COMUNIDADE TUPINAMBÁ PODE PERDER MORADIA, POSTO MÉDICO E ESCOLA

Comunidade pode ficar sem escola, posto médico e moradia.
Reintegração de posse ameaça famílias e mais de 150 estudantes.

Na manhã da última quarta-feira (31 de julho), a comunidade do Acuípe de Baixo foi surpreendida por um mandado judicial de reintegração de posse do Sítio Rovidávia concedida à empresa estrangeira Primaver Empreendimentos Imobiliários.

De acordo com o  Cacique Valdenilson, a FUNAI demonstrou seu desrespeito e irresponsabilidade com a luta pelo território Tupinambá, nos municípios de Ilhéus, Buerarema e Una, ao não acompanhar ou informar o povo indígena sobre essa investida judicial do capital estrangeiro.

O Cacique revelou o descontentamento da comunidade com a surpresa abrupta. Segundo Valdenilson, nos debates anteriores em que o povo Tupinambá foi representado, depois de muito desconforto entre a FUNAI, o Ministério Público Federal e a Polícia Federal, chegou-se ao entendimento de que não houvesse a reintegração, pois as famílias não tem para onde ir.

No mesmo evento, ficou acordado que a FUNAI deveria se pronunciar com trinta dias de antecedência ao cumprimento da reintegração e, principalmente, caberia à própria Fundação Nacional dos Índios a responsabilidade de relocar as famílias desabrigadas. Segundo o Cacique Valdenilson, a revolta da comunidade é ainda maior por “presenciar mais uma vez o próprio procurador do Município de Ilhéus advogando para o grupo  estrangeiro (PRIMAVER EMPREENDIMENTOS)”.

As máquinas da destruição.
As máquinas da destruição.

O território em cheque abriga um Posto de Saúde, uma escola e casas Tupinambá. Segundo o Cacique, a área está fora dos limites da empresa estrangeira. Mais de 150 estudantes são atendidos, nos três turnos, na educação infantil, Fundamental e no ensino médio. Máquinas demolidoras já marcharam para o lugar. A comunidade solicita aos órgãos competentes o impedimento da possível reintegração de posse que, se efetuada, causará um grande impacto social com a destruição dos patrimônios públicos e os imóveis construídos pelos nativos há mais de 30 anos. 



7 responses to “COMUNIDADE TUPINAMBÁ PODE PERDER MORADIA, POSTO MÉDICO E ESCOLA

  1. ISTO QUE NÃO ENTENDO, COM O QUE ACONTEÇE NO NOSSO PAÍS. OS ORGÃOS FEDERAIS ESTÃO CONIVENTES COM MUITAS BARBARES. SE SÃO TERRAS DE PEQUENOS AGRICULTORES ; NÃO HAVERIA PREOCUPAÇÕES PARA PROTEGÊ-LOS, DE INVASÕES, ATAQUES , VIOLÊNCIAS A PESSOAS IDOSA, QUE DURANTE DÉCADAS ESTÃO SOBREVIVENDO DA SSUA PLANTAÇÃO , PARA SUA SOBREVIVÊNCIA. E QUANTO À EMPREENDIMENTOS DE ESTRANGEIROS E ONGS OPORTUNISTAS; RAPIDINHO SAI AS LIMINARES DE DESAPROPIAÇÕES. DURMA COM UM BARULHO DESTE!.ACHO QUE SE É PARA DEMARCAR ; QUE SE FAÇA DE PRONTO , POIS A ANSIEDADE , A FALTA DE ESTÍMULO, CADA DIA NOS ACOMPANHAM , SEM RUMO , SEM PESPECTIVAS DE SABER QUE FUTURO, ESTAR POR VIR.PESSOAS, VÂNDALOS QUE A CADA DIA ESTÃO CHEGANDO MAIS E MAIS DE REGIÕES LONGÍNQUAS; PARA SE CADASTRAREM E SE OPORTUNAREM DESTES MOVIMENTOS MAQUEADOS POR UM ORGÃO GOVERNAMENTAL, CHAMADA FUNAI; VÊEM COM O OBJETIVO DE MAIS UMAS DAS POLÍTICAS FRAUDULENTAS E INTENCIONAIS, GOZAREM DE PROJETOS E VERBAS , QUE TÃO SUADAMENTE , SAI DO MEU BOLSO, DO CONTRIBUINTE QUE É LESADO DESCARADAMENTE. OS ORGÃOS COMPETENTES SABEM E TÊEM PROVAS DE QUEM NUNCA PLANTOU UM PÉ DE QUIABO, HOJE É O MAIOR PRODUTOR DE CACAU DA REGIÃO ; SEM AO MENOS SABER NEM COMO SE PLANTA UM PÉ DE CACAU. E O MAIS INTERESSANTE QUE ” AS FAZENDAS DELE ” OS PÉS JÁ SAEM ENSACADOS, PRONTO PARA AS COOPERATIVAS QUE DEVERÍAM SERAUTUADAS COMO RECEPTADORAS DE ROUBO. QUERO SABER ATÉ QUANDO GOVERNANTES TEREMOS QUE SUPORTAR ISTO? ESTÃO ESPERANDO CONFLITOS? QUEREM SEDE DE DERRAMAMENTO DE SANGUE, PARA SE DIZIMAR FAMÍLIAS ?. COMO CIDADÃ EXIGO QUE ME RESPONDAM.

  2. Interessante! Qdo ditos índios invadem as propriedades de forma violenta, expulsa os moradores c/ a roupa do corpo, além de roubarem seus pertences, ñ se preocupam, c/ as perdas e sofrimentos das famílias e pq a indignação, por causa de uma reintegração!
    É A lei do retorno se cumprindo.

  3. Porque quando a lei é aplicada contra os interesses dos supostos Tupinambás ela sempre está errada???

    Toda região sabe que essa região nunca foi habitada nos primórdios por Tupinambás.

  4. caro Gusmão,
    com todo respeito ao seu jornalismo e ao livre direito de uma cabeça pensante que nós somos, venho aqui questiona-lo.
    Como assim os tupinambás podem perder moradia, escola e um posto de saúde?? Por acaso a terra um dia foram deles?? A terra é invadida por eles! Índios criados, incentivados a se cadastrarem na Funai para ganhar cesta básica e R$1000,00.
    Só nos fazem pensar que o senhor está perambulando por Ilhéus de olhos vendados e ouvidos tampados. Gusmão, todos estes índios paraguaios possuem casas próprias ou alugadas, alguns com restaurante, distribuidora de água, outros são funcionários municipal, estadual, e o mais perigoso trabalha no fórum no registro de imóveis, ou seja a maracutaia está armada!

    E vou deixar claro, nos agricultores, moradores, cidadãos e brasileiros de bem não vamos mais ficar de braços cruzados esperando o governo proteger nossa terra e vendo a federação segregar o povo brasileiro!
    Infelizmente teremos que nos armar assim como os pseudos índios estão fazendo!!! Vai haver derramamento de sangue em ilhéus!!! E vamos pegar os cabeças desse movimento oportunista.

    DEsde já muito obrigado pelo espaço.

  5. Concordo plenamente com vc RETORNO.. eles são muito violentos na hora de fazer suas RETOMADAS como chamam o roubo de terras alheia.
    Eu mesma já fui agredida por eles e sei bem o que está por traz dessa farsa de índios.

  6. Alguns indígenas utilizam-se de violência, assim como muitos brancos, negros, asiáticos…Não devemos generalizar. E quanto ao fato questionado por algumas pessoas, sobre o ponto de vista de alguns indivíduos referente as ações tidas desfavoráveis aos índios, argumentando que quando é com os mesmos, as pessoas acham logo que a lei ta errada, eu tenho minha teoria. O povo indígena sofre com vários tipos de abuso desde a época do descobrimento, então chega-se a um ponto onde a revolta é enorme e a intolerância a certos atos aflora. Sobre a questão de que as terras não eram habitadas pelos Tupinambás no passado, não se tem provas. Lembrem-se de que os índios estavam aqui a muito tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *