PRINCIPAIS CONCLUSÕES DO NOVO RELATÓRIO SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS

1024px-Enchente_em_Trizidela_do_Vale_(MA)_3

Do site Eco.

O clima global já mudou em muitos aspectos, que não tem precedentes nas últimas centenas ou milhares de anos, foi a conclusão de cientistas e governos do mundo no novo relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima (IPCC). Essas mudanças têm afetado todas as regiões do globo, na terra e no mar. Emissões de carbono contínuas irão produzir mais ondas de calor, aumento do nível do mar, o derretimento do gelo e condições climáticas extremas. As mudanças vão durar séculos e limitar seus efeitos exigiria cortes “substanciais e sustentados” das emissões de dióxido de carbono, dizem os cientistas.

Temperaturas

Os cientistas têm agora pelo menos 66 % de certeza que as últimas três décadas são as mais quentes em 1.400 anos, com um aumento da temperatura global de 0.9º C ocorrido no século passado. No entanto, mais de 90 % do calor gerado por gases do efeito estufa está armazenado nos oceanos. Até a metade deste século, os cientistas preveem um novo aumento de 1,4º a 2,6º C se as emissões de carbono continuarem a subir na tendência atual. Se as emissões forem interrompidas quase imediatamente e uma quantidade de carbono significativa saísse da atmosfera, o aumento até meados do século seria de 0,4º a 1,6º C.

Os cientistas preveem que a temperatura média entre 2080 e 2100 será de 2,6º a 4,8º C maior do que hoje se as emissões não forem controladas. Eles têm 90 % de certeza de que as ondas de calor serão mais frequentes e mais longas.

Nos oceanos, o forte aquecimento da superfície — de até 2º C em 2100 — é esperado nas regiões tropical e subtropical, uma grave ameaça para os recifes de coral que sustentam boa parte da vida marinha. Os cientistas concluíram que um colapso da Corrente do Golfo que aquece a Europa ocidental, dramatizada no filme “O Dia Depois de Amanhã”, é muito improvável neste século, mas não pode ser descartada mais à frente.

Leia mais.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *