CAOS NA SAÚDE DE ILHÉUS NO BOM DIA BRASIL

O sofrimento de uma usuária do SUS, em Ilhéus, foi abordado numa reportagem do Bom Dia Brasil veiculada hoje.

Nos chamou a atenção o fato de uma diretora da secretaria de saúde ter atendido a reportagem da repetidora da Globo. Isto nos leva a crer que mais uma vez a secretária Ledívia Espinheira estava viajando (pra quê tantas viagens se continua faltando materiais de curativos nos postos de saúde?).

Este vídeo foi publicado em primeira mão pelo Blog Agravo, de Jamesson Araujo.



5 responses to “CAOS NA SAÚDE DE ILHÉUS NO BOM DIA BRASIL

  1. a questão é que a secretária não utiliza a saúde da nossa cidade e nem mesmo a nossa cidade, ela está aki a passeio infelizmente,mas se assim que o povo quer, pq eles só reclamam qdo chegam nos postos e querem que os funcionário der conta dos erros, enquanto que as verbas vão saber pra onde estão indo,pois 07 meses de dinheiro sobrando (sem material,sem profissionais contratos sem tudo e nada sendo feito) e ai que vai resolver esta questão??????

  2. Será, só a ausência de médicos, que Ilhéus sofre? Se formos enumerar, podemos começar pela Gestão municipal, que adora culpar a gestão anterior no entanto a 7 meses que assumiu a pasta, o discurso é o mesmo débitos da gestão anterior, sabe-se que foi deixado debito da gestão anterior, certo. Porém um bom gestor mantem serviços essências funcionado em paralelo paga-se os débitos, pois sabe-se que o SUS, só repassa o que é informado desde esteja em excursão, caso o contrario nada e pago e não foi isso que o atual gesto fez demitiu todos os contratados na justificativa de zerar e começar, porém sabemos que uma gestão municipal, não é uma gestão de residencia onde derruba uma casa e constrói outra, mesmo assim deve existir uma casa de abrigo, o que não ocorreu em Ilhéus. Segue-se com a gestão da saúde, quem é a secretaria, de onde vem para onde vai, indicada pelo atual secretaria de saúde do estado para fins políticos-partidário, onde viagem é mato, me recordo um velho refrão “Olhe Lula indo, olhe Lula voltando, já foi”. Pode ser usado no mesmo sentido. A nos bastidores da prefeitura que uma empresa será “licitada” para contratação de profissionais para a secretaria de saúde, não sei se é ótimo, ou ruim. Afinal quem serão esses profissionais contratados, como será realizado essa contratação, pois seguindo as atuais contratações “emergenciais”, incompetência paira no ar (chamado bate cabeça) ninguém sabe nada, estão empurrando com a barriga a saúde de Ilhéus, o povo não reclama, superlota o Hospital Regional, é atendido, resolvido o problema momentâneo, ta ótimo (me recordo de uma frase quando estava a +- um mês no regional para ser atendido com suspeita de dengue – “Reclamo que demora e grito de dor que sei que sou atendido logo, no posto passo 2 meses para ser atendido, não tenho medicação, aqui sou atendido, faço exames, pego resultado no mesmo dia e saio medicado, quero mais o que……”.Isso é a mentalidade de parte dos ilheenses que pensa que saúde é só isso, superlotar um serviço de emergência e esta resolvido.

  3. O município de Ilhéus tem gestão plena e é fiscalizado pela 6ª DIRES. Como pode o município continuar a receber esses recursos se não está realizando os serviços?

  4. Prezada bloqueiro se tudo isso estar acontecendo tenha a plena certeza com autorização do prefeito Jabes Ribeiro.
    Na Assistência Social também ocorre a mesma coisa, exceto que Jamil é uma secretário presente, mas sem poder de comando, pois quem determina tudo e John Ribeiro e o gestor do fundo Raimundo Borges, há seis meses que o MDS – Ministério do Desenvolvimento Social envia mensalmente as verbas para custeios do programas sociais e só agora inicia as atividades de alguns programas, meu Deus, pobre sofre.

  5. Coitada dessa enfermeira linda, tendo que descascar o abacaxi que essa secretária omissa e incompetente não quer assumir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *