CARLOS FREITAS DESRESPEITA MORADORES DO ALTO NERIVAL

 

Freitas: mais um caso de estupidez.

Uma moradora do Alto Nerival, conhecida como “Terezinha”, acusou o secretário de serviços urbanos de Ilhéus, Carlos Freitas, de fazer zombaria com os moradores do local.

Freitas teria dito a um grupo, que eles deveriam “se lascar”, pois não mandou ninguém morar no morro e no mato.

Terezinha fez a denúncia terça-feira (22/03) no programa Patrulhando a Cidade (Rádio Santa Cruz), apresentado por Raimundo Jackson.

A comunidade do Alto Nerival sofre com os deslizamentos de terra em tempos de chuva. O barro invade as casas e destrói tudo.

Em qualquer governo sério, essa acusação, muito grave, seria investigada. Sendo provada, o secretário seria exonerado imediatamente.

Zombar de quem sofre é um ato desumano e perverso, uma estupidez.

Ouça o depoimento de Terezinha do Alto Nerival.

 

 

 

 



7 responses to “CARLOS FREITAS DESRESPEITA MORADORES DO ALTO NERIVAL

  1. VOU POSTAR UM COMENTARIO NAO POR QUE ESTE INDIVIDUO ARROGANTE E PRETENCIOSO MEREÇA ALGUM CREDITO MAIS SIM PELA FALTA DE RESPEITO DELE PARA COM OS MORADORES DA MINHA LOCALIDADE.OLHE SO CARLOS FREITAS NAO VENHA CANTAR DE GALO AQUI EM MINHA COMUNIDADE NAO VIU?QUE AQUI O FUMO É MAIS GROSSO,DEIXE CHEGAR A ELEIÇOES PARA VOCE VIM AQUI PEDIR VOTO,QUE TODOS AQUI VAO LHE DÁ O QUE É DE DIREITO,UMA BELA BANANA.SINCERAMENTE,EU NAO SEI O POR QUE DO SR NEWTON LIMA,INSISTE EM CONTINUAR COM ESTE SER DESPRESIVEL OCUPANDO UM CARGO DE CHEFIA.É MAIS COMO DIZ O DITADO:
    PENSE EM ABSURDO!ACONTECE NA BAHIA!
    NO CASO DE NOSSA QUERIDA ILHEUS PODEMOS DIZER:
    PENSE EM UM AFRONTE!É UMA PESSOA DESPRESIVEL OCUPAR UM CARGO SEM TER COMPETENCIA PARA ISSO!!!!
    FORTE ABRAÇO GUSMÃO E NÃO BAIXE A CABEÇA PARA ESTE INDIVIDUO NÃO VIU!

  2. Vergonha! isto é esquecer que já foi pobre e que pode voltar para pobreza, que tudo é passageiro, este rapaz faz pouco da pobreza, da situação em que vive os humildes, falta de respeito com o sofrimento alheio.Pobre Carlos Freitas mais pobre do que todos os pobres pois, é pobre de espírito de Deus.

  3. Édito proclamatório. (PRIMEIRO E ÚLTIMO AVISO)
    VASSALOS.
    Vou procurar ser o mais claro e mais didático possível, para colocar a todos na posição genérica que compete a cada um dentro do atual sistema político e administrativo vigente. Quero evitar que represálias severas sejam aplicadas a todos os que, por ignorantes das normas vigentes; se insurgem perigosamente às penas da lei. Pois que nos leiam com atenção os não analfabetos, claro!
    Não confundam Sesmaria com Feudo. Ilhéus é um feudo. (Propriedade que o senhor de certos domínios concedia mediante a condição de vassalagem e prestação de certos serviços e rendas). Nele estão inclusos toda área territorial do município bem como os munícipes ilheenses nativos, bem como aqueles outros que, por consensual opção, vieram de fora para aqui se instalarem. Todos, indistintamente são vassalos; logo, sob os poderes e normas que incorrem àqueles sob regime de vassalagem legalmente instituída no Município de Ilhéus.
    Portanto, que fique bem claro a todos os vassalos: Que insurgências comportamentais e/ou tentativas de reclamações ou quaisquer pleitos, serão energicamente frustrados, mercê dos poderes legalmente atribuídos pelo voto, ao legítimo Senhor desta vassalagem em Exercício.
    Que não serão admitidos juízos de valor; críticas; apupos ou fibulações contra os proeminentes Senhores componentes dos primeiros, segundos, terceiros quartos, quintos, e etc, desta régia vassalagem, legitimamente investidos dos poderes irretocáveis e irretratáveis que lhes foram atribuídos pelo detentor legal e patrono-mor desta vassalagem. Cabe um alerta importante. Inclua-se desde assessores diretos e indiretos do Gabinete-Mor, tanto quanto porteiros; varredores de rua; serviços gerais; escribas; carregadores; etc.
    Alertamos a todos os vassalos e àqueles recém avassalados; que o Sistema está devidamente capacitado e pronto para responder à altura, com a força, a energia e a autoridade suficientes de que estão investidos; para combater toda e qualquer insubordinação e/ou insurgência advindas dos vassalos, porquanto sejam todos conscientes dos seus deveres, responsabilidade e obrigações bem como do reconhecimento das limitações que as Normas de vassalagem lhes impõem com regra intransponível.
    Na ausência do Senhor Vassalo Mor.
    PP. do Czar Bunecowsky Ardemiovo Bolsowiski
    Assino: Jose da Silva dos Santos. (escriba nível 0000.003/a)

  4. Gente não são os bichos que tem que aprender a nossa língua ,mas nós que temos que aprender a deles .
    NÃO SE ESQUEÇAM QUE NEWTON LIMOEIRO TEM RABO PRESO COM ESSE “MINISTRO DA EDUCAÇÃO”.

  5. é quem era carlinhos…..aquela pessoa simples , humilde , simpatico, deixou o “poder” subir pra cabeça , agora ta aí sendo odiado por todos ilheenses. tinhamos grandes amizades , hoje passa por mim e abaixa a cabeça. ÈEEEEEE

  6. COMO PODE UM SECRETÁRIO ATUAR DESSA FORMA, EITA, GENTE DESPREPARADA NESSA PREFEITURA…..Dr. malvadeza, essa vida sua e passageira.

  7. Gostei da aula que o caro Escriba José…nós deu. Gostaria de acrescentar que quando estudei o periódo feudal,só existia um senhor. Neste mar de fezes que habita a terra do cacau, são muitos os senhores. Todos detentores da chefia de quadriha.Porisso meu caro fica dificil faze valer este proclamatório kkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *