ILHÉUS: TJ IMPEDE RETORNO DE SERVIDORES CONCURSADOS

Foto: Site ilheense.com.br.
Foto: Site ilheense.com.br.

O presidente do Tribunal de Justiça da Bahia, Mário Alberto Simões Hirs, acatou na tarde desta quarta (20) requerimento do município de Ilhéus pedindo a suspensão da liminar que determinava a reintegração dos servidores exonerados em janeiro.

Dos 79 funcionários exonerados, quatro retornaram por meio da justiça. Com a nova decisão do TJ-BA, eles continuarão fora do funcionalismo.

De acordo com a secretaria de comunicação do município, o presidente do tribunal considerou que a argumentação do prefeito Jabes Ribeiro foi embasada pela Lei de Responsabilidade Fiscal, considerando despesas com pessoal e o tempo em que foram realizadas as admissões.

O governo alega que, antes mesmo das contratações, os gastos do município com o pagamento de pessoal já ultrapassavam a margem de 70%, enquanto a lei determina que o município deve aplicar o máximo de 54% da receita com pagamento de pessoal.

Segundo o juiz, o ato ocorreu nos últimos 180 dias do mandato que se encerrou em dezembro de 2012, o que é proibido pela LRF.

VAGAS DE EMPREGO EM ILHÉUS PARA QUINTA-FEIRA

Procurando colocação no mercado de trabalho? O Blog do Gusmão, em parceria com o Sine-Ilhéus, te ajuda a encontrar uma vaga de emprego.

Confira abaixo os postos disponíveis para quinta-feira (21) na agência da cidade, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não se esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 09h.

  • Atendente de lanchonete

Formação: Ensino Médio Completo
02 vagas

  • Auxiliar administrativo

Formação: Ensino Médio Completo
03 meses de experiência
01 vaga

  • Eletricista de automóveis

Formação: Ensino Médio Incompleto
06 meses de experiência
01 vaga

Clique no leia mais e confira outras vagas.

(mais…)

ILHÉUS TERÁ HOSPITAL DE REFERÊNCIA

Prefeito reunido com empresários nesta manhã (20). Foto: Coutinho Neto.
Prefeito reunido com empresários nesta manhã (20). Foto: Coutinho Neto.

O prefeito Jabes Ribeiro recebeu nesta quarta-feira (20) um grupo de empresários que pretende implantar um hospital de referência em Ilhéus. A unidade, que inicialmente contará com 197 leitos, será abrigada no prédio do antigo Hospital Santa Isabel, no bairro Cidade Nova.

A reunião contou também com a participação do vice-prefeito, Cacá Colchões, e da Secretária de Saúde, Ledívia Espinheira.

Para suportar a estrutura de última geração, o grupo empresarial pretende construir um anexo no prédio, aumentando a capacidade operacional.

Segundo o blog Só em Ilhéus, o Hospital de Referência contará também com Banco de Sangue, atendimento pelo SUS, plano de saúde próprio e convênios. Também de acordo com o site, as obras começam em março e a primeira etapa será concluída em julho deste ano.

Dr. Juarez, um dos integrantes do consórcio responsável pelo projeto, afirmou que a nova unidade de saúde atenderá regionalmente, além de dar suporte a outras unidades da cidade.

ROLO COMPRESSOR

A bancada governista anulou os vereadores da oposição no preenchimento das comissões.

Durante a 2ª sessão legislativa, os vereadores contrários ao prefeito de Ilhéus preferiram não participar das votações, pois sentiram a inevitável derrota.

A sessão ainda não acabou e promete bons embates até o final.

 

LICITAÇÃO PARA COLETA DE LIXO VAI SAIR?

Expiram no fim deste mês os contratos firmados entre a prefeitura de Ilhéus e as empresas EWA e Solar Ambiental para a realização da coleta de lixo.

Junto com os contratos, termina também o prazo anunciado pelo prefeito Jabes Ribeiro para o lançamento da licitação que contratará em definitivo a empresa responsável pelo serviço.

No governo de Newton Lima, a Solar Ambiental teve o contrato de emergência prorrogado três vezes. 

FÁBIO MAGAL COBRA LINHA DE ÔNIBUS DA CENTRAL DE ABASTECIMENTO PARA O MAMBAPE

Magal não participou da guerra oposição x governo. Preferiu encaminhar reivindicações de suas comunidades.
Magal não participou da guerra oposição x governo. Preferiu encaminhar reivindicações de suas comunidades.

O Vereador ilheense Fábio Magal (PSC) apresentou quatro indicações de interesse público, durante a primeira sessão legislativa, realizada nessa terça, 19, no Palácio Monsenhor Teodolino Ferreira.

Na primeira indicação, relacionada ao campo de futebol de areia entre os caminhos 07 e 08 do bairro Hernani Sá, o Vereador solicitou a reforma do alambrado, colocação de areia e manutenção da rede elétrica e reposição das lâmpadas queimadas.

Na segunda, solicitou a instalação de uma academia ao ar livre no bairro Hernani Sá, seguindo os exemplos das que foram instaladas na Avenida Getúlio Vargas (próxima à ponte Lomanto Júnior) e nas imediações da Praia do Cristo (centro da cidade).

Na terceira indicação, Magal pede que a secretaria municipal de desenvolvimento urbano, responsável pelo setor de transportes, crie uma nova linha de ônibus, compreendendo os seguintes roteiros: da Central de Abastecimento do Malhado para os altos Bela Vista e Mambape e vice-versa.

O pedido está fundamentado numa reivindicação antiga das comunidades. Quando retornam das compras, os moradores sobem as ladeiras de acesso “a pé”, carregando o peso das sacolas.

Na quarta, o parlamentar solicitou a recuperação do caminho 46, no bairro Hernani Sá. Devido às chuvas, a viela encontra-se repleta de buracos, situação que impede o tráfego de veículos.

Fabio Magal explica que segundo o Regimento Interno da Câmara, as indicações serão encaminhadas imediatamente ao poder executivo, já que não dependem de votação no plenário. Na opinião do vereador, “não basta apresentar, é necessário cobrar do prefeito e dos secretários a execução rápida das intervenções. Farei isso todas as vezes que encontrar as autoridades responsáveis”, garantiu o vereador.

ORGANIZAÇÕES PEDEM RIGOR NA INVESTIGAÇÃO DE CRIMES CONTRA JORNALISTAS

Da Agência Brasil

Representantes de organizações ligadas à comunicação defenderam mais rigor na apuração de crimes contra jornalistas, durante a primeira reunião do Grupo de Trabalho (GT) sobre Direitos Humanos dos Profissionais de Jornalismo no Brasil realizada nessa terça-feira (19). A federalização da investigação desses crimes foi apontada como possível solução para o problema.

“A federalização da apuração de crimes contra jornalistas vai diminuir a impunidade,” disse a representante da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) Maria José Braga. A mesma opinião foi expressa pelo representante da Federação Interestadual dos Trabalhadores de Radiodifusão e Televisão (Fitert), José Antônio Jesus da Silva. Ele defendeu que a medida seja estendida aos radialistas e comunicadores. “Nos últimos anos, pelo menos dez radialistas foram assassinados por conta da atividade”, lembrou.

As organizações também citaram o Projeto de Lei (PL) 1.078/2011, que transfere à esfera federal a responsabilidade de apurar os crimes cometidos contra jornalistas no exercício da atividade. Desde 2011, o projeto está parado na Câmara dos Deputados, aguardando parecer da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado.

O grupo de trabalho deve analisar as denúncias de ameaça ao exercício profissional dos comunicadores e encaminhá-las aos órgãos competentes, além de acompanhar os desdobramentos. Inicialmente devem ser analisados cerca de 50 casos, envolvendo ameaças, sequestros e homicídios. O grupo terá seis meses para concluir os trabalhos. O prazo pode ser prorrogado por mais seis meses.

O delegado da Polícia Federal (PF) Delano Cerqueira Bunn, integrante do GT, argumentou que é preciso investir mais na estrutura da PF antes de pensar na federalização das investigações. Ele também ressaltou que, mesmo com problemas, é preciso reforçar a competência dos órgãos de apuração locais, avaliando caso a caso. “O efetivo da Polícia [Federal] é formado por 10 mil policiais, não conseguiríamos atuar em todos os casos. O melhor é que vários órgãos possam investigar essa questão,” ponderou.

ILHÉUS: VISTORIA DE TÁXIS COMEÇA NO DIA 25

taxiA Prefeitura de Ilhéus, através da Superintendência de Transporte e Trânsito (Sutran), inicia na próxima segunda-feira, 25, a vistoria anual dos veículos que exploram o serviço de táxi no município. 

A vistoria será realizada na sede do órgão, na Avenida Governador Roberto Santos, nº 86 (próximo à Rota), das 8h às 12h e das 14h às 16h, até o dia 8 de março.

Conforme edital divulgado pela Sutran, os proprietários de táxi interessados deverão abrir processo no setor de protocolo da Prefeitura, localizado no Anexo administrativo, na Rua Santos Dumont, centro da cidade, contendo cópias dos documentos do veículo e do alvará de circulação.

São exigidas também cópias (do proprietário e do auxiliar) do cartão de identificação, carteira nacional de habilitação, título de eleitor e comprovante de residência atualizado, além de duas fotos 3×4 recentes, antecedentes criminais, certidão negativa da Justiça Estadual, curso de relações humanas, legislação de trânsito, direção defensiva e primeiros socorros e inscrição como autônomo no INSS.

INTERROGATÓRIO DOS INTEGRANTES DA BANDA “NEW HIT” É ADIADO

Parte da banda. Foto: Acorda Cidade
Parte da banda. Foto: Acorda Cidade

Por meio de nota enviada à imprensa, o Tribunal de Justiça da Bahia informou que o interrogatório dos integrantes da banda New Hit, previsto para esta quarta-feira (20), não será realizado.

Segundo o G1, o pedido foi feito pelos advogados dos integrantes da banda e deferido pela juíza Márcia Simões. O adiamento se deve ao fato de que todas as testemunhas precisam ser ouvidas antes dos suspeitos.

O interrogatório será feito nos dias 3,4 e 5 de setembro. Na manhã desta quarta-feira (20), será colhido o material genético dos músicos para confirmar se as secreções encontradas nas roupas das vítimas são, de fato, dos integrantes da banda de pagode.

Os músicos são suspeitos de estuprar duas adolescentes após um show na cidade de Ruy Barbosa. O fato teria ocorrido em agosto do ano passado. O julgamento ocorre desde a segunda-feira (18).

ISRAEL NUNES CONTA EXPERIÊNCIAS AOS ALUNOS DE DIREITO DA UESC

Israel na conversa com os calouros.
Israel na conversa com os calouros.

O procurador federal Israel Nunes foi o convidado do colegiado do curso de Direito da UESC para um bate-papo com os novos alunos na manhã de ontem (terça, 19).

De forma bem descontraída, Israel, que também é professor, falou sobre suas motivações para ter cursado Direito, frustrações, os sonhos realizados, o cotidiano da profissão, tudo recheado com alguns “causos” das aventuras de estudante e concurseiro.

Para o diretor do Departamento de Ciências Jurídicas, Guilhardes Júnior, essa é uma oportunidade para que os estudantes possam, de forma descontraída, enxergar as possibilidades do exercício profissional e conhecer, através das experiências contadas, o caminho que um profissional da área pode percorre até chegar ao sucesso.

Nesta quarta (20), Israel conversará com os calouros do turno da noite.

CONSULTA AO SPC PODE SER FEITA PELA INTERNET DE GRAÇA

Da Exame

spcA partir de agora, consumidores podem consultar se seu nome está sujo gratuitamente pela internet. Antes, para fazer a consulta, era preciso se dirigir pessoalmente a um dos postos do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). E algumas empresas, extraoficialemente realizavam a consulta, mas cobravam pelo serviço.

A consulta gratuita pela internet foi disponibilizada pela Boa Vista Serviços, administradora do SCPC. Ao fazer a busca, o consumidor pode identificar se possui dívidas, restrições ou pendências financeiras registradas no SCPC (clique aqui para ir ao site).

Para fazer a consulta, basta entrar no Portal Boa Vista Consumidor Positivo e clicar em “consulta de débito”. Quem não é cadastrado deve fazer então um cadastro e depois informar o e-mail e a senha. Em seguida, o site irá informar se consta algum registo no SCPC. Se houver, o consumidor pode verificar os detalhes sobre os débitos e identificar em qual empresa consta a pendência.

Com essa nova opção, o consumidor pode verificar por conta própria quais são as empresas com as quais ele deve entrar em contato para negociar diretamente com elas o pagamento das dívidas, sem precisar de intermediário.

CLIMA DE GUERRA NA PRIMEIRA SESSÃO DA CÂMARA

Jabes abriu os trabalhos do legislativo ilheense.
Jabes abriu a primeira sessão do legislativo ilheense em 2013.

A câmara de vereadores de Ilhéus iniciou os trabalhos legislativos na tarde desta terça-feira, 19, com a tradicional mensagem do prefeito.

Jabes Ribeiro descreveu a situação caótica deixada pelo seu antecessor, Newton Lima, enfatizando os inúmeros problemas encontrados na secretaria de saúde.

Quando destrinchou o rombo de 12 milhões de reais no SUS municipal, Jabes por várias vezes mirou o vereador Roland Lavigne (PPS) com os olhos. O parlamentar é irmão do ex-secretario de saúde, Ronaldo Lavigne.

Quando o prefeito deixou o plenário, os parlamentares discutiram a formação das comissões.

A partir daí a guerra foi iniciada.

Resumo do conflito.

Respaldado pelo Regimento Interno, o vereador Cosme Araujo (PDT) exigiu a eleição imediata das comissões. Os treze governistas preferiram adiar para a próxima sessão e venceram a disputa.

Quando iniciou o grande expediente, a oposição atacou duramente o governo.

Roland Lavigne disse que o prefeito Jabes Ribeiro merecia estar na cadeia, por responder processos no judiciário.

Alisson Mendonça (PT) afirmou que Jabes tem parte da responsabilidade pelo caos encontrado, por ter governado Ilhéus durante 18 anos. Citou o vereador Dero (PT), servidor público municipal há 27 anos, com apenas 4 mil reais de FGTS depositados na Caixa Econômica Federal.

Cosme Araujo disse que os parlamentares alinhados ao Palácio Paranaguá são “virilhadores”, por estarem próximos às virilhas do prefeito, motivados por cargos na administração.

Sentindo-se ofendido, o vereador Aldemir Almeida (PSB) mandou um recado duro para Cosme: “não sou covarde e não aceito ofensas pessoais. Percebo que essa nova legislatura inicia muito mal. Se esse nível baixo persistir, teremos problemas graves nesta casa. Isso não vai acabar bem”.

Gurita (PP) defendeu Aldemir e acusou Cosme Araujo de estar insatisfeito por ter saído derrotado na eleição para a presidência da câmara.  Segundo Gurita, Cosme tentou ser o candidato do governo, mas seu nome foi recusado pelos demais.

Rafael Benevides (PP) defendeu o gestor atual e lembrou que os vereadores da legislatura passada foram coniventes com as irregularidades do ex-prefeito Newton Lima.

Rafael, de maneira indireta, mandou recado para Alisson Mendonça: “no mandato passado eu fui vereador suplente do PT. O titular me retirou várias vezes da função, para me deixar sem dinheiro e aprovar as barbaridades do governo anterior”.

Comentário do blog.

A política está de volta à câmara de vereadores. De 2009 a 2012 houve um consenso geral em torno do poder executivo. Jorge Bahia, o todo poderoso secretário de Newton Lima, possuía um amplo canal de interlocução (talvez um duto) com a “casa do povo”.

Nos próximos quatro anos teremos oposição. O único receio está em Cosme Araujo.

Quando se dirige ao microfone, Cosme gera frisson e prende a atenção da platéia.

Tem o dom da boa oratória, mas em questão de segundos sai da crítica política para as ofensas pessoais.

A resposta dura de Aldemir, na tarde de hoje, sugere o uso da violência. 

O plenário pode se transformar num ringue.