PEDRO TAVARES CRITICA O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA

Pedro Tavares.
Pedro Tavares.

A morte do produtor rural Juraci Santana, líder do Assentamento Ipiranga, em Una, mostrou que a solução para os conflitos indígenas nas terras ocupadas na região sul ainda está longe de acontecer. A base fixa que ficava no local onde aconteceu a morte, foi desmontada na última sexta-feira (07) por decisão do Ministério da Justiça.

O caso e a gravidade da situação foi lembrada pelo deputado estadual Pedro Tavares (PMDB) durante discurso no plenário da Assembleia Legislativa. O parlamentar voltou a cobrar a retomada imediata da Força Nacional às bases de pacificação, e defendeu a união dos parlamentares para solicitar do governo estadual e federal atitudes emergenciais para a situação. “A retirada dessas bases é simplesmente um absurdo. É preciso que o governo estadual tome as rédeas da situação e cobre do Ministério da Justiça uma solução rápida para os conflitos que vem acontecendo frequentemente. Será que vai ser preciso mais mortes e mais violência para que se tome uma atitude?”, criticou.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *