O QUE SERÁ QUE SERÁ

“O que será que me dá
Que me bole por dentro
O que será que me dá?
Que brota à flor da pele
O que será que me dá?
E que me sobe às faces
E me faz corar
E que me salta aos olhos
A me atraiçoar
E que me aperta o peito
E me faz confessar …”

Por Marcos Pennha.

Hoje, amanheci em estado de graça. Aliás, isso não me é mais novidade, visto que esse é o meu natural. Acordei e a primeira coisa que fiz, literalmente, foi abrir os olhos. Ouvindo a música “O que será que será”, na voz do nosso estimado Bituca, o impagável Milton Nascimento, pus-me a refletir sobre os diversos fatos acontecidos em especial na cidade em que vivo, nossa majestosa Ilhéus.

“… O que não tem mais jeito de dissimular

E que nem é direito ninguém recusar

E que me faz mendigo

Me faz suplicar …”

O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), é um especialista no uso do “promessômetro” (utilizando a expressão da nossa querida Marina Silva/ PV). Há alguns dias, na abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa, ele teve a cara de pau de conclamar aos deputados, a sociedade civil e a imprensa para se mobilizarem em prol do porto sul. Ora, governador, tá pensando que em Ilhéus só tem trouxa? O governo ainda não apresentou o Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) ao Instituto Brasileiro de Meio Ambiente, Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) a fim de que se realize a audiência pública. Ou será que o governador tá pedindo pelo amor de Deus pelo terminal de uso privativo para exportação de ferro da Bahia Mineração (BAMIN), que teve recentemente sua licença prévia negada pelo IBAMA? Algum dos assessores do governador tem que lhe explicar a diferença entre o porto público do dito terminal. Eu sugeriria o nome do talentoso jornalista Daniel Thame, o qual nutro admiração por seus escritos, embora nem sempre concorde com suas ideias. O problema é que Daniel nunca comparece nos eventos ligados a esse assunto. Posso afirmar isso com segurança, pois estive na maioria deles, às vezes até sem ser convidado. Por outro lado, tem que se levar em consideração que Daniel é um fã confesso de Wagner e Lula. Ele, que hoje vive como um bon vivant, fumando charuto cubano e tudo, tem lá seus motivos.

(mais…)

SONS E SABORES

Ilhéus receberá o Festival Sons & Sabores, um evento para intergrar elementos da cultura local, como a gastronomia a música e o artesanato.

Além de bares e restaurantes, o evento contará com a participação de artistas regionais e nacionais, além de cursos e oficinas de artesanato e culinária que serão ministradas por técnicos do Sebrae.

O festival acontecerá entre os dias 20 e 24 de abril, no estacionamento do Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães.

Informações Rip Star Idéias

O PANFLETO QUE VAZOU

Um panfleto contendo ataques ao secretário municipal de Governo, Alcides Kruschewsky foi descoberto no início da tarde desta sexta-feira (25), em Ilhéus, antes mesmo de deixar a gráfica onde foi impresso.

Segundo o secretário, há fortes suspeitas de que o documento intitulado “O inimigo Público número 1 de Ilhéus”, tenha como responsáveis vereadores que fazem oposição ao prefeito Newton Lima.

O documento fala do indiciamento de Alcides na Operação Vassoura-de-bruxa, e o acusa de formação de quadrilha e falsidade ideológica.

Kruschewsky disse que uma cópia do panfleto foi entregue a ele depois que funcionários da gráfica constataram o teor do material. Ele pretende entregar o caso ao Ministério Público.

Informações do Jornal Bahia Online

HUMOR: KALIF VAI LUTAR AO LADO DE KADAFI

 

Kalif Rabelo recebeu na madrugada da última quinta-feira, um telefonema do seu "brimo" Muammar Kadafi. A situação não está nada boa na Líbia e Kalif, primo em 3º grau do ditador, lutará como voluntário. Roberto Rabat e José Nazal também foram convocados, mas preferiram ficar em Ilhéus, já que o prefeito Newton Lima se assemelha, fisicamente, a Kadafi. Na próxima quarta-feira, Kalif vai embarcar rumo à Líbia. Até lá, seus amigos terão tempo suficiente para dar o último abraço.