PORTO SUL: “A PIOR CONCEPÇÃO DO PIOR PROJETO”

Amílcar Baiardi.

Entrevistamos Amílcar Baiardi, professor dr. da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (clique aqui), mais um pesquisador de postura extremamente crítica ao Porto Sul.

Baiardi afirma que a idéia do Governo do Estado e da BAMIN é “a pior concepção do pior projeto”, uma vez que desrespeita as vocações naturais do Sul da Bahia, e impõe um complexo intermodal voltado apenas para exportação de minério de ferro, matéria-prima que sairá do estado sem valor agregado.

Para ele, o potencial que o estado tem, relacionado ao minério de ferro, não deve ser ignorado. Entretanto, há várias alternativas que possibilitariam a exploração dessa riqueza, sem necessariamente destruir as potencialidades inerentes a esta região.

Ouça a entrevista.




2 responses to “PORTO SUL: “A PIOR CONCEPÇÃO DO PIOR PROJETO”

  1. cara estou de saco cheio e acredito que muitos ilheenses também, rapaz toda hora aprece um engomadinho de cabelinho de milho falando macio falando disso falando daquilo, mas cadê as alternativas desta gente ? ilhéus e região ainda tem que aguentar as papagaiadas dos falidos do cacau e os fantamas dos coronéis, sempre se houve: você sabe de quem sou filho ? quem esse baiyardi, professor o sr. é um mestre e discursos boniros estamos cheios, faz projeto e manda sugestãoapresenta proposta sai da fila do fala fala mestre, que coisa !

  2. PARA ESSE DR. A VOCAÇÃO DO SUL DA BAHIA É A POBREZA E FALTA DE OPORTUNIDADES PARA O POVO E UM OASIS PARA OS RICOS BRINCAREM DE NATURISTAS.
    OU ENTAO ELE QUER O PORTO LÁ NO RECÔNCAVO.

    CHEGA DESSES CRÍTICOS OPORTUNISTAS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *