QUADRO DE SAÚDE DE ABOBREIRA MELHORA

O ex-vice-prefeito de Ilhéus, José Henrique Abobreira, foi transferido para a UTI do Hospital Espanhol, em Salvador. Seu quadro de saúde já apresenta melhoras. A transferência foi articulada pelo prefeito Jabes Ribeiro, junto com o secretário da Casa Civil do Estado, Rui Costa, e Thiago Feitosa. A foto do "rango" foi registrada por Fred Abobreira, ele nos informou que o pai pode deixar a UTI amanhã, mas, essa é apenas uma estimativa.
O ex-vice-prefeito de Ilhéus, José Henrique Abobreira, foi transferido para a UTI do Hospital Espanhol, em Salvador. Seu quadro de saúde já apresenta melhoras. A transferência foi coberta pelo plano de saúde. A vaga na UTI foi articulada por um grupo extenso de pessoas como o  prefeito Jabes Ribeiro e o vereador Alisson Mendonça (Abobreira é tão querido que uniu opositores do jogo político). A foto do “rango” foi registrada por Fred Abobreira, ele nos informou que o pai pode deixar a UTI amanhã, mas, essa é apenas uma estimativa.

ENSAIO SOBRE A BAJULAÇÃO (OS PUXA-SACOS)

jamal-padilha-1Por Mohammad Jamal

La Fontaine dizia que “todo bajulador vive à custa de quem o escuta”. O bajulador agrada o bajulado festejando-o como cães, cujos narizes e bocas estão sempre sujos das impurezas da sua própria imundície fisiológica. “Afastai com a ponta da adaga o sujo cão bajulador; ele é infiel.” O arquétipo bajulador está implicitamente agregado aos primórdios antropológicos e ao advento da moral sociológica. É preciso mergulhar fundo na sociologia; na filosofia, na antropologia e história, no vasto campo literário para biografa-los. Vejamos então alguns belos exemplares colhidos dos filósofos e pensadores gregos da antiguidade. Ao debruçar-se diagnóstica e analiticamente sobre morais básicas e as sutilezas do espécime bajulador; Plutarco (69 – 120 d.C.) nos conduz a uma reflexão sobre nossas próprias falhas, revelando o quão somos responsáveis por nos cercarmos de bajuladores, expondo-nos a riscos desnecessários. Ele também nos chama a atenção para o fato de que é ao acalentarmos um excesso de amor-próprio – tão salutar quando em boa medida – que não fazemos um julgamento íntegro e imparcial sobre nós mesmos: “o amante é cego a respeito do que ele ama.”, nos diz ele. Muita gente não resiste a uma “abanadela de ego”, no geral, os mais vulneráveis estão entre aqueles com baixa autoestima. 

Em sendo óbvio, não devemos omitir uma das principais referencias imorais, claro: eles são exímios mentirosos! Os puxa-sacos são expertos e bons psicoanalistas; eles farejam bem aqueles mais vulneráveis aos assédios das “loas” cantadas aos seus ouvidos. È no universo político onde eles se esbaldam em interminável festim. É o Éden e a Serra Pelada deles, é aí que parasitam a fartura e, onde vivem e envelhecem adulando e para adular. Esta palavra vem do Latim adulare, “lisonjear, afagar”. De início, parece que este verbo se aplicava aos afagos feitos num cão, depois aos que este fazia ao dono, abanando o rabo e se mostrando contente mesmo quando não fosse bem tratado. Esse figurativismo imaginado é muito apropriado e elucidativo. [Do lat. bajulatore.] Adjetivo. 1. Que bajula; adulador, adulão, aduloso, babão, cafofa, chaleira, chaleirista, incensador, lambedor, lambeta, lambeteiro, louvaminheiro, puxa-saco ou puxa-sacos, sabujo, xereta. Substantivo masculino.
2. Aquele que bajula; adulador, adulão, aduloso, babão, baba-ovo, banhista, cafofa, chaleira, chaleirista, cheira-cheira, chupa-caldo, corta-jaca, engrossador, enxuga-gelo, escova-botas, incensador, lambedor, lambe-botas, lambe-cu, lambe-esporas, lambeta, lambeteiro, louvaminheiro, puxa-saco ou puxa-sacos, sabujo, xeleléu, xereta, rêmora, peixe piloto… Ufa! E tem mais!

(mais…)

POLICIAIS ATERRORIZAM FAMÍLIA ILHEENSE, AFIRMA ADVOGADA

A advogada Lu Cerqueira afirmou que casa de família ilheense foi invadida, por causa de uma "simples suspeita".
A advogada Lu Cerqueira afirmou que casa de família ilheense foi invadida, por causa de uma simples suspeita.

Segundo a advogada Lu Cerqueira, policiais militares e agentes da Força Nacional aterrorizaram uma família ilheense na última segunda-feira 3, por causa de uma simples suspeita.

Naquele dia, três jovens dessa família vendiam queijo nos arredores da Cabana Narigas, litoral sul de Ilhéus, quando arma de um integrante da Força Nacional foi roubada.  Segundo a advogada, testemunhas apontaram a casa dos vendedores de queijo como possível refúgio do suspeito pelo roubo. Isso bastou para o “braço armado do Estado” invadir a residência.

Conforme a advogada, os militares agrediram os três jovens, ameaçaram toda família, arrombaram uma porta e estragaram móveis. Desde então, a casa está abandonada e seus habitantes temem voltar.

Os três irmãos prestaram depoimento à polícia. De acordo com Lu Cerqueira, o comandante da 69º PM garantiu que a casa da família não voltará a ser invadida. A advogada afirmou que os autores da invasão ainda acreditam que os jovens sabem o paradeiro da arma roubada e, por isso, rondam a vizinhança. 

VÍDEO: JOGADOR DO SANTOS DEPÕE CONTRA O RACISMO

Na última quinta-feira 6, o Mogi Mirim recebeu o Santos para confronto do Campeonato Paulista. Os visitantes venceram por 5 a 2, mas, o futebol deu lugar ao espetáculo do ódio racial. Os torcedores do time da casa hostilizaram o jogador Arouca com ofensas racistas.

Na sexta-feira 7, o Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo interditou o estádio do Mogi Mirim. Conforme a Federação Paulista de Futebol, o ato de racismo maculou “de forma indelével a disciplina esportiva e os princípios básicos da civilidade humana”.

Arouca marcou um golaço de voleio (foi o quarto gol santista), porém, o ato racista contornou todas as memórias boas do jogo. O jogador concedeu depoimento à TV Santos. Assista abaixo. 

HUMOR: “JABINHO REALIZA O CARNAVAL DA PONTA DA LAMA”

A avenida do Carnaval Ponta da Lama. Foto: Ilhéus da Depressão/Facebook.
A avenida do “Carnaval Ponta da Lama”. Foto: Ilhéus da Depressão/Facebook.

Na Ponta da Tulha, litoral norte de Ilhéus, a população pendurou uma faixa para “agradecer” o prefeito Jabes Ribeiro (PP) pelo carnaval 2014.

A faixa do protesto irreverente diz assim: “Carnaval 2014 da Ponta da Lama (Tulha)”. “Realização: Jabes Ribeiro”.

A equipe da fanpage Ilhéus da Depressão não perdeu a oportunidade e completou a piada: “Carnaval Ponta da Lama, muita lama e quebradeira pra você”. “Um oferecimento: Jabes Ribeiro, o seu prefeito companheiro de sempre”. 

BANDIDOS ATACAM POLICIAIS DA DPA DE ILHÉUS

Bandidos usaram armas de grosso calibre contra os agentes da DPA de Ilhéus. Imagem ilustrativa.
Bandidos usaram armas de grosso calibre contra os agentes da DPA de Ilhéus. Imagem ilustrativa.

Ontem (sexta-feira 7), por volta das 20h30min, na rodovia Ituberá-Valença, uma viatura da Delegacia de Proteção Ambiental de Ilhéus encontrou uma caminhonete Triton capotada. Ao redor do carro, cerca de dez homens armados (com fuzis) tentavam socorrer os acidentados e dispararam contra os policiais, depois fugiram em outros dois veículos.

O motorista da caminhonete capotada usava uma máscara e estava morto. Outro ocupante do mesmo veículo continuou preso às ferragens, quando os policiais chegaram.

Uma equipe da CAERC apoiou os policiais civis, que não foram feridos, mas, a viatura que usavam foi perfurada por vários tiros.

O grupo que atacou os policiais havia roubado um veículo. Acredita-se que os bandidos iriam assaltar um banco da região.

Fontes: Garcif Itabuna; DPC André Aragão; IPC Silvestre; Grupo PM/PC BR.