MESMO COM DETERMINAÇÃO DO TJ, GREVE DOS PROFESSORES CONTINUA

Grevistas protestam em Salvador.

O Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, por decisão da desembargadora Dayse Lago Coelho, determinou a suspensão da greve dos professores da rede estadual, que chegou nessa sexta (06) a 86 dias.

A juíza determinou também o retorno imediato dos professores ao trabalho, sob multa diária de 10 mil reais caso seja descumprida a ordem.

Na decisão, a desembargadora-relatora diz que “é certo que o movimento grevista não assegurou a manutenção de serviços essenciais e indispensáveis para o atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade”.

Apesar da deliberação, a greve continua, segundo Rui Oliveira, presidente do sindicato da categoria. “Foi a decisão de uma desembargadora que ainda cabe recurso. Vamos fazer agravo de instrumento, declarou ao Correio na noite dessa sexta.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *