CRÍTICA SOBRE O LIVRO CAMPEÃO DE VENDAS “CINQUENTA TONS DE CINZA”

Do blog de Paulo Costa Lima no Terra Magazine

cinza

50 TONS DE ARTE E PORNOGRAFIA

O herói é um sádico. Mas é bilionário, jovem, forte, bonito e americano. Poderia almejar os mais belos e desafiadores ideais concebíveis — e, no entanto, seu sonho e paixão é construir uma sala super requintada de torturas sexuais.

Quem diria que esse tipo de imaginário está vendendo milhões e milhões de livros, especialmente ao público feminino! Pior: vem levando escritores das mais longínquas partes do mundo a ‘tentar a mão’ na direção do erótico explícito, muitas vezes de maneira forçada. A santa pornografia embalada como literatura!

A arte vai ser engolida pela pornografia? Ou irá absorvê-la como mais um recurso ficcional? Mas será mesmo possível considerar a simples pornografia como ficção? Existe arte pornográfica, ou uma coisa exclui a outra?

O assunto merece ser discutido e analisado. Um observador cauteloso terá de reconhecer que não se trata de fenômeno de superfície, envolve muitos ângulos (e câmeras), não é nada extemporâneo, pois:

i. se a arte (tratada como mercadoria) tende a se confundir com a publicidade;

ii. e se a publicidade depende mais e mais de apelos e referências sexuais;

iii. então, arte e pornografia deverão convergir de alguma forma.

A Oxford University Press publicou recentemente o título — Art and Pornography: Philosophical Essays, editado por Hans Maes e Jerrold Levinson. Questiona-se neste trabalho justamente porque um fenômeno tão abrangente mereceu tão pouca reflexão filosófica até hoje. Busca-se, dessa forma, revisar o ‘status’ artístico e a ‘dimensão estética’ da pornografia.

Pois é: a dimensão estética. Embora reconheçam que existem poucos trabalhos na área de artes que possam ser reconhecidos diretamente como pornografia, os autores citam vários exemplos que poderiam ser descritos vagamente como ‘arte pornográfica’.

(mais…)

MÃE TRAFICANTE DEDURA O FILHO INOCENTE

Dona Norma. Foto Polícia Civil.
Dona Norma. Foto Polícia Civil.

A senhora Norma Almeida Ferreira, de 57 anos, foi presa em flagrante pela Polícia Civil por guardar em sua residência 75 trouxinhas de cocaína.

A prisão aconteceu ontem (quarta, 27), no bairro de Pernambués, em Salvador.

A investigação da polícia chegou à conclusão de que a droga pertencia aos traficantes “Pito” e “Ronaldo”, suspeitos de vários homicídios.

Norma não revelou os donos, e para a surpresa dos investigadores entregou o filho de 21 anos, inocente e sem antecedentes criminais.

A atitude da mãe criminosa levanta dúvidas.

Ela dedurou o filho devido ao mau-caratismo ou por medo da morte, caso entregasse os traficantes?

O filho foi liberado e a mãe encontra-se na Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Criança e o Adolescente (DERCA), à disposição da Justiça.

CÉSAR BORGES CONFIRMADO NO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES

Do blog de João Bosco Rabello

César Borges.
César Borges.

O presidente do PR, senador Alfredo Nascimento (AM), afirmou ontem a dois colegas do Senado que “fez o novo ministro do partido”. Relatou que sera o ex-senador e atual vice-presidente do Banco Brasil, César Borges, o novo ministro dos Transportes. Não há confirmação oficial, ainda, por parte do PR nem do Planalto, mas informalmente até adversários da nomeação de Borges confirmaram.

A comemoração de Nascimento surpreendeu – e irritou – a bancada da Câmara, que quer um dos seus à frente da pasta. Os deputados sabiam que o nome de César Borges tinha a simpatia do Planalto, mesmo sem o respaldo da bancada. O que não sabiam é que o presidente da sigla, Alfredo Nascimento, defenestrado do cargo na “faxina” feita pela presidente Dilma Rousseff, trabalhava para emplacá-lo.

A celebração com senadores repercutiu negativamente entre os deputados, que se sentiram traídos.

A movimentação de Nascimento pró-César Borges irritou, principalmente, o líder da bancada, Anthony Garotinho (RJ), que foi alijado das discussões. Dois nomes de deputados federais haviam sido oferecidos e recusados pelo Planalto: o do ex-líder Luciano Castro (RR) e o de Jaime Martins (MG), ligado ao ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel. Os deputados achavam que Nascimento ainda trabalhava por um deles.

(mais…)

VANE DESMENTE BOATARIA E DECRETA PONTO FACULTATIVO NESSA QUINTA-FEIRA

Vane do Renascer.
Vane do Renascer.

O prefeito de Itabuna, Vane do Renascer, decretou ponto facultativo para essa quinta-feira, 28. A medida, comum nessa época, agrada os servidores públicos do município.

Serviços essenciais, como a coleta de lixo, serão mantidos hoje e no Sábado de Aleluia.

A decisão vai de encontro à boataria entre os servidores, sobre uma suposta má vontade do governo com o feriadão católico (veja aqui).

A prefeitura de Itabuna também vai distribuir 37 toneladas de peixe para famílias carentes.

O governo de Vane assegura que mais de 20 mil famílias serão beneficiadas com o alimento tradicional da Semana Santa.

A quantidade de pescado foi aumentada em 10 toneladas em relação ao que foi distribuído no ano passado.

CHICO BUARQUE APOIA MANIFESTAÇÕES CONTRA FELICIANO

Do Estadão

chico buarqueDepois de Caetano Veloso protestar contra a permanência do deputado pastor Marco Feliciano (PSC-SP) na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, foi a vez de Chico Buarque engrossar o coro contra o parlamentar.

Segundo o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ), o cantor teria lhe enviado um e-mail na terça-feira, 26, afirmando que apoia as manifestações que pedem a saída de Feliciano do cargo. “O Chico Buarque me mandou um e-mail e pediu para que eu colocasse o nome dele em qualquer lista que defenda os direitos humanos. Ele disse: ‘Assino qualquer lista em defesa da Comissão de Direitos Humanos e pela saída deste deputado'”, disse Freixo ao Estado nesta quarta-feira, 27.

Juntamente com o deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), que tem articulado a frente de resistência contra Feliciano na Câmara, Freixo organizou uma manifestação na segunda-feira que reuniu, além de Caetano, outros artistas como o ator Wagner Moura e a atriz Leandra Leal. Representantes de lideranças religiosas, movimentos sociais e outros parlamentares também participaram do evento no Rio. No mesmo dia, as atrizes Fernanda Montenegro e Camila Amado deram um beijo na boca num ato de protesto contra o pastor durante a entrega de um prêmio.

Uma nova manifestação contra Feliciano já tem data marcada. Segundo Freixo, será dia 7 de abril, na orla de Copacabana. “A permanência de Feliciano na comissão é um projeto político, para anular as lutas dos direitos humanos. A nossa briga não é porque se trata de uma pessoa religiosa. Esse é um movimento contra a intolerância e o fundamentalismo, contra um grupo que não aceita o direito das minorias”, disse o deputado.

Feliciano foi eleito no início do mês para o comando da comissão e tem sido alvo de protestos devido a declarações consideradas racistas e homofóbicas. Ele nega as acusações e diz sofrer perseguição religiosa, pois é evangélico. O deputado, no entanto, reitera que, por conta de suas crenças, não é a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo.