PREFEITURA DE ILHÉUS REBATE “LÚ DO SINSEPI”

Imagem: Guardas Municipais Notícias.
Desfile de 7 de Setembro em Ilhéus. Imagem: Guardas Municipais Notícias.

Este blog reproduziu acusação feita pelo Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Ilhéus, Luis Cláudio Machado, contra a Prefeitura de Ilhéus. Segundo ele, em 2013, a administração municipal gastou R$ 50 mil para montar o palanque do Desfile de 7 de Setembro – veja aqui. “Lú do Sinsepi” afirmou isso em entrevista ao jornal Diário de Ilhéus. Conforme nota de esclarecimento divulgada hoje (3) pelo governo, além da montagem do palco, esse valor cobriu outras despesas do evento.

Leia a nota da Prefeitura de Ilhéus. 

“À Editoria do Blog do Gusmão

Ilhéus – Bahia

Prezado Editor.

Em virtude de nota veiculada neste Blog do Gusmão, no último dia 28, intitulada “Governo de Jabes gastou R$ 50 mil por uma diária de palanque”, cuja afirmação é atribuída ao presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Ilhéus, Luis Cláudio Machado, o Governo do Município vem prestar esclarecimentos para que se restabeleça a verdade dos fatos.

Nesse sentido, vimos informar que o valor do contrato não inclui apenas a montagem e uso do palanque, mas refere-se  a contratação de empresa especializada para prestação de serviços de execução do desfile cívico-militar de Independência do Brasil – Sete de Setembro 2014, realizado na Avenida Soares Lopes, oportunidade em que milhares de cidadãos e cidadãs vãos às ruas prestigiar a Festa da Independência.

Assim, o Governo Municipal, através das Secretarias de Turismo e de Educação, sob a coordenação da Chefia de Gabinete, providenciou, mediante processo de licitação, a contratação da empresa TMAIS – Serviços, Locuções e Eventos, para a prestação dos seguintes serviços:

(mais…)

O DEM MORREU! ACM NETO VAI ENTERRAR O DEFUNTO

ACM Neto e os irmãos Lúcio e Geddel Vieira Lima.
ACM Neto e os irmãos Lúcio e Geddel Vieira Lima.

Por José Henrique Abobreira

Existe uma crise profunda no sistema de representação política nos moldes tradicionais, não só no Brasil, mas no mundo. Nos EUA e na maioria dos países ocidentais, o índice de confiança da população na instituição Congresso Nacional, que é o ícone dessa representação no mundo moderno e democrático, beira os 14% e já bateu anteriormente na casa dos 9%. Há uma crise de legitimidade no parlamento. A sociedade anseia por novas formas e instrumentos de governar e quer participar, sim. O risco é o vácuo que essa crise na representação  provoca na política.

Estudiosos confirmam que há no Brasil, a partir das jornadas de junho, uma impaciência, traduzida na negação da política, instrumento menos imperfeito para gerar consensos. Além da falta de credibilidade e da salada partidária, uma governança que se estriba na coalizão de maioria confunde a cabeça do cidadão. Cito o exemplo do PMDB. Sua prática de arrancar nacos do poder, à custa de um oportunismo político nunca visto, junta a tudo isso um alto grau de fisiologismo na partilha do aparelho de estado e convive com as maiores incoerências. Basta olhar para a Bahia, onde, mesmo ao lado de Dilma, o PMDB se aliou ao DEM e pediu votos para o tucano Aécio Neves.

(mais…)

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE 51 VAGAS DE EMPREGO

Confira abaixo as vagas disponíveis nessa terça-feira, 4, na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Churrasqueiro

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 1 vaga

Operador de Retro- Escavadeira

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 3 meses de experiência

  • 1 vaga

Vendedor Pracista

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 3 meses de experiência

  • 3 vagas

(mais…)

FONTE SOLAR SURPREENDE NO LEILÃO DE ENERGIA MAIS COMPETITIVO DO PAÍS

Imagem: Canal Bioenergia.
Imagem: Canal Bioenergia.

Do Reuters Brasil

A energia solar vendeu nesta sexta-feira 1.048 MW de capacidade instalada de 31 novos projetos, em seu primeiro leilão público nacional em que não teve que disputar com outras fontes mais competitivas, num resultado acima do esperado.

O leilão foi o mais competitivo entre os já realizados no país, com 104 rodadas de lances.

Os projetos solares vão injetar cerca de 889,7 MW na rede elétrica brasileira a partir de 2017, informaram a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

“Esse leilão é um marco no setor elétrico brasileiro. Contratou-se energia solar com um dos menores preços que temos conhecimento no mundo. Isso coloca o Brasil como uma das fronteiras da expansão da energia solar”, disse o presidente da EPE, Maurício Tolmasquim, em coletiva de imprensa após o leilão.

O executivo sinalizou que a contratação de energia solar continuará a ocorrer anualmente.

(mais…)

MOISÉS LINS: “A CASACOR VEIO PARA FAZER HISTÓRIA”

Arquiteto Moisés Lins.
Arquiteto Moisés Lins.

Moisés Lins é considerado um dos arquitetos mais requisitados do sul do estado e é responsável pelo “loft do artista plástico”, do Casacor Bahia Edição Ilhéus-Itabuna. O evento começou no último dia 30 e acontece no Clube Cidadelle (rodovia Jorge Amado, km 24). 

Maior mostra de arquitetura, decoração e paisagismo das Américas, o Casacor coloca o sul da Bahia na rota do desenvolvimento da cultura e da arte, estima Moisés.  “Trazer um evento desse porte para nossa região é a soma de todos esses fatores”, assinala.

Moisés assegura que é grande a responsabilidade dos profissionais que estão na Casacor. Conforme o arquiteto, todos são criativos e competentes. Segundo ele, é muito prazeroso participar de um “evento que veio para fazer historia”.

O GOVERNO JABES VAI SUPERAR A CULTURA DO SIGILO?

Vice-Prefeito Cacá Colchões e Prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Vice-Prefeito Cacá Colchões e Prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Na última quinta, 30, o Prefeito Jabes Ribeiro (PP) concedeu longa entrevista coletiva à imprensa. O editor deste blog perguntou ao mandatário sobre o Portal da Transparência da Prefeitura de Ilhéus, que ainda não funciona de modo efetivo. JR disse que o novo portal passará a funcionar a partir dessa quarta-feira, 5, conforme estimativa da Secretaria de Administração. 

A obrigação do Portal da Transparência foi regulamentada pela Lei Complementar nº 131/2009. A exemplo de Ilhéus, municípios com mais de 100 mil habitantes são obrigados a ter o portal desde maio de 2010.

Lembramos ao prefeito a importância do portal para o trabalho da imprensa. Na época do Governo Newton Lima, o site da prefeitura serviu de fonte para a publicação de denúncias. Jabes respondeu que todas as informações a respeito dos processos licitatórios já são publicadas. Por outro lado, é importante considerar que o Portal da Transparência, diferente do Diário Oficial, deve ser construído com um sistema de armazenamento que facilite a busca dos dados. 

Ao longo da entrevista, Jabes falou muito sobre a “mensagem das urnas” e da necessidade de reformar a política. Manter um Portal da Transparência eficiente será um passo importante para o prefeito provar sua “sintonia” com as vozes que pedem o aprofundamento da democracia. A administração de Ilhéus precisa superar a cultura do sigilo. 

IPCC PEDE CORTE DAS EMISSÕES PARA EVITAR DANOS IRREVERSÍVEIS NO PLANETA

Imagem: Indústria Hoje.
Imagem: Indústria Hoje.

Do Terra

Somente profundos cortes de emissões de gases poluentes podem minimizar a mudança climática e evitar danos irreversíveis, tornando o impacto das alteração razoável para a vida humana.

Essas são as conclusões do Relatório de Avaliação do Grupo Intergovernamental de Especialistas em Mudança Climática da ONU (IPCC), aprovado neste domingo em Copenhague e considerado a análise mais ampla sobre o tema, com mais de 800 autores e 30 mil artigos científicos consultados.

Para alcançar o objetivo de limitar o aumento de temperatura na superfície do planeta a dois graus até o final do século, serão necessários cortes substanciais e sustentados nas emissões nas próximas décadas – de 40% a 70% até 2050 -, com o objetivo de reduzir o índice a quase zero em 2100.

(mais…)

É NAMORO OU AMIZADE? JÁ É UNIÃO ESTÁVEL?

marcos mais direitoPor Marcos Souza Filho

“Dr., estou namorando há 02 anos e meio. Durmo muito na casa dela e ela na minha, e meus amigos já me disseram que a gente já era considerado união estável. É verdade isso? Não precisa ter pelo menos 03 anos? Estou preocupado pois me disseram que metade do que tenho é dela. É assim mesmo?”

Ao leitor (que permitiu a resposta pública, e pediu que escrevesse sobre o tema) e aos demais interessados, respondo: pode ser que sim, pode ser que não!

Antes de qualquer coisa é preciso reforçar que o tempo é o menos importante para que seja reconhecida uma união estável. Às vezes, um relacionamento dura 8, 9, 10 anos, mas é só um simples namoro. Outras vezes, dura 08, 09, 10 meses, e ser configurada a união estável.

O que realmente importa é que exista relação de afeto entre duas pessoas, de forma duradoura, pública e com o objetivo de constituir família. Mas, entenda o “duradouro” como a intenção de que dure, e não como muito tempo. Pública é a relação onde os amigos, familiares, colegas tenham conhecimento da sua existência, e não como mera exposição conjunta em ambientes ou redes sociais. E o requisito mais importante, a intenção de constituir família.

(mais…)

“É INCRÍVEL O QUE CUBA PODE FAZER”, DIZ OMS SOBRE AJUDA CONTRA EBOLA

Médico cuida de paciente com ebola. Foto: Issouf Sanogo/AFP/Getty Images.
Médico cuida de paciente com ebola. Foto: Issouf Sanogo/AFP/Getty Images.

Do DW

Um grupo de 94 profissionais da saúde cubanos foi para a África Ocidental nesta quarta-feira (22/10), para combater a epidemia do ebola. Eles se juntam aos 165 que já estão em Serra Leoa prontos para começar a atuar. Os médicos e enfermeiros cumprem um acordo assinado entre Havana e a Organização Mundial da Saúde (OMS) válido para os próximos seis meses.

Para José Luis Di Fábio, chefe do escritório da OMS na ilha há três anos, é importante que o mundo reconheça a “incrível capacidade de resposta de Cuba” diante de situações de crise.

Di Fábio ajudou a intermediar as negociações depois da solicitação feita pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, e pela diretora da OMS, Margaret Chan.

Atualmente, mais de 4 mil médicos cubanos atuam na África – dois mil só em Angola. “Os países africanos carecem de recursos humanos, muitos presidentes já solicitaram ajuda ao país. Na Guiné, antes da epidemia do ebola, já havia uma brigada cubana e sem Serra Leoa também”, afirma Di Fábi, em entrevista à DW.

DW: Na opinião do senhor, por que esse chamado das Nações Unidas foi feito para Cuba?

José Luis Di Fábio: Em fins de julho, a diretora da OMS, Margaret Chan, esteve em Cuba para acompanhar a inauguração do Centro Estatal Médico para Controle de Medicamentos. Durante a visita, ela se emocionou, digamos assim, ao entender mais sobre a cooperação médica cubana, incluindo a educação médica do país para o exterior.

Ela esteve na Unidade de Cooperação Médica, onde há o registro histórico das cooperações em saúde, viu a preparação de médicos que já foram para o Haiti e participaram de outras missões e, realmente, entendeu e reconheceu a capacidade que Cuba tem de apoiar os países numa cooperação Sul-Sul.

(mais…)

PÓ DE MINÉRIO: AR DE VITÓRIA É UM DOS MAIS POLUÍDOS DO PAÍS

Barraca coberta por pó de minério em na Grande Vitória.
Barraca coberta por pó de minério em Vitória.

A imagem acima foi publicada na página do grupo “Porto Sul Não!” (Facebook). A foto registrada em Vitória (ES) mostra a poluição causada pela dispersão do pó de minério de ferro na atmosfera. Ventos fortes podem transportar esse material poluente por mais de 20 quilômetros. Muitos bairros da capital do Espírito Santo sofrem as consequências da industrialização desregulada. Conforme estudo dos Indicadores de Desenvolvimento Sustentável (IBGE, 2012), o ar da metrópole capixaba é um dos mais poluídos do país.

ELEIÇÕES 2014: MEIO-AMBIENTE, O GRANDE DERROTADO?

Imagem: Leo Cabral/MSILVA Online.
Imagem: Leo Cabral/MSILVA Online.

Por Janes Jorge e Paulo Henrique Martinez/publicado na CartaCapital

Encerradas as eleições é o momento de se fazer uma avaliação dos seus resultados para além da vitória ou derrota dos diferentes candidatos. Em um balanço assim, fica evidente que o debate sobre o meio-ambiente foi um dos maiores derrotados neste ano de 2014, ao menos para aqueles que acreditam que a problemática ambiental possui forte dimensão crítica da sociedade contemporânea.

Na verdade, no início do processo eleitoral parecia que as questões ambientais iriam para o centro da disputa. No plano nacional Marina Silva, liderança que fez sua trajetória política vinculada a essa problemática ganhava destaque e Eduardo Jorge, pelo Partido Verde, sem amarras de um candidato que concorre para vencer, tinha liberdade para tocar em pontos sensíveis, evitados pelos candidatos competitivos. No mais populoso e rico estado da federação, São Paulo, uma grave crise hídrica, que ainda deve perdurar, oferecia a oportunidade para que o meio-ambiente no Brasil aparecesse como realmente é, ou seja, como uma questão que diz respeito à vida cotidiana da maioria da população e não assunto de pequenos grupos.

(mais…)