ELES SE ODEIAM

Isaac Albagli e Jailson Nascimento.
Isaac Albagli e Jailson Nascimento. Adversários dentro do governo.

Não seria nada pacífico um encontro entre Isaac Albagli e Jailson Nascimento numa ilha deserta. Peixes e cocos seriam deixados de lado. O alimento preferido seria carne humana, levando-se em conta o ódio que um nutre pelo outro. Apesar de ocuparem secretarias no governo Jabes Ribeiro, a dupla nada possui em comum.

Em maio de 2013, um irmão de Jailson Nascimento, dono de caçambas, ameaçou dar uma surra em Isaac. Xingamentos dos mais pesados foram ouvidos na Avenida Bahia (relembre aqui).

Após a confusão, Albagli minou Jailson, mutilou tentáculos do oponente. Nos bastidores do governo, ambientes onde o “jabista principal” costuma ser impiedoso com os desafetos, Jailson foi totalmente anulado.

O Sinditaxi, braço político tradicional de Jailson, deixou de fazer a vistoria anual dos táxis. Com a mudança, a entidade deixou de arrecadar cerca de R$ 100 mil por ano. Os veículos passaram a ser vistoriados pela robusta secretaria de Isaac (serviços públicos, transportes, trânsito e obras. Ufa!)

Uma casa de certa pessoa ligadíssima ao ex-vereador, sempre utilizada por governos anteriores, não foi alugada. A proprietária não dispõe de um simples e prescindível papel.

A empresa de ônibus ligada ao mesmo foi esquecida. Sequer um contrato emergencial foi oferecido.

Jailson está furioso. Fora do Paranaguá não economiza adjetivos pejorativos ao governo. Está prestes a romper e promete fazer barulho por meio da Rádio Bahiana, emissora que controla junto com o sindicalista Bebeto Galvão.

Provavelmente, o rompimento ocorrerá após as eleições de outubro.

UM POEMA PARA DANIEL ALVES

Daniel Alves.
Daniel Alves.

No domingo (27), durante o jogo entre Vilarreal e Barcelona, o lateral direito do time catalão, Daniel Alves, foi provocado pela torcida adversária. Jogaram uma banana no campo: um gesto típico de racismo.

Daniel estava prestes a cobrar um escanteio. Ao ver a banana, ele a pegou, descascou e comeu. Depois participou de 2 dos 3 gols que deram a vitória ao Barcelona. 

O poeta Sebah Villas-Bôas homenageou Daniel Alves. Leia.

O POTÁSSIO VENCEU O RACISMO

Por Sebáh Villas-Bôas (o hidra colere)

O potássio venceu o racismo

quando o mestiço comeu banana no campo

durante a cobrança do escanteio

demasiadamente humano feito um macaco

faminto de vitórias

contra os bacilos do meio que o circunda

e devora; as ofensas figurativas

e as palavras que evocam animalidades

com a elegância da naturalização

das técnicas de um corpo

que dribla nos pés as virtuoses da mão

(mais…)

BANDIDOS MATAM DOIS ÍNDIOS EM DISTRITO DE ILHÉUS

arma preto e brancoSegundo o site O Defensor, nesta segunda-feira (28), bandidos mataram o ex-vereador de Pau Brasil, Antônio Raimundo dos Santos (69 anos), e o seu filho, Elan Santos, de 27 anos. Os dois eram índios.

O crime ocorreu na Vila Santaninha, distrito de Ilhéus próximo a Buerarema. A região é assolada por conflitos entre empresas, produtores rurais e tupinambás. Ainda não foi confirmado se os assassinatos têm relação com o conflito. 

De acordo com o site, moradores da região ouviram mais de 15 disparos de arma de fogo na hora do crime. As vítimas foram alvejadas enquanto cavalgavam em uma estrada vicinal.

COLO-COLO GOLEIA E LIDERA A SEGUNDONA

O Colo-Colo já mostrou que tem boas chances de voltar à elite do futebol baiano.    Foto: Toque Esportivo.
O Colo-Colo já mostrou que tem boas chances de voltar à elite do futebol baiano. Foto: Toque Esportivo.

No domingo (27), o Colo-Colo goleou o Leônico por 6 a 0, no Estádio Mario Pessoa, em Ilhéus. Com a vitória, o Tigrão chegou a 14 pontos e lidera a Segundona do Campeonato Baiano. O Flamengo de Guanambi  tem a mesma pontuação, mas, perde para o time ilheense no saldo de gols e tem um jogo a mais. 

A campanha do Colo-Colo é muito boa: são quatro vitórias e dois empates, com dez gols marcados e nenhum sofrido. 

Na quinta-feira (1º de maio), fora de casa, o time ilheense enfrentará o Ipitanga, lanterna do campeonato, no Estádio Gerino de Souza Filho.

O próximo jogo do Tigrão no Mário Pessoa será na 8ª rodada, contra o Itabuna, no domingo (4). 

O OPORTUNISMO DA “MADAME SUSTENTABILIDADE”

Imagem ilustrativa.
Imagem ilustrativa.

Conhecidíssima ativista social tem se notabilizado por fiscalizar apenas o poder legislativo.

Tudo bem! Realmente a câmara de vereadores merece atenção especial, uma vez que moralmente anda em frangalhos. Contudo, o executivo não fica atrás. Denúncias e derrotas na justiça se acumulam, mas, o olhar atento da “madame sustentabilidade” prefere ignorar.

Nos bastidores da política, perguntas exigem respostas: “Por que ela não fiscaliza o prefeito? Já que ela gosta de investigar a conduta dos vereadores, por que não denuncia a relação fisiológica e imoral de alguns edis com os poderosos do palácio?”.

Fontes palacianas nos explicaram: “A ativista não dá ponto sem nó. O supersecretário empregou um ente querido dela, numa empresa que presta serviços à prefeitura. O ‘filisteu’ amarrou a língua venenosa da “sabichona”.

Alguns profissionais de imprensa e blogueiros confirmaram. Todos deram as mesmas justificativas. Disseram que o ente querido da “madame sustentabilidade” é “gente boa”, não merece ser exposto e não lhe cabe pagar pelo oportunismo “político” da protetora. Por isso não divulgaram.

Este blog concorda, e por esse motivo, prefere não citar nomes.

SEGUNDO WAGNER, INVESTIGAÇÃO ATRASOU OBRAS DA NOVA PONTE

Governador Jaques Wagner. Foto: Blog do Gusmão/Thiago Dias.
Governador Jaques Wagner. Fotos: Blog do Gusmão/Thiago Dias.

Nesta segunda-feira (25), em Ilhéus, o governador Jaques Wagner autorizou o início de obras de pavimentação na cidade. No Palácio Paranaguá, ele falou sobre os empreendimentos planejados para a região.

Segundo o governador, uma requisição do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) atrasou as obras da nova ponte em quatro meses. O IPHAN exigiu que a área marinha onde a construção será erguida fosse investigada por um mergulhador-arqueólogo, para averiguar se havia algum elemento de relevância histórica no local. Nada foi encontrado.

Wagner lembrou do novo aeroporto de Ilhéus, que será construído às margens da rodovia Ilhéus-Itabuna. O solo do primeiro terreno escolhido para o empreendimento apresentou problemas que aumentariam seu custo em R$ 12 milhões. Uma segunda área na mesma estrada já foi providenciada para a obra.

O governador declarou que Ilhéus receberá um colégio universitário da Universidade Federal do Sul da Bahia. Outras 26 cidades serão beneficiadas, além das três sedes centrais (Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro) da UFSB. 

Rui Costa - secretário da Casa Civil do Estado.
Rui Costa, ex-secretário da Casa Civil do Estado.

Também na margem da Ilhéus-Itabuna, o governo vai erguer o Hospital Regional da Costa do Cacau. O ex-secretário da Casa Civil do Estado, Rui Costa, lembrou que a nova unidade médica aliviará a sobrecarga de pacientes do Hospital Geral Luiz Vianna Filho.

Rui Costa também falou sobre o Complexo Intermodal Porto Sul. De acordo com o ex-secretário, o governo espera que o IBAMA emita a licença de instalação do empreendimento até a metade desse ano. 

QUER UM TRABALHO? SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE VAGAS NESSA TERÇA-FEIRA

Confira abaixo as vagas disponíveis nessa terça-feira (29), na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Empregado Doméstico nos Serviços Gerais

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 1 vaga

Cozinheiro

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 3 vagas

Vendedor Interno

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 2 vagas

(mais…)

POR CAUSA DE JABES, WAGNER TOMA VAIA EM FRENTE À PREFEITURA

Jabes Ribeiro e Jaques Wagner. Foto: Blog do Gusmão/Thiago Dias.
Jabes Ribeiro e Jaques Wagner. Foto: Blog do Gusmão/Thiago Dias.

Nesta segunda-feira (28), o governador Jaques Wagner esteve em Ilhéus. No Palácio Paranaguá, sede da prefeitura, ele assinou a ordem de serviço para obras de pavimentação na cidade. O governo da Bahia vai investir R$ 3 milhões no empreendimento, que beneficiará as principais vias ilheenses. 

O governador deixou o palácio acompanhado pelo prefeito Jabes Ribeiro. Na saída, em frente à prefeitura, manifestantes dispararam vaias contra JR; Wagner estava perto demais e também ouviu gritos de protesto.