CHEFE DA CASA CIVIL DE SALVADOR RENUNCIA UM DIA APÓS ASSUMIR

O vereador Alfredo Mangueira (PMDB) renunciou na manhã desta quarta-feira ao cargo de chefe da Casa Civil da prefeitura de Salvador. Segundo Mangueira, que nunca escondeu sua ligação com a Paratodos, controladora do jogo do bicho na Bahia, a renúncia ocorreu por entender que “a inexistência de autonomia para o Titular do Cargo impede o exercício sério, pleno, transparente e competente da função”.

A nomeação havia gerado críticas por parte da oposição à administração do prefeito João Henrique (PMDB). Mangueira renunciou por meio de carta enviada ao prefeito. A nomeação havia sido publicada na terça-feira no Diário Oficial do município.

Esta não é primeira vez que o vereador desiste de um cargo. Em 2009, ele renunciou ao posto de presidente da Câmara Municipal de Salvador, oito dias após assumir a presidência, por questões pessoais. Nos bastidores, comentava-se que a desistência seria fruto de um pedido dos banqueiros do bicho, incomodados com a visibilidade do cargo.

(mais…)

EM PRIMEIRA MÃO: RUY CARVALHO É DO PRB

Ruy, antes "melância", agora IURD.

O médico e político Ruy Carvalho filiou-se ao PRB, partido da Igreja Universal do Reino de Deus e do ex-vice-presidente José Alencar. Sua filiação foi aprovada em Salvador na semana passada.

O anúncio oficial será feito assim que o Deputado Federal e Bispo, Márcio Marinho, visitar Ilhéus, o que deve ocorrer nos próximos dias.

Ruy já foi filiado ao PT e PV, partido que lhe rendeu muito desconforto e que praticamente o obrigou a se desfiliar. Agora, esperamos que Ruy finalmente acerte o pé estando no PRB.

INSCRIÇÕES PARA CONCURSO DA PETROBRAS COMEÇAM SEGUNDA

Começam na próxima segunda-feira (10), as inscrições para o concurso Petrobras 2011. São 838 vagas, para cargos de nível médio e superior. A remuneração para os aprovados é de até R$ 6.217,19. Os interessados têm até 27 de janeiro e devem acessar a  página da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br), onde encontrarão o edital do processo seletivo.

A taxa de inscrição custará R$ 30 para os cargos de nível médio e de R$ 45 para os cargos de nível superior. As vagas estão distribuídas nos estados da Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Sergipe, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Paraíba, Amazonas, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Alagoas, Pernambuco, Maranhão, Pará, Goiás e Santa Catarina. As provas objetivas devem acontecer no dia 27 de fevereiro.

Com informações do Correio.

CHURRASCO GREGO

Burburinhos indicam que o grupo da deputada Ângela Sousa e do vice-prefeito Mário Alexandre pretende romper com o prefeito Newton Lima, depois que Agusto Macedo, indicado por Ângela, foi exonerado da secretaria de assistência social por suspeita de corrupção e comportamento indigno, desmerecedor do cargo.

Ângela nãoprestou explicações sobre o encândalo na secretaria até hoje.

Dias atrás, Mário Alexandre deu um belo churrasco para os vereadores da oposição. Suspeita-se de que uma das carnes servidas tenha sido a cabeça de Newton.

FREITAS, O DESAGREGADOR

O secretário de planejamento de Ilhéus, Alisson Mendonça, é a nova vítima do colega Carlos Freitas.

Nas ações de retirada dos ambulantes que ocupam irregularmente o espaço público, os fiscais da prefeitura utilizam o seguinte álibi: “Carlinhos não tem nada com isso. Foi Alisson quem mandou”.

Recentemente, durante uma reunião com o prefeito Newton Lima e o secretariado, Alisson questionou Freitas por não ter planejado uma operação especial de limpeza da cidade durante a alta estação. Perdido e desconcertado, o “homem do lixo” não apresentou argumentos convincentes. Aflito, pediu ajuda ao experiente César Cão, funcionário de carreira do setor: “sim César, nós vamos fazer o quê? Pense aí”.

A DESASTRADA GESTÃO DE IONÁ QUEIROZ

Quem visita Camamu com destino às lindas praias da península de Maraú percebe logo de cara o quanto a cidade está suja e abandonada.Comandada pela petista Ioná Queiroz desde 2009, o município vive um caos administrativo. Antes a esperança, a prefeita só trouxe decepção.

Buracos, lixo espalhado, servidores municipais insatisfeitos e distritos esquecidos compõem o quadro vexatório vivido por Camamu, cidade com referencial histórico importante, repleta de casarões, muitos com mais de 200 anos de construção.

O cais, local de grande movimentação por dar acesso às embarcações que transportam turistas para Barra Grande (“point” entre os mais procurados da Bahia) é uma sujeira só.

Em Ilha Grande (uma hora de barco da sede) a população foi condenada ao abandono. A rede de abastecimento de água, de responsabilidade da prefeitura, há 15 dias interrompeu o fornecimento por falta de manutenção. A ponte que dá acesso ao pequeno porto da ilha ameaça cair a qualquer momento.

Ouvimos 15 moradores de Camamu, todos garantem que Ioná entregou o poder a parentes, que ocupam os principais cargos e exibem sinais nítidos de enriquecimento. Recentemente afastada pelo TRE (por crime eleitoral), a prefeita permanece graças a uma liminar obtida junto ao TSE.

O clima de incerteza dá o tom da gestão do PT, que mesmo com o apoio do governador Jaques Wagner, impõe grande descontentamento à população.

Ilha Grande de Camamu: moradores sem água por falta de manutenção na rede.

GERALDO SIMÕES PEDE A MINISTRO AMPLIAÇÃO DE PROJETOS PARA AGRICULTURA FAMILIAR

Depois de participar da posse da presidente Dilma Rousseff, em Brasília, o deputado federal  Geraldo Simões prestigiou a posse de ministros do Governo Federal. Simões esteve na posse de Afonso Florence no Ministério de Desenvolvimento Agrário, acompanhando o governador Jaques Wagner. Durante a posse, o deputado conversou com o ministro sobre programas destinados à agricultura familiar no Sul da Bahia. “Afonso Florence se comprometeu a ampliar os programas que fortalecem a agricultura familiar, que na região cacaueira responde por boa parte da produção agropecuária, através de projetos de capacitação, aplicação de novas tecnologias e liberação de crédito”, afirmou Geraldo Simões.

O deputado lembrou que no final de dezembro de 2010 o governador Jaques Wagner inaugurou em Ibicaraí a primeira fábrica de chocolates finos do Brasil gerenciada por agricultores familiares, agregando valor ao cacau e gerando emprego e renda. “Brevemente, o governador estará inaugurando em Coaraci, unidades de beneficiamento de leite, para produção de queijo, iogurte e manteiga, outra iniciativa que fortalece a agricultura familiar”, afirmou. Em Coaraci, já funciona uma indústria de polpa de frutas, mantida por pequenos produtores.

(mais…)