O PORTEIRO QUE PASSOU NO VESTIBULAR, MAS NÃO PODE IR ÀS AULAS

O porteiro Carlos Augusto

Carlos Augusto é porteiro da escola IME/Pontal, em Ilhéus.

Em julho de 2008, após ser aprovado em concurso, ele assumiu a vaga.

Carlos Augusto quer mais. Deseja ser professor, por isso, prestou o último vestibular da UESC, almejando o curso de geografia.

O esforço valeu a pena e seu nome saiu na lista dos aprovados.

Mas surgiu um problema. As aulas do curso, já iniciadas, são matutinas, ou seja, ocorrem no turno em que ele trabalha na escola.

Segundo Carlos, a secretária de educação, Lidiney Campos, deu três datas para resolver o problema. Expirados os prazos, ela disse que não tinha como resolver, uma vez que ele ainda cumpre o estágio probatório.

A desculpa foi aceita pelo sindicato dos professores, que representa também o servidores da educação (APPI). Lamentavelmente, os sindicalistas não insistiram na causa de um porteiro de uma escola que deseja ser professor. Que contradição!

Servidores públicos federais e estaduais podem solicitar mudança de turno em situações parecidas. Para o azar de Carlos Augusto, os municipais ainda não gozam desse direito.

Por outro lado, na prefeitura de Ilhéus, vereadores e secretários usufruem de “jeitinhos” para romper problemas do tipo, vivenciados por seus apaniguados.

Enquanto isso, o porteiro (sem padrinho político) corre o risco de ser reprovado por faltas e perder a vaga.

A CAMPANHA DA SANTA CASA E OS BEZERROS INSACIÁVEIS

 

Haja leite pra "sustentar" os bezerros.

Informante do Blog do Gusmão, especialista em recursos do SUS, afirma categoricamente que a Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus tem muitos bezerros, que adoram litros e mais litros de “um bom leite gorduroso” rico em cálcio.

Os funcionários merecem respeito, o passado da instituição também, entretanto, os bezerros só querem mamar, mamar e mamar.

Sendo assim, este blog gostaria muito de veicular gratuitamente a campanha “Ajude a Santa Casa”, mas devido à fome insaciável dos bezerros, ficaremos de fora, bem distantes.

Se os funcionários organizarem uma ação separada, este espaço terá grande prazer em ajudar.

DRAGAGEM NO PORTO DO MALHADO

Até 2014, os Portos de Aratu, Salvador e Ilhéus, administrados pela Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba), receberão aproximadamente 1 bilhão de reais em investimentos provenientes do Governo Federal, iniciativa privada e recursos próprios da empresa.

Os projetos de modernização e ampliação dos portos serão mostrados na South America 2011, que acontece de 5 a 7 de abril, em São Paulo. É a primeira vez que a Companhia participa da feira.

De acordo com o presidente da Codeba, José Muniz Rebouças, os portos baianos registraram em 2010 cerca de R$ 97 milhões em faturamento e 9,27 milhões de toneladas de movimentação total, um recorde. “Os investimentos permitirão o crescimento futuro, pois vão aprimorar os serviços disponibilizados e atrair novos clientes”, afirma.

Em Ilhéus ocorrerá a ampliação do píer e tanques do terminal de granéis líquidos, dragagem e a modernização do porto.

Além do detalhamento dos investimentos, a participação na feira tem objetivo de mostrar as potencialidades e diferencias dos portos públicos da Bahia, como a estratégica posição geográfica dos terminais, afirma José Muniz Rebouças.

Informações A Tribuna

CONCURSOS FEDERAIS SUSPENSOS

A presidente Dilma Rousseff vetou por tempo indeterminado concursos públicos e contratações de servidores públicos civis em 2011, na esfera do Executivo.

A decisão foi publicada no Diário Oficial da última segunda-feira (28) e faz parte do pacote de cortes de 50 bilhões de reais anunciado pelo governo em fevereiro.

Além de novos concursos, a medida atinge as nomeações de seleções já feitas para cargos públicos em ministérios, agências reguladoras, autarquias e fundações.

Os concursos em andamento serão finalizados normalmente, mas as nomeações passarão por uma avaliação da ministra do Planejamento, Míriam Belchior. As nomeações que tiveram portarias publicadas até esta segunda não serão afetadas.

A medida também não vale para o atendimento de decisões judiciais e contratações temporárias.

PROPAGANDAS NAS FARDAS DOS PMS

O deputado estadual Wagner Montes (PDT/RJ) desistiu de colocar em votação o projeto de lei que permitiria a inserção de propagandas nas fardas de policiais, bombeiros e agentes penitenciários do Rio de Janeiro.

Montes tinha a seu favor o argumento de que o estado não oferece remuneração adequada aos policiais, e que a propaganda serviria de reparação à defasagem dos salários (já que  R$ 270 reais seriam repassados a cada policial que tivesse a propaganda na farda).

A proposta não agradou a população, já que colocaria a credibilidade da polícia em jogo. Diante da negativa popular, Wagner Montes não colocou o projeto em votação.

JOSIAS NO VELÓRIO DE JOSÉ ALENCAR

Josias cumprimenta o governador Antonio Anastasia (MG) e o senador Aécio Neves.

O deputado federal Josias Gomes (PT) acompanhou ontem (quarta-feira, 30), no Palácio do Planalto, o velório do ex-vice-presidente da República, José Alencar.

Políticos diversos participaram das últimas homenagens ao  ex-vice presidente, uma espécie de “unanimidade nacional”, conforme caracterizou Josias.

NEWTON E BAHIA JUNTOS EM SAMPA

Fonte confiável deste blog nega que o prefeito de Ilhéus, Newton Lima, e o secretário municipal da fazenda, Jorge Bahia tenham ido juntos a Buenos Aires, dançar tango e comprar roupas baratas.

Na verdade, segundo a fonte, Newton e Bahia rumaram à São Paulo, sozinhos e desprovidos das agradáveis companhias de suas esposas.

Vale lembrar que o Ministério Público Federal acusa Jorge Bahia de ter cometido improbidade administrativa. O prefeito, até agora, não esboçou qualquer intenção de afastá-lo, para que possa provar sua inocência (ou não) fora da secretaria da fazenda.

Governos sérios costumam tomar atitudes parecidas.

DERRUBARAM ÁRVORES NO PESC E FORAM PRESOS

Uma operação que reuniu o Instituto do Meio Ambiente – IMA, e os Investigadores da Delegacia de Proteção Ambiental – DPA (Ilhéus), prendeu na tarde da última terça feira (29), Edson Martins dos Santos e Valdeildo Nascimento dos Santos Filho.

Ambos residentes na cidade de Itacaré, estavam cortando árvores dentro do Parque Estadual Serra do Condurú – PESC, com a utilização de uma motosserra. No local foram encontradas madeiras na forma de prancha e outra árvore começava a ser derrubada.

Os homens alegaram que a madeira era para uso próprio, mas não convenceu os policiais. Eles foram encaminhados à delegacia de Ilhéus, e podem ser enquadrados na lei de crimes ambientais, pegando de 1 a 5 anos de prisão.

ALELUIA CONTESTA TÍTULO CONCEDIDO A LULA

O despeito de Aleluia.

Professor universitário, presidente da Fundação Liberdade e Cidadania e vice-presidente nacional do Democratas, o ex-deputado José Carlos Aleluia enviou carta ao Reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Silva, contestando a entrega do título de doutor honoris causa ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“Na condição de professor universitário venho perante Vossa Excelência manifestar a minha perplexidade — e porque não dizê-lo–, indignação, diante da concessão do título de doutor honoris causa, pela instituição que ora Vossa Excelência representa, ao ex-Presidente da República do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva.

(mais…)