O AMADORISMO DA BAMIN

O amadorismo da Bahia Mineração fica cada vez mais nítido.

Os estudos técnicos feitos pela empresa e pelo governo do estado, relacionados ao projeto Porto Sul, estão repletos de erros grotescos identificados pelo IBAMA. Caso alguém tenha dúvidas, basta ler o relatório de fevereiro desse ano.

No campo da política, a Bamin também comete equívocos, quando mistura seus interesses com o projeto de ascensão familiar da deputada estadual Ângela Sousa.

A gerente de comunicação da Bamin, Sabrina di Branco, foi ex-assessora de Ângela e por isso lhe devota enorme gratidão.

Esse reconhecimento deveria prevalecer apenas no coração da executiva, mas sua minguada experiência, típica de quem desconhece o processo político, emite preferências claras a favor da irmã.

Uma empresa identificada por um projeto de interesse público, não deve tomar partido em questiúnculas da política local. Não é prudente fazer escolhas, principalmente quando todos os candidatos lhe são favoráveis.

Neste caso, os executivos devem ter um relacionamento “institucional” com os partidos e lideranças políticas. Uma opção mal feita pode representar dificuldades no futuro. Isso é tão obvio, que a explicação soa ridícula.

Em tempo: Ângela e Sabrina trocaram favores. O marido da executiva (Mauricio Landi Viana) foi para a Sudic. A contrapartida foi a indicação de Jorge Cunha, ex-secretário de serviços urbanos de Ilhéus, hoje aliado da “irmã”, para exercer uma função na Bamin.



7 responses to “O AMADORISMO DA BAMIN

  1. Gusmão sou leitor assíduo e sei da sua contribuição que você nos tem dado com sugestões, criticas, etc. Mas não entendo porque esta sua perseguição a Ângela. Você sabe muito bem que ela é a nossa unica representante na Assembleia e ninguém pode negar o seu esforço com relação ao embrolho territorial Ilhéus X Itabuna. Precisamos é cobrar da mesma mais uma atuação junto a SEI, vide o link abaixo:

    http://www.sei.ba.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=1100:sei-apresenta-a-proposta-de-atualizacao-de-divisas-do-territorio-litoral-sul&catid=3:destaques

  2. Gusmao se você procurar tem mais gente da familia da irmã na troca de favores a sua sobrinha é a mais nova contratada nutricionista da bamim. é so ficar de olho que você vai discrubir… foi so mecher comigo que vai chumbo!!!!!!!!!! irmã e melhor me deixar.

  3. Gusmão você sabe quem é a cunhada do vice prefeieto de Ilhéus? Sabia que ela é lotada no gabinete da irmã com o salario de 8.000.00 reais? Gusmão você sabia que o motorista que vive a desposição da serventia da familia souza e o nome é Esaltino é lotado na gabinete? Gusmão faz um um pente fino na vida do Marquinhos e procura saber qual o salario do filho da mamae e onde ele estar lotado na assembleia legislativa. A unica coisa que quero é que me deixe queto senão eu vou abrir a boca.

  4. Gusmâo quem são os assessores da irmã? a cunhada do vice prefeito É?
    o motorista que servi a familia É? o filho marquinhos é? quais são os salarios? é preciso desmascarar. E so me deixar queto senão eu falo…

  5. Caro amigo Eduardo Carvalho (Sirí)

    Eu é que não entendo a sua devoção por Ângela. A deputada é um zero à esquerda quando se trata de defender os interesses de Ilhéus. Para defender os interesses de sua turma ela é ágil. Gusmão não persegue ninguem, apenas toca nas feridas que a nojenta elite teima em esconder. Sei do seu parentesco com Newton e sua amizade com Cafuringa e Mário Alexandre. Daí essa defesa que voce faz da omissa deputada. Quanto a Bamin, sou defensor do Porto Sul, mas acho que a empresa deveria se manter afastada de políticos, seja lá quem for. Privilegiar a deputada não é um bom caminho. Jaílson, por exemplo, pelo que eu soube,está muito chateado com a empresa, e se ele ganhar as eleições certamente não vai ter boa vontade.

  6. Gusmão essa irmã de santa ela não tem nada. Faça uma denuncia sobre os assessores que a irmã tem que são fantasma, para bancar a familia ela tem e que ta fora. Lembra o que ela fez com dona Perpetoa e pode esperar que ela vai fazer com o resto pode abrir o olho quem ajuda. ja fui vitima , mas agora to liberto. E melhor me deixar queto se não eu falo.

  7. Gusmão,
    Parabéns pela coragem de explicitar as relações nebulosas da Bamim.
    Essa empresa é autoritária e se julga acima de todos.
    Usa o dinheiro para comprar alguns políticos oportunistas.
    Enquanto isso, vai agredindo a natureza e desrespeitando o povo de Ilheus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *