VAGAS DE EMPREGO EM ILHÉUS PARA SEGUNDA-FEIRA

Procurando colocação no mercado de trabalho? O Blog do Gusmão, em parceria com o Sine-Ilhéus, te ajuda a encontrar uma vaga de emprego.

Confira abaixo os postos disponíveis para segunda-feira (18) na agência da cidade, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não se esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 09h.

  • Atendente de lanchonete

Formação: Ensino Médio Completo
01 vaga

  • Colhedor de coco (peeiro)

Escolaridade não exigida
06 meses de experiência
01 vaga

  • Cozinheiro de restaurante

Formação: Ensino Médio Incompleto
06 meses de experiência
01 vaga

Clique no leia mais e confira outras vagas.

(mais…)

RACISMO É PRINCIPAL VIOLÊNCIA DENUNCIADA NO CARNAVAL

Do G1

O crime de racismo liderou as denúncias de violência ou discriminação registrados nos quatro postos do Observatório da Discriminação Racial, da Violência contra a Mulher e LGBT durante o carnaval de Salvador. São 402 de total de 544 registros, número que representa 15,8% do total de queixas. O Observatório é um órgão vinculado à Secretaria de Reparação Racial.

A turismóloga Maria França, que assistiu ao desfile d´Os Negões, contou que percussionistas do grupo foram agredidos por foliões que estavam pipocas. “Não estava acontecendo com outros blocos. Eu acompanhei o Coruja, outros blocos, e eu não vi esse tipo de comportamento”, disse. Este é um dos casos que foram registrados no Observatório durante a festa popular.

O censo do IBGE de 2010 mostrou que 76,27% da população soteropolitana é negra ou parda. Na Bahia, o percentual aumenta para 79,47%. “O racismo que incide no carnaval, em grande parte, coincide com o local em que o negro é colocado, ao lado das cordas, na condição de folião pipoca, espremido entre os blocos e os camarotes”, avalia o pesquisador Valdélio Silva.

HAMILTON WERNECK NA JORNADA PEDAGÓGICA DE BARRO PRETO

Werneck.
Werneck.

Começa na próxima segunda-feira (18) a 13ª Jornada Pedagógica da rede municipal de ensino de Barro Preto. Este ano o tema será “Ler, Escrever e Educar: desafios para uma educação de qualidade”.

Os profissionais vão discutir as principais metas e expectativas para um ensino de qualidade. Diversas palestras e oficinas já estão programadas com o objetivo de aperfeiçoar a didática dos professores.

A palestra de encerramento será feita por Hamilton Werneck, autor de 26 livros sobre educação. Werneck também é doutorando, pós-graduado em educação, pedagogo e professor do ensino superior.

SALÁRIOS DA SAÚDE

A prefeitura de Itabuna anunciou ontem (sexta, 15) que efetivou o pagamento do  13º salário dos servidores da saúde e a primeira parcela do acordo firmado com o Ministério Público do Trabalho, referente aos salários de dezembro.

O pagamento acaba com a possibilidade de greve da categoria.

Também na sexta, os professores da rede municipal, segundo a prefeitura, receberam  1/3 de férias, que estava atrasado.

EMPRESÁRIOS DISCUTEM O MOMENTO DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM ILHÉUS

Empresários reunidos.
Empresários reunidos.

Representantes de empresas de construção civil em Ilhéus se reuniram na sexta-feira (15) para discutir o impacto que o setor representa na economia local.

Segundo o grupo, nos últimos quatro anos foram gerados cerca de 6 mil empregos diretos e indiretos e negociados 4 mil imóveis, entre os que já foram entregues e os que estão em fase de construção. Hoje, o setor mantém, em plena atividade, 15 construtoras.

Segundo dados do Cadastro Geral dos Empregados (Caged), do Ministério do Trabalho, este é o segmento privado que mais emprega na cidade e o que menos demite.

Também nesta semana, representantes de construtoras, engenheiros, arquitetos, comerciantes e prestadores de serviços estiveram com o prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, para pedir definições mais claras a respeito da política de ocupação do solo no município.

“Este é um problema que preocupa a todos os setores da economia local e não apenas aos construtores”, assegura Vicenzo Morelli, diretor da Construtora Morelli.

Para os representantes da construção civil, a cidade tem que estar pronta, com políticas públicas bem definidas, para abrigar os investimentos que estão previstos para os próximos anos.

Roque Lemos, dono da Cicon Construtora, lembra que a movimentação intensa provocada pelo setor contribui também para o surgimento de novos cursos superiores no eixo Ilhéus-Itabuna. Na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) já funcionam os cursos de Engenharia Civil, Mecânica e Elétrica. Na Unime, em Itabuna, está em pleno funcionamento, e com uma grande procura, o curso de Arquitetura. 

POSTOS DE SAÚDE SERÃO REATIVADOS EM ILHÉUS

Ledívia.
Ledívia.

Balançando no cargo por causa da aparente demora para concretizar as ações, a secretária de saúde de Ilhéus, Ledívia Espinheira, anunciou que parte da rede básica será reativada a partir de segunda-feira (18).

Voltarão a funcionar os postos médicos da Urbis, Teotônio Vilela, Centro Social Urbano da Barra e o Sarah Kubitscheky, no Malhado. Ela ainda informou que a Policlínica Halil Medauar, na Conquista, já presta atendimento especializado à comunidade.

Em bairros como o Alto do Basílio, Iguape, Herval Soledade (Pontal), Banco da Vitória, Ilhéus II e Nossa Senhora da Vitória, os postos estão fechados para reforma desde o governo anterior.

A secretária lembrou que a situação da saúde é complexa como todos os setores da prefeitura. “O município, como um todo, encontra-se em grande dificuldade. No caso da saúde, entendemos a queixa da população, pois gostaríamos de dar resposta mais imediata aos problemas, mas pedimos paciência porque estamos reestruturando toda a nossa rede de atendimento”.

Contratações emergenciais

Ledívia explica que a falta de médicos ocorreu em virtude da demissão dos profissionais não efetivos. Para amenizar o problema, o governo vai divulgar, nos próximos dias, um edital de seleção pública para o preenchimento de vagas emergenciais na área.