PRIMEIRO O BÁSICO, DEPOIS O PORTO SUL

Comunidades da zona norte sofrem com a violência.
Comunidades da zona norte sofrem com a violência.

No dia 25 de novembro, representantes do governo do estado estiveram na Câmara de Vereadores de Ilhéus reunidos com lideranças comunitárias da zona norte. O objetivo do encontro foi mobilizar simpatizantes para as audiências públicas do Porto Sul, que serão realizadas nos dias 12 e 13 deste mês, em Ilhéus e Itabuna respectivamente.

O resultado do encontro não foi nada animador para o Governo do Estado e a Prefeitura de Ilhéus. Os representantes das comunidades querem o empreendimento, mas primeiro almejam condições sociais básicas.

A violência e a falta de policiamento na zona norte foram duramente questionados, assim como, o estado precário das estradas vicinais, escolas e postos de saúde fechados, transporte coletivo insuficiente e com ônibus velhos e as ruas sem iluminação pública.

Os lideres comunitários disseram ser muito difícil mobilizar os moradores, haja vista o alto nível de insatisfação que prevalece nas localidades.

Eles exigiram melhorias imediatas e a resolução dos problemas. Se tudo for cumprido, irão participar das audiências públicas.



One response to “PRIMEIRO O BÁSICO, DEPOIS O PORTO SUL

  1. Parabenizo os representantes das comunidades da zona norte do município de Ilhéus! Quem mora, ou morou nesse local, sabe perfeitamente a situação terrível que é: avanço da maré e o abandono aliado ao descaso das autoridades do estado e município. Muito bom que a comunidade entenda que é necessário negociar com governantes em pé de igualdade. Todo cidadão tem direitos e deve-se lutar por eles. PARABENS!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *