“GOVERNO DE JABES QUER SUCATEAR O ESTÁDIO MÁRIO PESSOA”

Estádio Mário Pessoa. Imagem; José Nazal.
Estádio Mário Pessoa. Imagem; José Nazal.

A afirmação é de um importante desportista que prefere não se identificar.

A gestão do prefeito Jabes Ribeiro estaria decidida a promover o sucateamento lento e gradual do Estádio Mário Pessoa. “Com a praça esportiva em péssimas condições, será mais fácil entregar a área para os investidores que desejam construir o Shopping Center”, afirma o denunciante anônimo.

O governo de JR também não tem interesse no retorno do Colo-Colo à elite do futebol baiano. Internamente, o prefeito teria afirmado que não ajudará o clube. A justificativa está pronta: o aperto financeiro das contas do município.

Se o Tigrão voltar a 1ª divisão, o Mario Pessoa terá mais importância.

Comentário do blog.

A teoria, ainda não confirmada, não é estapafúrdia. Há indícios que nos deixam desconfiados.

Antes do torneio de acesso disputado esse ano, a Federação Baiana de Futebol determinou a retirada das gaiolas instaladas nas torres de iluminação do gramado.

A decisão da FBF veio à tona depois que a prefeitura alegou não ter condições de reformar o sistema.

Depois que as gaiolas vieram abaixo, cerca de 60 metros de fio de cobre sumiram inexplicavelmente das torres de iluminação.

A segundona vai começar em meados de fevereiro, mas a prefeitura sequer licitou os novos equipamentos. Um engenheiro elétrico ainda vai desenvolver o projeto que ficará pronto sabe-se lá quando.

Em casa, o Colo-Colo terá que jogar às 15h, debaixo de um escaldante sol de verão.



6 responses to ““GOVERNO DE JABES QUER SUCATEAR O ESTÁDIO MÁRIO PESSOA”

  1. SÓ TEM UMA FALHA NESSA MATÉRIA QUENDO DIZ QUE O PREFEITO QUER SUCATEAR O ESTáDIO; está está SUCATEANDO ILHEUS.

  2. Numa cidade que passa por crise, gastar recursos com recuperação de estádio não é prioridade. A saúde, educação, infraestrutura, comércio, turismo e indústria demanda muito mais atenção.

    Sinceramente, gastar um absurdo só para o Colo Colo jogar uns 10 vezes (olhe lá se isso tudo)seria uma falta de noção.

  3. Fato é que o plano de sucatear um estádio de futebol e desprestigiar um time de futebol com o objetivo de possibilitar a instalação de um empreendimento comercial requer um alto grau de visão política, de sofisticação cognoscitiva e de capacidade de planejamento absolutamente incompatíveis com o nível intelectual que os gestores da Prefeitura revelam. Concordo com Eliza: a CIDADE INTEIRA está sucateada pela simples, singela incompetência, inoperância e mediocridade dos que ocupam a Prefeitura. É só por isso!

  4. UM passrinho contou que, se relmente surgir um Shoping no projeto o colegio IME e HEITOR Dias seram construidos em outra localidade na cidade,procurem averiguar esta informação, pois a primeira tentativa era de construir o shoping no parque de esposição.VAMOS FICAR DE OLHO ILHEENSES.

  5. Confesso que não consigo entender, se a denuncia é verdadeira porque bulhufas esse desportista não se identifica?tá com medo de que? a propósito muitos desportistas, principalmente os que trabalham na rádio sta.cruz, apostaram suas fixas no então candidato Jabes,diziam que ganhando as eleições o Jabes tornariam o futebol profissional e amador mais forte,não foi?
    Não sou contra o progresso, mas apelo pro bom senso um erro não conserta o outro isso é que eu penso!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *