CONTAS-SUJAS PODEM DISPUTAR AS ELEIÇÕES

Acabou o impasse sobre os políticos contas-sujas.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aceitou na quinta-feira (28), por quatro votos a três, o pedido de 14 partidos para anular sentença da própria Corte que havia barrado das urnas os políticos que tiveram as contas da campanha de 2010 rejeitadas pela Justiça Eleitoral.

Com a decisão, os chamados contas-sujas podem disputar as eleições de outubro.

Segundo o G1, ainda assim, outros problemas com as contas podem deixar o político de fora. Na decisão, a Corte enfatizou que, se houver a comprovação de que as quitações foram forjadas pelos candidatos, a contabilidade será considerada “não-prestada” e o candidato ficará de fora.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *