PP SE PRONUNCIA SOBRE A CASSAÇÃO DE VALMIR

A direção do Partido Progressista (PP) de Ilhéus se manifestou sobre a briga judicial pelo mandato do vereador Valmir de Inema, que deixou a legenda para se filiar ao PT no ano passado.

Na última segunda-feira (04), a justiça eleitoral cassou o mandato de Valmir, devolvendo a vaga na câmara ao PP. O vereador disse que vai recorrer.

Segundo o comunicado, o parlamentar deixou o PP simplesmente para ter indicações no governo municipal. Clique no leia mais e confira a nota pública do PP.

O Partido Progressista de Ilhéus, diante dos últimos acontecimentos envolvendo a perda de mandato do senhor Walmir Freitas, vem de público restabelecer a verdade:
1- Durante os oito anos dos últimos mandatos do ex-prefeito Jabes Ribeiro, o senhor Walmir foi prestigiado inclusive como administrador distrital onde teve a oportunidade de presenciar dezenas de realizações no distrito de Inema, a exemplo de reforma de praça, escolas e sistema de abastecimento de água, pavimentação, construção de posto de saúde, casa de farinha, matadouro público, manutenção de estradas vicinais, além da implantação de laboratório de informática e programas sociais como o PETI, Agente Jovem e Bolsa Trabalho, entre outros. A luta política para a implantação do 2º grau merece destaque, demonstrando o carinho que o ex-prefeito tem pelo distrito;

2- O Partido Progressista sempre prestigiou seus vereadores, dentro das possibilidades, inclusive intermediando a recuperação da estrada de acesso à Inema realizada pelo DERBA e efetuando programas de distribuição de alevinos para pequenos agricultores, como amplamente noticiados pela imprensa;

3- Entretanto, mesmo sabendo que a Lei da Fidelidade Partidária proibia a saída de filiados detentores de mandato, sem justa causa, ele preferiu se aliar definitivamente ao governo municipal, por ocasião da coincidente nomeação do seu cunhado, senhor Antônio Batista, para a secretaria de finanças;

4- Quando da sua decisão de deixar o PP, o senhor Walmir foi avisado de que o partido iria requerer o mandato à Justiça, que pela Lei pertence ao partido que o elegeu. Mesmo assim, ele preferiu ficar ao lado do prefeito Newton Lima;

5- No próprio depoimento à Justiça Eleitoral o senhor Walmir reconheceu que deixou o partido sem justa causa, pois não informou nenhum fato relevante que justificasse tal decisão;

6- Ao afirmar que trocou de partido para se aliar a uma “nova forma de governar”, o senhor Walmir esquece-se de que essa “forma” – leia-se prefeito Newton Lima – tem o repúdio de mais de 90% da população ilheense, inclusive dos moradores do distrito de Inema;

Ilhéus, 4 de junho de 2012

Partido Progressista
Comissão Executiva de Ilhéus



4 responses to “PP SE PRONUNCIA SOBRE A CASSAÇÃO DE VALMIR

  1. Nunca cairá pois que sustém esta casa é o Senhor Jesus!!!! Tudo que Inema hoje tem de melhor foi graças ao esforço deste vereador Valmir!!!Mas como sabemos que quem mais trabalha é que incomoda, percebemos o temor dos que nunca fizeram nada!!! Deus está no controle!!!!

  2. Se trocou pela corrupçao, caiu n e nao levanta mais.
    Decisao em segunda instancia, nao pode ser candidato eh so esperar.

  3. Rapais porque Tanta Mentira como pode se Afirma uma Coisa que não fez dizendo que fez volta a funcinar casa de farinha, matadouro público, manutenção de estradas vicinais, além da implantação de laboratório de informática , que absurdo por Isso que vc ta Quebrando a cara, que a Justiça seja feita se vira Play boy.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *