VAGAS DE EMPREGO PARA SEGUNDA-FEIRA EM ILHÉUS

Os interessados devem se dirigir à unidade do SineBahia no SAC, sala 13, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro de Ilhéus. É necessário levar  carteira de trabalho, RG, CPF e Comprovante de Residência.

O atendimento é feito unicamente de forma presencial. A divulgação das vagas é de responsabilidade do Sine-Ilhéus. As oportunidade são válidas somente para segunda-feira (16 de janeiro).

Ajudante de carga e descarga

  • Formação: Ensino Fundamental Incompleto

  • 06 meses de experiência

  • 01 vaga

Cadista

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 03 meses de experiência

  • 01 vaga

Garçom

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 03 meses de experiência

  • 03 vagas

Veja abaixo outras vagas.

(mais…)

FIDELIDADE MAIS DO QUE CORAJOSA

Comentário de José Henrique Abobreira no facebook: "Esta foto é significativa, pois demonstra a grandeza e inteireza de caráter de Alisson Mendonça. Enquanto todos os aliados fugiram de se expor junto ao prefeito Newton Lima, durante o cortejo da lavagem da Catedral, para não dividirem com ele o ônus do desgaste, Alisson foi o único a demonstrar lealdade acompanhando-o, colado, por todo o percurso. Homem, de verdade, age assim!" Foto: Andrei Sansil.

ALISSON MENDONÇA PODE DEIXAR O GOVERNO

De saída.

A paciência do secretário de governo de Ilhéus, Alisson Mendonça, com o todo poderoso Jorge Bahia chegou ao fim.

Nos próximos dias, Alisson pretende deixar a secretaria de governo para retornar à câmara de vereadores. Poderia ficar até abril, caso se candidate em 2012.

Bahia boicota abertamente Alisson e os demais secretários alinhados a ele: Alexandre Simões, Fernando Hughes e Murilo Brito.

A secretaria de saúde, comandada por Alexandre, não recebeu recursos para pagar o 13º dos servidores contratados (a secretaria de assistência social, dirigida por Ari Silva, ligado ao deputado Josias Gomes, já recebeu).

Murilo Brito não consegue recursos para pagar as máquinas que trabalharam nas estradas do interior. Consta que Bahia lutou para manter Angelito Tavares (antecessor de Murilo) na pasta, como não conseguiu, fez seu remanejamento para a secretaria de finanças.

Fernando Hughes, secretário de administração, já percebeu que no governo Bahia manda e desmanda, por isso não está disposto a servir de fantoche.

Os petistas insatisfeitos analisam a possibilidade de romper com o governo.