QUEBRANDO PARADIGMAS

De Israel Nunes, no facebook

A quebra do paradigma da representação social dominante começa pela sensibilização. A nossa visão de mundo, a nossa visão daquilo que é Ilhéus e de como a sua gente vive, começará a mudar quando nos colocarmos diante de uma realidade que jamais suporíamos existir, mas que está lá. A partir do dia em que nos depararmos com ela, em toda a sua crueza, a nossa visão da realidade não poderá mais de deixar de levá-la em conta.



One response to “QUEBRANDO PARADIGMAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *