REÚNE ILHÉUS CONDENA A FALTA DE DIÁLOGO DO GOVERNO MUNICIPAL

Imagem da comissão de comunicação do Reúne Ilhéus, no Facebook.
Imagem da comissão de comunicação do Reúne Ilhéus, no Facebook.

Nessa manhã, representantes do Reúne Ilhéus foram entrevistados por Gil Gomes. No programa de rádio, Elisabeth Zorgetz e Igor do Carmo falaram sobre a desocupação do Palácio Paranaguá. Os ativistas condenaram a postura do governo municipal na ocasião.

Segundo Elisabeth, o comportamento do prefeito causou estranhamento. Durante as primeiras manifestações, ainda no mês passado, Jabes disse está aberto à conversa com o movimento social. No entanto, Ribeiro não aceitou se reunir com os ativistas dessa vez. O governo municipal resguardou seu mandatário e negou o diálogo. A entrevistada condenou ainda a truculência com que os manifestantes foram tratados durante toda ocupação, como a restrição do seu acesso aos banheiros do Palácio.

Perguntada sobre as acusações de degradação do patrimônio público, Elisabeth esclareceu que, não houve nada disso. Na verdade, foram os ativistas que limparam o prédio, que tinha muitos dos seus espaços sujos, completou a representante da sociedade civil organizada.

No final da entrevista, Igor reforçou o sentimento de luta e resistência do Reúne Ilhéus. Ele também destacou o apoio da população à causa do movimento. O ativista social lembrou ainda a debilidade atual dos serviços municipais, como a falta de merenda escolar: “as crianças não têm nem um biscoito de sal pra comer na escola”.

Os integrantes do Reúne Ilhéus pressionam e aguardam pelo cumprimento da promessa de entrega dos balancetes das empresas de transporte (Via Metro e São Miguel). Eles exigem mais transparência, na condução legal das concessões públicas exploradas pelas empresas, e a redução imediata da tarifa cobrada. Proporcionalmente, o preço da passagem de ônibus em Ilhéus está entre os maiores do Brasil.



2 responses to “REÚNE ILHÉUS CONDENA A FALTA DE DIÁLOGO DO GOVERNO MUNICIPAL

  1. Destaco que não sou contra o movimento, mas a minha dúvida é: onde estava esta juventude politizada há pouco tempo atrás? Os governos de Newton e Valderico passaram devastando a multidão, Jorge Bahia foi capaz do que se sabe e do que nem se imagina sem ser percebido, a merenda escolar e tantos outros problemas existentes hoje são decorrentes das inúmeras dívidas deixadas que inviabilizam recebimento de recursos (município inadimplente), mas só agora resolveram gritar… Tudo bem, antes tarde do que nunca!
    Mas lembremos: muitos do que estão aí (basta pesquisar) são os mesmos que fizeram campanha para Carmelita, que defendiam o continuismo de Newton Lima, que possuiam cargos no governo… Outros já estão em campanha para Deputado (não esqueçamos que já estamos próximo à linha de largada para mais uma corrida política e que muitos inescrupulosos se utilizam dessa imagem de ativista para seduzir os mais ingênuos).
    Aquela velha história: “defendo a igualdade social, luto pelos direitos alheios, mas depois que saio da frente das câmeras, pego minha Hilux e vou embora tranquilamente, sem sequer me preocupar com as injustiças e abusos que ando cometendo contra meus funcionários.

  2. TAÍ, SE TEM UM PREFEITO QUE NÃO GOSTA DE DAR AUMENTO DE PASSAGEM É JABES. NO INÍCIO DESTE ANO AS EMPRESAS QUERIAM AUMENTO E ELE NÃO DEU. NOS ÚLTIMOS 08 ANOS DE SEU GOVERNO FORAM 5 ANOS DE 0,50 CENTAVOS E 3 DE 0,70 CENTAVOS. DEFENDEU O POVO CONTRA VALDERICO E ESTE MESMO POVO ELEGEU VALDERICO PREFEITO E DEPOIS NEWTON DO PT. E POR FALAR EM PT ESTOU ANSIOSO EM VER A TURMA DE DILMA E LULA NA CADEIA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *