vão lutando pela terra".

No último final de semana (13 a 15 de agosto), um grupo de índias, representantes de sete tribos, participaram do  II  Encontro Regional das Mulheres Indígenas do Regional Leste, em Pau-Brail, Sul da Bahia.

O Blog do Gusmão recebeu um documento final emitido pelas índias, onde fazem algumas denúncias. Leia o texto.

Motivadas e animadas pelo tema “A luta das mulheres indígenas pela igualdade de direitos e qualidade de vida de seus povos”, nós, mulheres indígenas dos povos Xacriabá (Minas Gerais), Tupiniquim (Espírito Santo); Tupinambá de Olivença e da Serra do Padeiro, Pataxó do Extremo sul e Pataxó Hã-Hã-Hãe (Bahia), Mulheres Quilombolas e Trabalhadoras Rurais – além das entidades de apoio, parceiros e aliados – reunidas na Aldeia Caramuru, do Povo Pataxó Hã-Hã-Hãe, no município de Pau Brasil, no sul da Bahia, no II Encontro Regional das Mulheres Indígenas do Regional Leste entre os dias 13 a 15 de agosto de 2010, após profundas e ricas discussões, oficinas temáticas e mesas de debate, manifestamos e apresentamos o que segue:

1- Repudiamos e denunciamos a criminalização das lideranças indígenas, em especial do Cacique Babau e seus irmãos Givaldo e Glicéria Tupinambá. São insuportáveis o intenso processo de criminalização contra as nossas comunidades, as prisões ilegais, as injúrias divulgadas pela mídia local, os processos forjados e mentirosos contra as nossas lideranças e as diversas barbaridades cometidas contra os nossos povos. (mais…)

PORTO SUL AFETA JOVEM DEMOCRACIA BAIANA

Por Suzana Padua, doutora em educação ambiental e presidente do IPÊ – Instituto de Pesquisas Ecológicas.

Para o projeto “Pedra de Ferro”, da Bahia Mineração (BAMIN) sair do papel, o governo da Bahia parece estar querendo sacrificar dois coelhos com uma só cajadada. Para fins de ilustração, as vítimas são meio ambiente e a própria democracia brasileira. O cenário de ambos é uma área de proteção ambiental, a Lagoa Encantada, detalhe que está sendo sumariamente ignorado.

Meio ambiente, como tem sido continuamente percebido em projetos de grande monta como o que está em questão, acaba por sofrer impactos irreversíveis. No caso da construção do Porto Sul, na região entre Ilheus e Itacaré, Sul da Bahia, as perdas são irreparáveis. Segundo especialistas do Laboratório Interdisciplinar de Meio Ambiente (LIMA), da COPPE/UFRJ, a paisagem costeira, a biodiversidade e as populações que vivem nesta zona do litoral brasileiro sofrerão para sempre com a poluição atmosférica. Além disso, a supressão de centenas de hectares de Mata Atlântica compromete a integridade de corais e recursos pesqueiros. A atividade turística fica severamente alterada por conta da perda da natureza e das belezas cênicas, entre outros impactos indicados pelos especialistas.

(mais…)

ÂNGELA E MARÃO NO “VALE DO AMANHECER”

A postagem foi publicada no dia 21 de junho. Recebemos várias pedidos de “repeteco”.

Informações que chegam ao Blog do Gusmão dão conta de que a “irmã” Ângela (deputada estadual do PSC), fechou um acordo político com o grupo espiritual Vale do Amanhecer, do Banco da Vitória (bairro de Ilhéus).

De uns tempos pra cá, tá valendo tudo! Desfile em blocos de carnaval, dançar forró, visitas  de surpresa a terreiros de candomblé e etc.

Todo esforço é pouco e o conservadorismo cristão é só um detalhe.

 

Ângela e Marão serão consagrados no "Vale do Amanhecer". Fotomontagem do Blog do Gusmão.

PAULO CARQUEIJA ESTÁ CALADO

O início do mandato do vereador Paulo Carqueija (PT), de Ilhéus, foi brilhante. Logo de cara ele encampou uma luta contra as empresas do transporte coletivo, conseguindo aprovar na câmara, uma emenda à lei orgânica municipal, proibindo os “motocobras” (um só funcionário exercendo as funções de cobrador e motorista dentro do veículo).

Hoje as empresas continuam desrespeitando a lei, diante do silêncio do petista, que de uma hora para outra emudeceu, sem dar qualquer tipo de explicação.

Precisamos saber. O que houve Carqueija? Cortaram sua língua?

“ELE TEM O DELE, EU TENHO O MEU”

O vice-prefeito de Itapé, Paulo Alves, decidiu não seguir a recomendação do titular, Jackson Resende, para as eleições deste ano. O prefeito firmou compromisso com Ronaldo Caletto, já o vice afirma que manteve a coerência e respeitou a fidelidade partidária ao PMDB, por isso, caminha com Renato Costa, forte candidato à assembléia legislativa. Perguntamos se não temia represálias, ele nos respondeu: "vivemos numa democracia, ele tem o dele, eu tenho o meu. Qual o problema?" Nesta foto, Paulo Alves empolgado fez o "V" da vitória.

PLACA DE JABES GERA CONFUSÃO NO NOSSA SENHORA DA VITÓRIA

Uma placa do ex-prefeito Jabes Ribeiro, com os deputados Mário Negromonte (federal) e Ronaldo Carletto (estadual) foi motivo de uma disputa, ontem (domingo/15), na praça do bairro Nossa Senhora da Vitória, em Ilhéus.

O vereador Dinho Gás (PSC) organizava uma festa no local, e por apoiar a deputada estadual Ângela Sousa, determinou que a propaganda de Jabes fosse rasgada “na tora”. A placa foi  afixada na parede de uma casa, uma semana antes do evento, com a autorização do proprietário.

Assessores das duas partes entraram em discussão e o caso foi parar na delegacia.

Veja as fotos.



NOTA DE ESCLARECIMENTO DA SESAB SOBRE OS RECURSOS PARA A SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE ITABUNA

Em virtude da nota “Itabuna: atraso pode fechar pronto socorro”, a Secretaria Estadual de Saúde (SESAB) esclarece que não há atraso no repasse de recursos à Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. O conjunto de recursos financeiro referentes a prestação de serviços de saúde, para procedimentos de média e alta complexidade em Itabuna passou de R$ 48 milhões em 2006  para R$ 74 milhões em agosto de 2010, sendo que de dezembro de 2008 a agosto de 2010, esse aumento significou R$ 11 milhões a mais para a saúde do município. Além desses recursos provenientes do Ministério da Saúde/SUS, foram investidos em Itabuna mais 26 milhões do Tesouro Estadual, totalizando cerca de 100 milhões de reais.

A Sesab vem contribuindo com diversas ações para auxiliar esta instituição na ampliação dos seus serviços, a exemplo da habilitação em cardiologia, disponibilização de novos recursos para a realização de cirurgias bariátricas e na obtenção de novos equipamentos, incluindo, a ampliação da UTI neonatal.

TELEANÁLISE: AS VOZES, OS RUÍDOS E AS BARRACAS DE PRAIA

Por Malu Fontes.

A situação, o impasse, os protesto, os personagens e, principalmente, o tom da cobertura jornalística da demolição das mais de 350 barracas de praia de Salvador, adquiriram novos contornos e tons nos últimos dias. As idas e vindas entre Prefeitura, Poder Judiciário e barraqueiros chegaram, finalmente, às tendas rústicas e aos sobreiros coloridos das barracas bacanas da parte rica da orla. Se há um cenário em que tudo parece ter sido feito errado desde o começo, este é o do imbróglio em torno dos equipamentos de lazer e serviços instalados nas praias que margeiam Salvador.

Depois de décadas de improviso, desordenamento, ilegalidade, bagunça, assombro estético, conivência silenciosa e vista grossa do poder público, além, é bom não esquecer, das quase sempre péssimas condições sanitárias e higiênicas da maioria das barracas de praia de Salvador, a Prefeitura e o Poder Judiciário resolveram, em nome da instauração da legalidade ambiental, territorial e do projeto ‘Choque de Ordem’ (qualquer semelhança com o Rio de Janeiro não terá sido mera coincidência), que a solução estava mesmo era na medida ‘não deixar pedra sobre pedra’, ou seja, derrubar tudo, literalmente.

(mais…)