VALDERICO E EX-SECRETÁRIOS SÃO DENUNCIADOS POR CORRUPÇÃO

Valderico saiu da vida pública, mas a justiça não o esqueceu.

Faz algum tempo que o empresário Valderico Reis deixou (em péssimo estado) a prefeitura de Ilhéus. Mas traquinagens dessa época sempre vêm à tona.

Dessa vez, a promotora Karina Cherubini oficializou denúncia na justiça contra o ex-prefeito e os ex-secretários de educação, Almir Pereira, e de Obras, Celso Luiz.

O trio é acusado de desviar 120 mil reais que deveriam ser usados na reforma da Escola Municipal do Basílio, em 2006. O esquema contou com a conivência dos proprietários da D.S.D.S.D.A. Construtora, Washington dos Santos e Deborah Sthepanie de Santana.

A acusação afirma que a empreiteira foi contratada sem licitação. Na época, o então prefeito ordenou o pagamento de todas as parcelas do contrato, mas nenhum serviço foi feito.

Sem a reforma, o prédio foi interditado e mais de 200 alunos da unidade foram remanejados para locais inapropriados.

Segundo a promotora, todos vão responder por crime de peculato e falsidade ideológica.

VAGAS DE EMPREGO PARA SEXTA-FEIRA EM ILHÉUS

Os interessados devem se dirigir à unidade do SineBahia no SAC, sala 13, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro de Ilhéus. É necessário levar carteira de trabalho, RG, CPF e Comprovante de Residência.

O atendimento é feito unicamente de forma presencial. A divulgação das vagas é de responsabilidade do Sine-Ilhéus. As oportunidades são válidas somente para sexta-feira (30 de março).

  • Depilador de couros e pele

  • Eletricista de alta tensão

  • Monitor de esportes e lazer

Clique no Leia mais e confira outras vagas.

(mais…)

ESGOTO INVADE CASAS NO BAIRRO DE FÁTIMA

Esgoto a céu aberto atinge casas no bairro de Fátima.

As fotos acima mostram o descaso da Emasa com moradores da II Travessa Monte Alto, no Bairro de Fátima, em Itabuna, por onde um esgoto escorre há mais de três meses e a empresa ignora o problema.

Segundo moradores, o esgoto percorre toda a rua, inclusive invadindo casas e levando mau cheiro e risco de doenças.

Na última semana, uma equipe da Emasa foi ao local, avaliou o problema e afirmou que voltava na última terça (27), mas até essa quinta (29), ninguém apareceu.

Um morador observa que na propaganda da TV a empresa é um exemplo de prestadora de serviço público, mas na vida real, deixa muito a desejar.

SOMENTE 355 TORCEDORES FORAM VER O ITABUNA

O Itabuna Esporte Clube entrou em campo ontem (quarta, 28) em casa, contra o Atlético de Alagoinhas, depois de ter levado sete gols do Bahia, no fim de semana. Como não é surpresa, o time não venceu, conseguindo um empate magro em 1 a 1.

Mesmo jogando em casa, o clube não contou com o apoio da torcida. Segundo o A Região, somente 355 pessoas foram ao estádio ver o Itabuna jogar e não se decepcionaram com o empate.

O clube continua na última posição do campeonato, sendo forte candidato à segunda divisão novamente.

A equipe retorna a campo no próximo domingo (01), diante do todo poderoso Vitória, no estádio Luiz Viana Filho.

LEI PROMETE ACABAR COM OS “DJS DO BUZU” EM ILHÉUS

Um projeto de lei do vereador Paulo Carqueija promete agradar muita gente.

Na sessão de ontem (quarta, 28), Carqueija anunciou que enviará em breve à mesa da câmara uma proposta para vetar o uso de aparelhos sonoros (celulares, caixinhas de som e outros) dentro dos ônibus que circulam na cidade. O vereador não adiantou como será feita a fiscalização.

Pelos constantes protestos contra os “DJs do Buzu”, a proposta promete ganhar apoio popular.

UNIVERSIDADE PARA TODOS ABRE 20 MIL VAGAS

A partir do próximo dia 10 de abril, a secretaria de educação do estado começa a receber inscrições para o programa Universidade para Todos, que oferece 22 mil vagas em cursos pré-vestibulares gratuitos em 158 cidades, incluindo Ilhéus e Itabuna.

As inscrições podem ser feitas do dia 10 a 20 de abril, no site do Portal da Educação (clique aqui).

Para participar, o candidato deve cursar o 3º ano do ensino médio ou o 4º ano da Educação Profissional em colégios públicos das redes municipais e estadual, ou já ter concluído os estudos.

MILITAR DA MARINHA É PRESO COM 3 QUILOS DE CRACK

A Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes de Feira de Santana acabou com a festa de um sargento da reserva da Marinha, de 59 anos, que guardava três quilos de crack dentro do carro.

Segundo o G1, o carro do sargento foi parado numa blitz na noite de ontem (quarta-feira, 28), em Feira de Santana.

Além da droga, um revólver calibre 38 foi encontrado com um homem de 26 anos que também estava no carro do militar. O rapaz já teve passagem pela polícia, por tráfico de drogas.

COLO COLO PODE FICAR FORA DO BAIANÃO

O Colo Colo pode não disputar a segunda divisão do Campeonato Baiano, que começa em abril.

O único estádio da cidade, o Mário Pessoa, não tem condições mínimas de receber a torcida nem os atletas.

Um evento que aconteceria nos próximos dias para lançar uniformes e a campanha de marketing do clube foi suspenso.

Se a prefeitura e a diretoria não se moverem para sanar as dificuldades do estádio, o clube vai passar mais essa vergonha.

SESAB SELECIONA MÉDICOS. VAGAS PARA ILHÉUS

A Secretaria da Saúde do Estado abriu processo seletivo para recrutar 22 médicos que atuarão em oito cidades no serviço de Internação Domiciliar (ID). O recrutamento será feito em parceria com a Fundação Estatal da Saúde da Família.

A jornada é de 20h semanais em Camaçari, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Jequié, Lauro Freitas e Vitória da Conquista.

Os contratos serão pelo regime da CLT, na modalidade Contrato por Tempo Determinado, valendo por um ano.

Interessados devem se inscrever até essa quinta (29), pelo site da Fundação Estatal da Saúde da Família (clique aqui).

ILHÉUS: CASOS DE LEISHMANIOSE PREOCUPAM NA ZONA RURAL

Leishmaniose em fase avançada causa lesões profundas na pele.

Moradores de distritos rurais de Ilhéus, principalmente de Búzios, estão preocupados com o grande número de casos de leishmaniose, doença crônica causada pela picada do mosquito palha.

Desde o início do ano, vários moradores já foram diagnosticados com a doença.

Mas, de algumas semanas para cá, o SESP de Ilhéus parou de receber o reagente que detecta a doença.

Agora, somente algumas clínicas particulares da cidade podem fazer o procedimento, agravando ainda mais a situação.