BRUNO VIRA GARÇOM NO PRESÍDIO

Bruno.

O ex-goleiro do Flamengo, Bruno Souza, está há dois anos preso e vai se adequando à rotina do presídio Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, Minas Gerais.

No presídio, Bruno, que espera o julgamento pelo assassinato de Eliza Samudio (sua ex-namorada), é o responsável por servir o café da manhã de seus companheiros da prisão e depois do café, inicia a faxina no presídio.

Pelos serviços, ele recebe 75% de um salário mínimo por mês, cerca de R$ 470,50.

O goleiro foi indiciado por homicídio triplamente qualificado, sequestro, cárcere privado, ocultação de cadáver, formação de quadrilha e corrupção de menores. Eliza está desaparecida desde junho de 2010.

Segundo o site SRZD, o ex-camisa 1 do Flamengo não costuma falar nem ver futebol, agora é evangélico e recebe visitas semanais das duas filhas e de sua namorada, enquanto espera o julgamento.

AS EMERGÊNCIAS ESTÃO ABERTAS?

O blogueiro Jamessom Araújo, do Agravo, passou aperto na tarde de ontem (domingo, 01) ao procurar atendimento médico para seu filho.

Segundo ele, todos os hospitais e clínicas particulares de Ilhéus foram procuradas, mas em nenhuma havia pediatra.

O blogueiro lembra que há um mês a secretaria de saúde anunciou um convênio com os hospitais da cidade para reabrir as emergências (lembre aqui). O acordo foi anunciado nos quatro cantos de Ilhéus, mas parece que não está sendo cumprido.

O jeito foi procurar o hospital regional, que entre baleados e vítimas de acidentes no trânsito, a criança foi atendida.

JOVEM APRENDIZ DOS CORREIOS ENCERRA INSCRIÇÕES NA QUARTA

Os adolescentes interessados numa das 114 vagas de jovem aprendiz dos Correios disponíveis para a Bahia têm até quarta-feira (04) para se inscrever pelo site www.correios.com.br.

Para participar da seleção, que será basicamente pela análise curricular e oferece bolsa de R$ 292,00, o candidato precisa ter entre 14 e 20 anos, estar cursando o ensino médio ou já ter completado.

RESTAURAÇÃO DA MATA ATLÂNTICA: UM GRANDE DESAFIO

Do blog Esperança-Conduru

Rones Flagordes.

O Instituto Floresta Viva tem desenvolvido projetos pioneiros em restauração da Mata Atlântica no sul da Bahia, tendo como foco principal, áreas desflorestadas do Corredor Ecológico Esperança Conduru. Confira nessa entrevista com o pesquisador Rones Flagordes, como vem sendo realizado esse trabalho, e quais são os seus desafios.

Há quantos anos o Instituto Floresta Viva atua na recuperação de áreas degradadas?

O Instituto vem trabalhando com restauração florestal e reflorestamento desde 2007, embora, anteriormente, tenha havido algumas ações isoladas. Em 2003, realizamos plantio nas margens da rodovia Ilhéus/ Itacaré com objetivos estéticos, já que se tratava de uma Estrada- Parque; e, em 2005, produzimos 25 mil mudas em parceria com 25 famílias que tiveram suas terras desapropriadas. Isto foi lá no início. Sabia-se pouco, e, de lá para cá, já aprendemos muito; adquirimos algum conhecimento. Esse processo começou a tomar corpo com um projeto maior, em 2007, através da Secretária de Meio Ambiente do Estado da Bahia.

Qual a área estimada que se encontra em processo de restauração?

No Parque Estadual Serra do Conduru (PESC), já foram restauradas 168 hectares, e plantadas 255 mil mudas. Englobando todo o Corredor, perfazemos um total 196 hectares, e pouco mais de 310 mil mudas de espécies nativas plantadas.

Clique aqui para ver a entrevista completa.

TUDO TRANQUILO NO AEROPORTO DE ILHÉUS

Apesar do tempo fechado e da previsão de chuva durante o dia todo em Ilhéus, o Aeroporto Jorge Amado opera normalmente e não registra voos atrasados.

A preocupação maior é para os próximos dias. Segundo a agência Climatempo, na terça (03) e quarta (04), a cidade será atingida por fortes chuvas, o que pode resultar no fechamento do terminal.

SUJEITA A VÍRUS

Por Ruy Castro

Ninguém mais vive, reparou? Vivencia. “Estou vivenciando um momento difícil”, diz Maricotinha. Fico penalizado, mas ficaria mais se Maricotinha estivesse passando por ou vivendo aquele momento difícil. Há uma diferença, diz o dicionário. Viver é ter vida, existir. Vivenciar também é viver, mas implica uma espécie de reflexão ou de sentir. Não é o caso de Maricotinha. O que ela quer dizer é viver, passar por. Mas disse vivenciar porque é assim que, ultimamente, os pedantes a ensinaram a falar.

Assim como ninguém mais se coloca –se posiciona. Ninguém mais se dirige a um lugar –se direciona. Ninguém mais acrescenta nada –adiciona. E ninguém mais é diferente –é diferenciado. Sem nenhum motivo ou necessidade, certas palavras saem da fala comum e outras entram. Nada contra essa seleção natural, semelhante à que se dá na vida. Ali também é puro Darwin. Mas, para que morra uma palavra e nasça outra, é preciso haver um sentido.

Outra palavra do momento é polêmico. Ninguém mais tem um comportamento ou opinião original, diferente ou discutível –só polêmico. Mesmo que esse comportamento ou opinião não encontre ninguém para polemizar com ele. O mesmo quanto a inédito –nada parece mais importante hoje, num disco, show ou exposição, do que conter material inédito. Se estou para lançar um livro de textos sobre cinema, música popular ou literatura, sempre querem saber se contém material inédito. Respondo, encabulado: “Não. É tudo já édito”.

E para onde tem ido a preposição “a”, em construções como “daqui a três meses”, que estão se tornando o capenga “daqui três meses”?

A língua é viva, eu sei, mas sujeita a vírus que, de repente, atacam a TV, a internet e a imprensa, contaminam milhões, e as pessoas começam a achar que foi sempre assim que se falou ou se deve falar.

Ruy Castro além de jornalista é grande biógrafo. O Blog do Gusmão recomenda: “Estrela Solitaria – Um brasileiro chamado Garrincha” e “O anjo pornográfico – a vida de Nelson Rodrigues.

MANIFESTANTE TENTA AGREDIR JAQUES WAGNER

Do Correio

Agressor foi detido pela polícia. Foto: Bahia Notícias.

Um homem foi preso na manhã desta segunda-feira (2) durante os festejos da Independência da Bahia, no Largo da Lapinha, em Salvador. O manifestante conseguiu furar o cerco de seguranças que protegiam o governador Jaques Wagner e arremessou em sua direção uma haste de madeira enrolada em uma faixa de protesto. A polícia não confirmou se o governador foi atingido.

O manifestante foi preso por um grupo de policiais militares e levado para um local ainda não informado. Ele deve ser encaminhado para a 1ª Delegacia Territorial (DT/Barris) – local onde serão levados todos os suspeitos de delitos durante o cortejo. 

Além da tentativa de agressão contra o governador, os festejos de Dois de Julho estão sendo marcados por protestos. Grupos de professores grevistas da rede estadual de ensino estão no local, com apitos e cartazes, reivindicando novas negociações para o fim da greve. O cortejo é marcado por fortes vaias durante a passagem da comitiva do governador.

CONTRATOS DE PORTUGAL COM O GOVERNO VÃO ALÉM DOS “AULÕES”

Portugal vem sendo criticado por manter contratos valiosos com o governo.

O jornal A Tarde desse fim de semana revela que os contratos do professor Jorge Portugal e o governo da Bahia superam o R$ 1,6 milhão recebido por ele para realizar aulões preparatórios para o ENEM e vestibulares.

Segundo a publicação, além desse valor, a empresa de Portugal, a “Abais Conteúdos Educativos e Produção Cultural”, recebeu nos últimos quatro anos pelo menos R$ 6,8 milhões em contratos com o governo do Estado para realização dos programas televisivos “Tô Sabendo” e “É Bom Saber”.

O último acordo firmado entre as partes foi para realizar os aulões e gerou críticas pesadas a Jorge Portugal, principalmente na internet. O contrato foi firmado sem licitação. A dispensa foi justificada pela SEC, dentre outros fatores, pelo caráter emergencial do projeto.

Em entrevista ao jornal Metro1, Portugal ainda alegou que a quantia de R$ 1.591.774,80, é para pagar os docentes de ponta contratados para dar as aulas.

SINDICACAU INICIA CAMPANHA SALARIAL 2012

Assembléia realizada na Delfi iniciou a campanha salarial de 2012.

O Sindicacau, entidade que representa os funcionários das indústrias moageiras da região, iniciou na última semana a campanha salarial com a Delfi Cacau, em Itabuna.

Na quinta-feira (28), o sindicato realizou assembleia com os trabalhadores e definiu a pauta, que reivindica reajuste salarial de 15%, aumento no ticket de alimentação, elevando o valor para R$ 622,00 e maior participação nos lucros da empresa.

Mas segundo Luis Fernandes, presidente do Sindicacau, a primeira rodada de negociação com a Delfi fracassou. A empresa ofereceu apenas 7% de reajuste, ticket de R$ 483,75 e praticamente não mexeu na participação nos lucros e resultados.

Sem avanço nas conversas, o sindicato suspendeu as negociações.

Em Ilhéus, a campanha começa amanhã (terça, 03) com os funcionários da Barry Callebaut, e termina no dia 05 de julho, na Cargil.

CHAPA PSD/PT EM UNA

Diane Rusciolelli e o professor Nildo.

PT e PSD apresentaram no último sábado (30) a chapa que fará frente ao candidato Zé Pretinho na briga pela prefeitura.

As legendas oficializaram, em convenções separadas, os nomes de Diane Rusciolelli (PSD) e o professor Nildo (PT).

A missão da chapa PSD-PT não será fácil, já que disputará com Zé Pretinho, ex-prefeito e tido como líder nas pesquisas.

URUBU DOMÉSTICO, CABRA ADESTRADA E GALINHA HUMANA

Por Malu Fontes

Este título é apenas uma tentativa, que já nasce frustrada, de traduzir o circo de horrores em que se tornou a televisão. E o que é pior: para tudo o que aparece de muito ruim ou muito raso, hoje, na TV brasileira, os profissionais das emissoras, devidamente emprenhados pelo ouvido pelos colegas dos departamentos comerciais e de marketing, vomitam um argumento que já vive pronto na ponta da língua: é isso o que a Classe C quer ver.

Custa a crer que nenhuma entidade tenha, até agora, se apresentado disposta a se queixar juridicamente contra esse estigma de burrice, ignorância e preguiça intelectual que vem sendo colado pelos meios de comunicação aos integrantes da nova Classe C, recentemente endinheirada. Quem é louco para ter uma ONG para chamar de sua, fica a dica, como diz a gíria: corra e crie urgente uma ONG para pedir indenização por danos morais à mídia brasileira argumentando que esta vem atribuindo de forma ostensiva e preconceituosa à classe C a condição de burrice extrema e de consumidora das piores coisas que se tem feito na indústria cultural.

(mais…)