JABES ATACA O REÚNE ILHÉUS E LAMENTA A GREVE GERAL

Jabes fala em reunião no auditório da Justiça Federal.
Jabes fala em reunião no auditório da Justiça Federal.

Nesse momento, reunido com vereadores, membros da sociedade civil e sindicatos, o prefeito Jabes Ribeiro desfere acusações contra o movimento Reúne Ilhéus. Jabes acusa o movimento de ter desrespeitado o prédio histórico, “quando o invadiram e ficaram tocando violão sem camisa”.

Ainda de acordo com o prefeito, o seu direito de ir e vir tem sido violado, o que tem lhe impedido de trabalhar. Ele atribui a culpa disso também ao Reúne Ilhéus.

Sobre a greve geral deflagrada nessa manhã, por todas as categorias dos servidores municipais, Jabes Ribeiro apenas lamentou. O mandatário do executivo apresentou os mesmo números que os representantes sindicais rechaçam como mentirosos. Como solução, Jabes propôs a criação de uma nova comissão, constituída por membros do ministério público, sociedade civil e sindicatos, para auditar os números da folha de pagamento que seu governo apresenta.

A reunião está acontecendo no auditório da Justiça Federal. 



6 responses to “JABES ATACA O REÚNE ILHÉUS E LAMENTA A GREVE GERAL

  1. E SE OS NUMEROS ESTIVEREM ACIMA DO QUE MANDA A LEI 54 POR CENTO QUEM VAI TIRAR A CULPA DE JABES. OS FUNCIONARIOS TEM QUE ENTENDER QUE OS RECURSOS DA PREFEITURA NAO SAO SO DELES TEM TODA UMA CIDADE PARA CUIDAR. ILHEUS TEM PREFEITO O TEMPO DE NEWTOM LIMA DO PT JA FOI.

  2. o que desrespeita mais um predio historico:
    01. tocar violão sem camisa; (ou)
    02. ter ficha suja;
    03. desviar verba da saude e educação;
    04. superfaturar obras;
    05. desonestidade;
    06. falta de rransparencia; (coloque as suas perguntas) FORA JABES, MAS QUEM….?

  3. também esse pessoal só sabe falar em numeros mentiroso. Será que o sinsepi já apresentou alguns números? claro que não. os idiotas é que ficam indo na onda dos come e dorme.

  4. “A melhor defesa é o ataque”…O TCM – Tribunal de Contas dos Municípios, através da inspetoria em Itabuna, atua como fiscalizador das contas públicas juntos ao poderes executivos (prefeituras) e Legislativos(câmaras). Sugiro que a comissão se desloque até a vizinha cidade de Itabuna e se faça uma consulta para dirimir dúvidas, com relação aos registros contábeis da dotação orçamentaria 3111- despesas com pessoal, de janeiro a junho de 2013, acompanhados dos relatórios já emitidos pela inspetoria regional.

  5. Nilton Pereira vc falou uma coisa certa em fala que o TCM tem essa informações, so que temo direito de pegar esse documentos so os vereadores melhor fazer a consulta mais o que a prefeitura fala e mostra é que a folha esta acima da LRF mais com os contrato e pagamento de empresa que são contratada para consultoria realmente vai chega o números que ele falou.Ele pede a sociedade que mostre formula para sair dessa situação, mas quando a sociedade fala para ele onde esta ele não faz e tem interesse em fazer pois vai corta na pele isso ninguém que para si. reune ilhéus ele fala que atrapalha em fazer o seu trabalho como prefeito é só ele senta e conversa com o pessoal e ai tenta da uma solução.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *