EM PRIMEIRA MÃO: A NOVA SÁTIRA DA POLÍTICA ILHEENSE

Gravamos com exclusivade o trecho inicial do novo espetáculo do Teatro Popular de Ilhéus.

A nova peça, “O Inspetor Geral: sai o prefeito, entra o vice”, do diretor Romualdo Lisboa, é a continuidade do aclamado “Teodorico Majestade – as últimas horas de um prefeito”.

A gravação aconteceu na última terça-feira (15), na Casa dos Artistas, quando os atores estavam repassando o texto.

Depois que Teodorico foi expulso de Ilha Bela, Gilton Munheca assumiu a prefeitura, sempre ajudado por seu irmão Zé de Minga.

Novas personalidades subiram os degraus da política de Ilha Bela, para assessorar o prefeito Munheca. São eles: Cacau das Treitas, Joãozinho, Jorge Paraíba, Saulo da Leira, Gugu Porquinho, Pai Didão, Jarlison e Rosângela (mãe do vice).

O novo espetáculo, que tem o patrocínio do SESI/SP, estréia no dia 05 de maio, em São Paulo. O público de Ilhéus só poderá assisti-lo em dezembro, após o fim da temporada na capital paulista.

Conheça o início do texto.



5 responses to “EM PRIMEIRA MÃO: A NOVA SÁTIRA DA POLÍTICA ILHEENSE

  1. Parabéns Teatro Popular de Ilhéus pelo excelente trabalho minuncioso de pesquisa e clareza através de um diálogo aberto e reflexivo (como propunha Brecht) e pela difusão da literatura de cordel para diferentes públicos.

  2. Quando o povo se cala cabe aos artistas levantar voz, parabéns à turma do teatro popular, é a arte mostrando seu papel social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *