RELATÓRIO ALERTA GOVERNOS SOBRE CATÁSTROFE CLIMÁTICA

"O mundo é teu, é teu umbigo; chapado e aquecido". Imagem: Bello.
“O mundo é teu, é teu umbigo… chapado e aquecido” . Imagem: Bello.

No último dia 13, durante o Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) da ONU, o relatório Mitigação da Mudança Climática foi apresentado.

Conforme o relatório, entre 1970 e 2000, a média do crescimento das emissões de gases do efeito estufa era de 1,3% ao ano. Na década passada, esse número chegou a 2,2%.

Nesse ritmo, se nada for feito, até 2040, a temperatura média do planeta subirá 2 graus célsius. Até 2100, o aumento médio pode chegar a 4,8 graus.

Para evitar uma catástrofe climática de dimensões globais, o relatório sugere investimentos na casa dos U$ 147 bilhões em energias renováveis, enquanto os recursos destinados a combustíveis fósseis seriam reduzidos em U$ 30 bilhões.

O relatório convoca os governos a reassumirem o destino político do mundo, em detrimento da supremacia das corporações empresariais. Em 2013, uma análise da revista Climatic Change revelou que, entre 1854 e 2010, 63% das emissões de gases-estufa partiram de 90 empresas (30% foram causados pelas 20 maiores).

As empresas que mais emitiram gases-estufa são Chevron, British Petroleum, Saudi Aramco, Exxon e Gazprom. 

Com informações de CartaCapital. 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *