CÂMARA FEDERAL INVESTIGA ASSASSINATO DE JORNALISTA

Quatro bandidos assassinaram o jornalista Gel Lopes, na porta da sua casa, em Teixeira de Freitas.
Quatro bandidos assassinaram o jornalista Gel Lopes, na porta da sua casa, em Teixeira de Freitas.

Por meio da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, a Câmara dos Deputados aprovou diligência para investigar o assassinato do jornalista e ex-vereador Geolino Lopes Xavier, ocorrido no último dia 27 de fevereiro, em Teixeira de Freitas. A vítima foi executada a tiros, na porta da sua casa, quando estacionava o carro.

Uma testemunha anotou a placa do carro usado pelos quatro assassinos. O jornalista era mais conhecido como Geo Lopes e tinha 44 anos.

O deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) foi o autor do pedido que abriu a investigação na Câmara. Ele lembrou que, no Brasil, esse foi o quarto caso de assassinato de jornalista apenas em 2014. O parlamentar destacou a importância de desvendar o crime para não deixá-lo impune, algo que só incentivaria os que tentam “calar a voz” dos profissionais de comunicação. 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *