ITABUNA: INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O EMPRETEC

Seminário
O seminário começará no próximo dia 22.

Já estão abertas as inscrições para o Seminário Empretec, que acontecerá entre os dias 22 e 27 de julho, em Itabuna. A capacitação busca apontar o caminho para o sucesso nos negócios, a partir da identificação das qualidades essenciais do bom empreendedor. Os interessados em participar devem solicitar o formulário pelo e-mail [email protected].

Para participar, os candidatos passarão por uma entrevista no período de 14 a 17 de julho, no Sebrae Itabuna. “Nessa entrevista, analisa-se se é o melhor momento para o empreendedor entrar no Empretec, pois só é possível participar do programa uma vez”, afirma a técnica do Sebrae Ilhéus, Andréa Muniz. O investimento é de R$ 550.

Durante seis dias, com carga de 10 horas diárias, os participantes são envolvidos em atividades motivacionais e comportamentais, sempre aliando conhecimento e prática. Um detalhe importante é que os três facilitadores que conduzem a capacitação também são empresários, com histórias de superação e sucesso.

Segundo Andréa, estes empresários que atuam como facilitadores “têm conhecimento, vivência e uma trajetória que também inclui fracassos e retomadas”. As experiências se encaixam na metodologia do treinamento, que trabalha 10 características fundamentais do comportamento empreendedor. Entre os traços que definem esse perfil estão persistência, comprometimento e autoconfiança.

O Empretec está em sua 14ª edição na Unidade Regional do Sebrae Ilhéus. De acordo com pesquisa do Sebrae Nacional, 92% dos participantes do programa ficaram satisfeitos ou muito satisfeitos com o treinamento e 100% o indicaram para amigos, parentes e funcionários.

Mais informações podem ser obtidas no Sebrae Itabuna, pelo telefone (73) 3613-9734.

UFSB DIVULGA RESULTADO DE CONCURSO

Acesse o resultado no link abaixo.
Acesse o resultado no link abaixo.

A Universidade Federal do Sul da Bahia divulgou o resultado de seu concurso público, na tarde dessa segunda-feira, 30. O certame ofereceu vagas para cargos de níveis médio e superior, em Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro.

O resultado do concurso está disponível no site de concursos da UFBA – acesse aqui.

MICHELLE DOCIO DIZ QUE FICARIA COM NEYMAR

Michelle Docio.
Michelle Docio.

A modelo e pianista ilheense Michelle Docio foi o destaque do último programa da “TV Copa” (UOL). Ela tatuou a expressão “ousadia e alegria”  no cóccix, em homenagem a Neymar. O craque é amigo do cantor e compositor Thiaguinho e costuma afirmar que esse trecho da música é o lema da sua vida. 

Michelle pediu desculpas a Bruna Marquezine, namorada do jogador, antes de afirmar que “ficaria” com o ídolo. A atriz global que se cuide.  

ILHÉUS: SINEBAHIA OFERECE 30 VAGAS DE EMPREGO

Confira  abaixo as vagas nessa terça-feira (1º), na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Salgadeiro

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 1 vaga

Cabeleireiro

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 1 vaga

Vendedor de Serviços

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 5 vagas

(mais…)

ITABUNA: CONFIRA AS NOVAS VAGAS DO SINEBAHIA

Confira abaixo as vagas do SineBahia Itabuna atualizadas nessa segunda-feira (30).

A agência do Sinebahia está localizada na Rua Jorge Amado, S/N, Bairro Lomanto Junior, sede da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito – SETTRAN (ponto de referência: antigo aeroporto da cidade).

Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade. O horário de funcionamento é das 7h às 15h30m. As senhas são distribuídas a partir das 6h.

Atendente de lojas (vaga aberta até o dia 17/07/2014)

Ensino médio completo

Experiência profissional exigida 6 meses / não precisa de comprovação na CTPS

Sexo Feminino

Faixa etária: indiferente

01 Vaga Exclusiva para deficientes         

Boa fluência verbal e escrita

(mais…)

BAHIA TEM MAIS DE 25 MIL FAMÍLIAS SEM-TERRA

Lula conversou com integrantes do MST na convenção.
Lula conversou com integrantes do MST na convenção.

O  Movimento dos Trabalhadores Sem Terra participou da convenção estadual do PT, na última sexta-feira, 27, em Salvador. Quase dois mil integrantes do MST manifestaram apoio ao deputado federal Rui Costa, ex-secretário da Casa Civil do Estado da Bahia e candidato a governador.

Conforme Márcio Matos, membro da direção executiva nacional do MST, os sem terras acreditam em uma vitória de Rui no primeiro turno. “Ainda temos muito que avançar, principalmente em se tratando de reforma agrária e estruturação de assentamentos. Atualmente temos mais de 25 mil famílias sem terras no estado. O ex-presidente Lula fez uma série de ações que beneficiou os pequenos agricultores e assentados, como a remissão de dívidas e doação de maquinários. Agora precisamos continuar esse projeto”, afirmou. 

Segundo o IBGE, o Brasil tem 4,8 milhões de famílias sem-terra. De acordo com o relatório sobre os crimes do latifúndio, cerca de 1% dos proprietários rurais detêm em torno de 46% das terras cadastradas em todo o país – confira aqui

“VERGONHA NA CEPLUS”, LAMENTA LEITOR

A lama e os buracos da vergonha.
A lama e os buracos da vergonha.

Nessa segunda-feira, 30, um leitor do Blog do Gusmão pediu ajuda para divulgar o estado vergonhoso da entrada da Ceplus, na zona sul de Ilhéus. A rua está cheia de lama e buracos. “Os carros estão passando por cima da calçada, pois caso contrário rasgam os pneus”, explica o morador.

Além da Ceplus, a rua interliga a rodovia Ilhéus-Olivença (BA-001) aos bairros Nossa Senhora da Vitória e Ilhéus II. 

JABES FAZ “TERRORISMO”, DIZ LÚ DO SINSEP

Luis Machado - Presidente do Sinsep.
Luis Machado – Presidente do Sinsep.

Luis Machado (Lú do SINSEP), presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Ilhéus, afirmou que o prefeito Jabes Ribeiro pretende aterrorizar os servidores com ameaças de demissão. “É só terrorismo”, disse Lú ao radialista Luke Rei, no programa “A Hora da Verdade” (Rádio Bahiana) dessa segunda-feira, 30.

Conforme o líder sindical, com as ameaças Jabes quer inibir as reivindicações salariais dos trabalhadores, no entanto, para demitir servidores efetivados entre 1983 e 1988, o prefeito precisaria justificar e antecipar essas demissões com o afastamento de funcionários que ocupam cargos comissionados. 

Segundo Lú, Jabes Ribeiro não respeita os servidores e conservou métodos políticos dos seus primeiros mandatos como prefeito de Ilhéus. “Ele faz como fazia há 20 anos”, disse o presidente do SINSEP.

Luis Machado lembrou que o prefeito não reajustou os salários dos servidores em 2013 e ainda não iniciou a negociação da campanha salarial de 2014. Se jabes não iniciar o diálogo com o sindicato nos próximos dez dias, os trabalhadores entrarão em greve, alertou Lú.

O EMIRADO DE ILHÉUS

jamalPor Mohammad Jamal

Ilhéus, como alguns raros emirados, está ficando a cada dia mais caro para se viver, aliás, caríssimo, coisa pra milionário! Por isso estou pensando seriamente em me mudar para arábica e ensolarada Dubai, ou para a luxury ski de Aspen ou aqui pra mais perto, para a popular Bariloche.

Calma, gente. Eu já estou chegando lá. Digo lá nas ressalvas; no excetuar, as justas e necessárias excludências que por dever de justiça, me cabem em sendo imparcial, descrevê-las às claras sem economizar minudências e reparações imprescindíveis. Não estou entre aqueles que saem de Ilhéus para ir às compras em Itabuna; jamais! Tampouco fico garimpando preços e “vantagens” na Internet para comprar aquilo que necessito para uso pessoal ou para minha casa. Procuro; encontro; negocio o preço e compro tudo aqui em Ilhéus e, diga-se, onde sou muito bem recebido e tratado com atenção e cordialidade em todos os estabelecimentos comerciais aonde vou. Não é o comércio de Ilhéus que é caro; não são os nossos corajosos lojistas que são careiros ou farisaicos. Ilhéus tem bons estabelecimentos comerciais. Fregueses ou não, somos todos recebidos com o calor humano de velhos amigos, isso é ótimo!

Impostos e taxas municipais elevadas, pra nada; a quase totalidade de passeios e ruas sujas e esburacadas beirando o intransitável. Esses são os responsáveis pelos escorchantes valores cobrados nos alugueres comerciais e residências, para quem tenta mudar seu estabelecimento comercial ou moradia para um logradouro menos ruim, escolhendo entre as poucas ruas restantes, sem esgotos abertos e razoavelmente transitáveis. Com isso, o minúsculo centro da cidade passa a ser ponto de convergência para aqueles que podem adquirir um imóvel ou pagar por aluguel caro para usufruir de mínimos serviços públicos. Já se constata um elevadíssimo percentual de concentração de habitante por metro quadrado nesse oásis teimosamente remanescentes do caos urbano em que a cidade foi relegada. Os moradores de ruas, que não são tolos, eles também migraram às dezenas para cá!

Se você é proprietário de um automóvel nacional ou pior, importado, aí fica muito mais caro viver aqui. Dadas às péssimas condições de tráfego em que se em encontram as ruas da cidade, um carro médio além de gastar muito combustível, vai consumir alguma coisa em torno de seiscentos a mil reais com pneus rasgados; com oficina e peças de reposição, como amortecedores; suspensão, descarga e carter perfurados nos buracos e crateras, lixo e outros obstáculos etc.

Mesmo com todos os semáforos quebrados; ainda assim restam-nos os onipresentes “pardais” funcionando excelentemente bem para pendurarem em nosso orçamento veicular as multas por um-não-sei-o-quê de infrações. Nessa voracidade, quem sabe em breve nossos carros passem a ser multados ate quando estacionados em nossas garagens! Lembram a ideogenia literária fictícia tecnológica de George Orwell e seu magistral big brother “1984”? Pois é… Tá aí a realidade!

(mais…)

CAR APOIA O PROJETO “PONTAL CRIATIVO”

Pontal criativo 2Na última segunda, 23, conforme o ativista social e ex-vice-prefeito de Ilhéus, José Henrique Abobreira, o projeto Pontal Criativo recebeu uma ótima notícia. José Vivaldo Mendonça, diretor da Companhia de Ações Regionais (CAR) do Governo do Estado da Bahia, informou a José Rezende Mendonça, coordenador da Feira Criativa do Pontal, que a CAR já adquiriu as 30 barracas de exposição e venda de artesanatos e produtos alimentícios. 

A coordenação da feira solicitou o material por meio de um projeto enviado à CAR. Vivaldo avisou que o equipamento será entregue em poucos dias. 

José Henrique Abobreira e José Rezende Mendonça agradeceram o apoio da Companhia de Ações Regionais. “Esse é mais um passo importante para a consolidação do projeto Pontal Criativo, paralelo ao início da reforma da Praça São João Batista”, ressaltou Abobreira. “Os novos equipamentos proporcionarão a tranquilidade e a sustentabilidade desejadas pelos expositores para a realização periódica da feirinha”, concluiu José Rezende.

EDITUS “PRESENTEIA ILHÉUS” COM LIVROS GRATUITOS

Acesse o site da editora no link abaixo.
Acesse o site da editora no link abaixo.

A Editus comemora o aniversário de 480 anos da fundação de Ilhéus destacando seu acervo de publicações que resgatam a memória, o imaginário e o dia-a-dia da cidade.

Acesse o site da Editora.

Os livros, assinados por docentes e escritores da região, revelam seus principais fatos históricos, a constituição de seus espaços, a riqueza de suas manifestações culturais e religiosas e propostas para um futuro promissor.

No livro “Crônica da Capitania de São Jorge dos Ilhéus”, de João da Silva Campos, o leitor é envolvido pelos principais acontecimentos que movimentaram o município nos anos de 1936 e 1937. O resgate histórico do período de formação da Capitania está presente nos títulos “Memória sobre o município de Ilhéus”, de Francisco Borges de Barros, e na publicação “Farinha, madeira e cabotagem: a Capitania de Ilhéus no antigo sistema colonial”, do autor Marcelo Henrique Dias.

Em “Carnaval de Ilhéus: identidade, turismo e sustentabilidade”, de Aline Santos de Brito Nascimento e em “100 anos da Diocese de Ilhéus”,organizado pela historiadora e professora Janete Ruiz, é possível conhecer um pouco mais das manifestações culturais e religiosas do município.

“O quibe no tabuleiro da baiana”, da professora Maria Luiza Silva Santos, e o “Elo Perdido”, de Maria Schaun, trazem como destaque a influência de outros povos na formação da sociedade ilheense. No Editus Digital, o leitor também pode baixar os livros “Família, poder e mito: o município de São Jorge de Ilhéus (1880-1912)”, de André Luis Rosa Ribeiro, “Viagem ao Engenho de Santana”, de Teresinha Marcis e “Um lugar na História: a capitania e comarca de Ilhéus antes do cacau”, de Marcelo Dias e Ângelo Alves Carrara, entre outros.

Estes e outros títulos podem ser adquiridos na Livraria da Editus, localizada no Centro de Artes e Cultura Paulo Souto. Na internet, as obras estão disponíveis para venda no site da Livraria Cultura. Pedidos podem ser feitos pelo e-mail [email protected] ou telefone 73 3680-5276/5240. 

ORGULHO DE SER FILHO DE ILHÉUS

BebetoPerfilPor Bebeto Galvão

Pouquíssimas cidades na Bahia e no Brasil dispõem de qualidades tão plurais e marcantes quanto a nossa amada Ilhéus, terra de muitos títulos, de muita tradição, muita história. Terra conhecida nos cantos e recantos do planeta por dar vida aos imortais personagens de Jorge Amado. Uma terra abençoada pela natureza, de uma geografia privilegiada, de turismo acalorado, que respira cultura e transpira encantos.

Mas, nesse aniversário de 480 anos que a cidade completa, podemos afirmar com toda certeza que o maior patrimônio do município é o orgulho do ilheense, que bate no peito para dizer: sou filho de Ilhéus, a Terra da Gabriela, a Princesinha do Sul, a Capital do Cacau. Um povo que vibra com a sensação de ter nascido nesse lugar. Um povo que, mesmo diante de tantos problemas públicos, mesmo com tanto abandono, jamais deixou morrer a tradição de uma terra que é fonte de inspiração para a Bahia e para o Brasil. E eu, filho de Ilhéus, onde me criei, onde criei meus filhos, onde aprendi a trabalhar, onde me preparei como profissional e me tornei político, tenho esse orgulho vivo e irradiante batendo no peito. Quem é ilheense sabe do que estou falando, pois também sente o couro cabeludo arrepiar quando vê nossa cidade sendo homenageada.

Agora abro um parêntese para relatar alguns depoimentos de pessoas de outras cidades a respeito de Ilhéus. Muitos dizem: Ilhéus já foi bonita; Quem foi Ilhéus um dia?; e outras coisas do tipo. Eu discordo. Acho que Ilhéus continua linda como sempre. Mas sei que Ilhéus precisa ser apropriada por seu povo. Falta gestão, falta capacidade política para governá-la ou para representá-la? Faltam projetos mais robustos para cuidar do produtor rural, do lavrador, do comerciante, do turismo, enfim, das pessoas de Ilhéus? Falta sim, falta tudo isso. Ilhéus precisa de voz. Mas precisa também que nós ilheenses tomemos as rédeas da situação e aí, sim, poderemos voltar a entoar com mais segurança os dizeres de Gabriela Cravo e Canela, que falava: “eu nasci assim, eu cresci assim, eu sou mesmo assim, vou ser sempre assim…”.

Vamos agora usar nosso orgulho, o sentimento de defesa por nossa terra a favor do município e não apenas para alimentar a saudade de tempos bons que já tivemos outrora.

Bebeto é filho de Ilhéus, líder sindical e ex-vereador da cidade.

DILMA E LULA PARTICIPAM DA CONVENÇÃO ESTADUAL DO PT

Foto: Vaner Casaes.
Foto: Vaner Casaes.

Mais de 10 mil pessoas participaram da convenção estadual do PT e partidos da base aliada, nessa sexta-feira, 27, no Parque de Exposições Agropecuárias de Salvador. A presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva manifestaram apoio às candidaturas de Rui Costa (PT) a governador, de João Leão (PP) a vice e de Otto Alencar (PSD) a senador.

Lula afirmou que é preciso comparar os governos do PT com os dos seus antecessores, na Bahia e em todo o país, “porque não temos o direito de permitir que haja retrocessos, nós nos acostumamos a comer contrafilé e agora queremos passar a comer filé. Nós deixamos de viajar de pau-de-arara e precisamos nos acostumar a viajar de avião”, disse o ex-presidente.

Conforme a presidente Dilma, os adversários do PT estão apelando “para o ódio e para os xingamentos, numa política desqualificada”. Ela prevê que isso continuará, “porque quem não tem argumentos, apela para as mentiras e para os xingamentos”, refletiu. “Eles disseram que não ia ter Copa, que os estádios não ficariam prontos, que o povo não conseguiria chegar aos estádios e que os aeroportos iriam se transformar num caos. E nada disso aconteceu, nada disso está acontecendo. Eles subestimaram até o povo brasileiro”, concluiu.

Emocionado, Rui Costa lembrou as realizações do atual governo, como o programa Água para Todos, “que deu acesso à água potável, de boa qualidade, a 4 milhões de baianos”, além de cinco novas universidades federais na Bahia, a construção e recuperação de 8 mil quilômetros de estradas e a entrega de 180 mil residências próprias, até dezembro, pelo programa Minha Casa Minha Vida. Também deu um exemplar do seu Programa de Governo Participativo para Dilma e a informou que o projeto foi elaborado com as contribuições de mais de 50 mil pessoas de todas as regiões baianas.

REPARO NA ILUMINAÇÃO PÚBLICA GERA ENGARRAFAMENTO “MONSTRO” EM ILHÉUS

Imagem ilustrativa. Foto:  Jorge Zugaib/Ilhéus24h.
Imagem ilustrativa. Foto: Jorge Zugaib/Ilhéus24h.

Um reparo (realizado pela Prefeitura de Ilhéus) no sistema de iluminação pública gerou um congestionamento “monstro”, entre o final da tarde e o início da noite dessa sexta-feira, 27. O trânsito parou em diversos pontos da cidade, como Avenida Princesa Isabel, Praça Cairu, Rua da Linha, Avenida Itabuna, “Plano Inclinado” e Ponte Lomanto Júnior.

Por telefone, perguntamos ao secretário de Desenvolvimento Urbano, Isaac Albagli, sobre a origem do transtorno. Ele explicou que o serviço foi iniciado às 14 horas, mas, um problema na sua execução exigiu que a equipe permanecesse mais tempo que o esperado no local, na “Rua das Oficinas, via que dá acesso à Ponte Lomanto Júnior.

Também questionamos se o serviço não poderia ter sido iniciado às 21 horas, quando o tráfego de veículos é menos intenso. “Não, porque é escuro”, respondeu o secretário.

Insistimos: “e se alguém passar mal e ficar preso no congestionamento?”. Isaac argumentou que os agentes de trânsito são treinados para facilitar a movimentação dos carros em que pessoas estão nessa condição.

Apuramos que os agentes de trânsito só chegaram ao local quase duas horas depois do auge do congestionamento. Por fim, indagamos ao secretário se houve um erro de programação. Isaac reafirmou que um problema na execução do serviço atrasou a sua conclusão e completou: “Para se fazer um omelete, alguns ovos precisam ser quebrados”.

Comentário do Blog.

Houve um erro na programação da prefeitura. As festas de comemoração em homenagem aos 480 anos de Ilhéus começaram nessa noite (o aniversário é amanhã). Além disso, o calendário reservou alguns feriados recentes – o serviço poderia ter sido agendado para uma dessas datas, não para a tarde de sexta-feira. 

PEQUENO COMÍCIO – A FAVOR E CONTRA EDUARDO “PENINHA” BUENO

Eduardo Bueno.
Eduardo Bueno.

Por Geneton Moraes Neto / Publicado no Facebook do autor.

O locutor-que-vos-fala sobe no banquinho por trinta segundos, para dar um pitaco no grande comício das chamadas “redes sociais” – em que todos falam e alguns ouvem.

Tenho visto o programa Extraordinários ( Sportv, horário variável, em torno das 21:30 ). Em três palavras: bola na rede!

Eduardo Bueno – “Peninha, para os íntimos”, como ele diz – foi simbolicamente “apedrejado” no Twittter e no Facebook por ter chamado o Nordeste de “bosta” no programa. A patrulha politicamente correta entrou em ação. Sinal dos tempos: vai chegar o dia em que ninguém poderá fazer uma brincadeira, ninguém poderá ser irônico, ninguém poderá fazer o papel de provocador.

Considero-me cem por cento insuspeito para “defender” Eduardo Bueno, já que sou nordestino até a medula – na certidão de nascimento, na formação e por escolha. Além de tudo, ele não precisa de defesa.

De qualquer maneira: Eduardo “Peninha” Bueno é uma figura – no bom sentido da palavra. Conheci, faz alguns anos, numa redação: hiperbólico, enciclopédico, “televisivo”. Chamá-lo de “preconceituoso” é “trocar os pés pelas mãos”, é “misturar alhos com bugalhos”: não há lugar-comum que chegue para descrever o tamanho do equívoco. Fica, aqui, consignada minha solidariedade pernambucana.

Um senão: Eduardo Bueno vocifera contra as redes sociais. Disse que o fundador do Facebook é “um babaca”. Pode ser. Mas vociferar contra as “redes sociais” é um equívoco monumental! Há lixo nas redes? Há, claro, em quantidades industriais. Mas as estradas que elas abrem para a troca de informações e de conhecimento são estupendas! Nunca existiu algo assim.

O fato de alguém – “babaca” ou não – ter criado uma “rede social” capaz de manter conectada uma grande parte da população do planeta é extraordinário. É algo inédito na história. Não é exagero: trata-se de um fenômeno de dimensões planetárias.

Hoje, como se sabe, qualquer um pode “produzir conteúdo” nas redes sociais. O locutor-que-vos-fala declara solenemente o seguinte: a explosão de informações produzida pelas “redes sociais” é mais saudável do que a cena anterior: um bando de maníacos ( e aí me incluo ) trancados nas redações do planeta pontificando sobre o que é que o público deveria ler, ver e ouvir. Deus do céu…A cena ficou ligeiramente ridícula. Um terremoto de dimensões bíblicas abalou este cenário – ainda bem! Os jornalistas deixaram de ser os únicos intermediários entre a informação, a opinião e o distinto público. Que seja assim – para sempre.

Reconheço que há um dado relativamente “assustador”: pouca gente se lembra de que o Facebook, por exemplo, é uma empresa privada multibilionária. Amanhã, se os donos desta joça amanhecerem de mau humor, podem fechar o barraco. Podem, sim. Em última instância, este oceano de textos e imagens pode ir para o lixo ou ter destino incerto e não sabido. Mas….e daí? Em uma semana, outra “rede social” arrebanhará milhões de seguidores.

Discordo da posição de “velhos jornalistas” que se recusam a escrever no Facebook, porque acham que, assim, estariam trabalhando de graça para um patrão invisível. É uma atitude olimpicamente pretensiosa e vaidosa. Não me julgo tão importante a ponto de querer receber dinheiro do Facebook para escrever minhas bobagens. Estão equivocados, também, os que desqualificam as “redes sociais” por achá-las um antro de debilóides, frustrados, covardes. É uma visão tristemente conservadora e equivocadamente apocalíptica.

Por que Eduardo Bueno ( ou qualquer outro ) não poderia ter uma bela página no Facebook, para dar opiniões, veicular informações, falar dos seus livros etc.etc.? Qual seria o problema? É lamentável que o próprio Eduardo Bueno seja o primeiro a excluir Eduardo Bueno dessa balbúrdia virtual.

Não sou praticante fanático da Igreja Universal do Facebook nem passo o dia acendendo vela para Nossa Senhora do Twitter. Frequento as duas redes moderadamente – mas já recolhi coisas úteis nas duas, já encontrei informações que procurava, já descobri textos e imagens fantásticos.

Termina aqui o comício duplo: a favor de Eduardo Peninha Bueno no caso da “polêmica” sobre nordestinos e contra Eduardo Peninha Bueno no caso da repulsa às redes sociais.

Recolho meu banquinho, apago a luz do circo mambembe onde costumo me apresentar, digo boa noite ao único espectador do comício – que, a essa altura, já dormia profundamente – e vou me embora. É hora de começar a concentração para o próximo jogo do Brasil na Copa.