OCEANÓGRAFO DA UESC FALA SOBRE OS EFEITOS DO AQUECIMENTO GLOBAL EM ILHÉUS

Mar avançará ainda mais sobre as casas do bairro São Miguel, em Ilhéus. Imagem: José Nazal.
De acordo com Gil Reuss, o mar avançará ainda mais sobre as casas do bairro São Miguel. Imagem: José Nazal.

Blog do Gusmão com exclusividade.

As crises climáticas preocupam povos de várias nações. Segundo o Projeto de Realidade Climática, iniciativa internacional criada pelo ex-vice-presidente dos EUA, Al Gore, 99,99% da comunidade científica de todo o mundo, ligada ao estudo do tema, admite a elevação da temperatura da Terra como fenômeno anormal. A causa está na emissão, cada vez mais descontrolada, de gases provenientes de combustíveis fósseis.

Em 2014, São Paulo registrou o mês de janeiro mais quente da história. A temperatura máxima atingiu 31,9ºC, e a média 25ºC. No passado, os paulistas quase que dizimaram a Mata Atlântica. No presente, secas ocorridas na Região Norte (cuja raiz do problema está no desmatamento da Floresta Amazônica) diminuem a evaporação da água, impedindo que nuvens carregadas de chuvas cheguem ao principal centro financeiro do país.  Resultado: o Sistema Cantareira, uma das bacias hidrográficas responsáveis pelo abastecimento de água da “pauliceia”, desceu ao menor nível dos últimos 10 anos.

Mas, aqui entre nós, o que Ilhéus tem a ver com isso?

O território ilheense tem aproximadamente 80 km de costa litorânea. Parte é composta por terras costeiras de baixa elevação. Com o crescimento do nível do mar (entre um e dois metros até 2100) inundações ocorrerão em áreas próximas do oceano Atlântico, ou, de rios da nossa bacia hidrográfica. Populações de baixa renda e até condomínios de classe média serão afetados. A costa nordeste do Brasil é especialmente vulnerável e Ilhéus – assim como os demais municípios da Costa do Cacau – terá muitas de suas praias erodidas.

O oceanógrafo Gil Reuss, professor da UESC, é um pesquisador atento a essas previsões. Nessa entrevista ao Blog do Gusmão, ele aponta caminhos para o mundo se livrar das crises climáticas, prevê cenários nada otimistas para Ilhéus e fala sobre os pouquíssimos céticos da comunidade científica que insistem em discordar da tese do aquecimento global.

No final da entrevista, publicamos um vídeo criado por Pedro Spanghero e Tássio Moreira (estudantes de Geografia da UESC) que mostra a perspectiva de um cenário drástico para Ilhéus em 2100.

Vale a pena conferir. Pela primeira vez um veículo de comunicação do eixo Ilhéus-Itabuna discute os prováveis efeitos locais das mudanças climáticas.

Imagens aéreas gentilmente cedidas pelo fotógrafo e especialista em Ilhéus José Nazal.

BLOG DO GUSMÃO – Professor Gil Reuss, hoje a comunidade científica ligada ao clima e ao estudo dos oceanos fala de uma nova realidade climática até 2010. De onde vem esse alerta?

Gil Reuss – Existem dois motores para as alterações climáticas. Um é o sol, que traz o calor para a terra. Desde que se tem registro, o sol funciona como um relógio. A atividade solar tem um ciclo de cerca de onze anos. Esse ciclo tem ocorrido, mais ou menos, de forma regular.

Porém, existe outro fator que influencia o clima: a composição da atmosfera. O clima na terra depende da energia emitida pelo sol, mas, também tem relação com a composição da atmosfera. É essa composição atmosférica que está sendo alterada pela ação humana. Com a queima de combustíveis fósseis, o homem conseguiu alterar essa composição e fez com que o aumento de gases responsáveis pelo efeito estufa chegasse a causar um aumento da temperatura média na atmosfera. Junto a isso, temos percebido o aumento de fenômenos extremos, de seca, de chuva, de tempestades tropicais, que ocorrem de forma aleatória, pelo menos, no nosso entendimento até agora.

BLOG DO GUSMÃO – A seca em São Paulo, na Cantareira, é um exemplo?

A seca em São Paulo, pelo que tem sido colocado pela comunidade científica, tem relação muito forte com o desmatamento na Amazônia. Existe um projeto antigo chamado “rios flutuantes”, do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) e do INPA (Instituto Nacional de Pesquisas na Amazônia). Ele consiste em medir a umidade de locais específicos da Amazônia e também na atmosfera com aparelhos transportados por aviões. Com isso, os pesquisadores perceberam que havia uma quantidade muito grande de umidade vinda da evapotranspiração natural da Amazônia. Essa evapotranspiração é levada por ventos (a grandes altitudes) na direção sul, diretamente para a região sudeste do Brasil. Esses ventos continuam ocorrendo, só que a evapotranspiração na Amazônia diminuiu muito. Com isso, esse vento tem chegado seco lá em São Paulo. Os últimos anos registraram uma progressiva diminuição da umidade e da pluviosidade dessa região. Portanto, há forte possibilidade de haver conexão entre esses fenômenos.

SONY DSCA Barra tem grande probabilidade de ser invadida pelo mar, inclusive já existe problema de erosão praial ali e é possível que isso seja agravado.

BLOG DO GUSMÃO – Segundo o IPCC, se continuarmos emitindo CO2 na quantidade atual a temperatura da terra pode aumentar até 5,8 graus. Isso é verdade?

(mais…)

AZEITE GALLO RESPONDE AO BLOG DO GUSMÃO

Segundo a assessoria do azeite Gallo, contraprova mostrou que produto da fabricante é extravirgem, ao contrário do que indicou pesquisa da PROTESTE.
Segundo a assessoria do azeite Gallo, contraprova mostrou que seu produto é extravirgem.

Divulgamos ontem (12) pesquisa da Proteste que reprovou marcas de azeite, entre elas a Gallo – veja aqui. Essa fabricante entrou em contato com o Blog do Gusmão nessa terça-feira, 13, e afirmou que uma contraprova realizada em laboratório independente reconhecido pelo Conselho Oleícola Internacional mostrou que o produto dos lotes avaliados era de fato extravirgem.

Leia abaixo a íntegra da resposta.

“Olá, Gusmão, bom dia!

Vi que você publicou uma matéria sobre o teste da Proteste com Azeites. Sou assessora da marca Gallo e gostaria de compartilhar com você algumas atualizações importantes sobre o tema.

O azeite dos lotes avaliados era de fato extra virgem. Isso ficou comprovado em uma contraprova realizada em laboratório independente reconhecido pelo Conselho Oleícola Internacional. Sendo assim, a não classificação de Gallo como Azeite Extra Virgem não procede.

E para deixar o consumidor mais seguro e informado sobre os azeites extra virgem da marca, Gallo adotou uma iniciativa inédita no mercado mundial de azeites: os consumidores podem consultar no site da empresa os laudos e certificados de qualidade dos azeites pelo número do lote. Com isso, terão ainda mais certeza da qualidade dos produtos da marca e de seu real compromisso com o consumidor: levar à mesa dos brasileiros o melhor azeite.

Abaixo mais detalhes sobre o teste da Proteste:

(mais…)

SALVA-VIDAS EM GREVE: TURISTA MORRE AFOGADA EM ITACARÉ

Tragédia ocorreu na Praia da Costa. Imagem do blog Devaneios de Biela.
Tragédia ocorreu na Praia da Costa. Imagem do blog Devaneios de Biela.

Segundo o Itacaré Urgente, Mirian Santos de Jesus (40 anos) morreu afogada nessa segunda-feira, 12, na Praia do Costa, em Itacaré.

Conforme o site, Mirian nasceu em Ubatã e morava em Carapicuíba, cidade de São Paulo. Apesar de não saber nadar, a turista entrou no mar para tentar resgatar sua filha e uma sobrinha que estavam sendo arrastadas pela correnteza. Ela foi socorrida, mas, morreu na Fundação Hospitalar de Itacaré. Não temos informações sobre o estado de saúde das duas garotas.

A tragédia ocorreu um mês após o início da greve dos salva-vidas do município, que reivindicam direitos trabalhistas ignorados pelo governo Jarbas Barbosa.

O salva-vidas Alisson Reis afirmou ao Itacaré Urgente que o município não fornece equipamentos básicos, como: boias, uniformes, coletes, kits de primeiros socorros, bandeiras e apitos. Os servidores também não recebem auxílio alimentação nem o adicional de 40% do salário pelo risco da profissão. 

ENFERMAGEM: MEC RENOVA RECONHECIMENTO DO CURSO DA MADRE THAÍS

Inscrições estão abertas.

O Ministério da Educação (MEC) renovou o reconhecimento do curso de Enfermagem da Faculdade Madre Thaís (FMT), de Ilhéus, por meio da portaria nº 821, publicada na edição de 2 de janeiro do Diário Oficial da União.

Com base nas boas avaliações anteriores, a Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior, órgão do MEC, dispensou a visita da comissão avaliadora para renovar o reconhecimento do curso.

A professora Sara Tannus, coordenadora do programa, comemorou a renovação e destacou as qualidades do curso de Enfermagem, que oferece “uma formação multidimensional, visando formar profissionais preparados para o desempenho de suas funções dentro de uma prática social historicamente estruturada”.

A diretora pedagógica da faculdade, professora Tatiana Barcelos, lembrou que o programa da FMT alcançou excelente resultado logo na primeira avaliação do MEC. “Desde o primeiro reconhecimento, o curso de bacharelado em Enfermagem vem sendo bem avaliado, principalmente, nas dimensões de organização didático-pedagógica, corpo docente e tutorial e infraestrutura”.

QUER UM TRABALHO? SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE NESSA QUARTA-FEIRA

Confira abaixo as vagas disponíveis amanhã, quarta-feira (14), na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Camareira de Hotel

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 1 Vaga

Garçom

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 6 Vagas

Cozinheiro

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 1 Vaga

(mais…)

AÇÃO CONJUNTA GERA R$ 1 BI PARA A PREVIDÊNCIA ESTADUAL

Imagem: TCE/Divulgação.
Imagem: TCE/Divulgação.

Graças a um trabalho conjunto do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Secretaria de Administração da Bahia (SAEB), a Previdência Estadual arrecadou R$ 1 bilhão nos últimos sete anos (2007-2014), em compensação previdenciária, junto ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

A parceria entre o TCE e a SAEB será ainda mais vantajosa para o estado a partir de acordo técnico entre os dois órgãos para viabilizar o cruzamento automático de informações, racionalizando o processo de compensação previdenciária. 

Os recursos arrecadados com a compensação ajudam nos pagamentos de aposentadorias e pensões devidas pelo regime próprio da previdência estadual. 

O presidente do TCE, Inaldo da Paixão Santos Araújo, observa que a arrecadação recorde é resultado do bom trabalho desenvolvido pela SAEB, mas destaca que o volume das homologações das aposentadorias e o aumento da produtividade na digitalização dos processos pelo TCE contribuíram muito para a receita dos últimos sete anos. “Marca o esforço empreendido pela Bahia na busca do equilíbrio financeiro e atuarial do seu sistema previdenciário, que comporta atualmente cerca de 170 mil aposentados e pensionistas”.  

GOVERNO VANE ESTÁ “PERDIDO”, AFIRMA PRESIDENTE DO SINDSERV

Prefeito Claudevane Leite e Wilmaci Oliveira, presidente do Sindserv.
Prefeito Claudevane Leite e Wilmaci Oliveira, presidente do Sindserv.

Servidores da Secretaria de Saúde estão em frente ao Centro Administrativo de Itabuna e protestam contra o atraso dos salários de dezembro. Wilmaci Oliveira, presidente do Sindserv (Sindicato dos Servidores Municipais de Itabuna), lidera a manifestação. Conversamos há pouco por telefone com ela.

Segundo Wilmaci, o atraso afeta cerca de 300 servidores efetivos, especialmente os que atuam nos postos do Programa de Saúde da Família e nas Unidades Básicas de Saúde.

Outros cem contratados temporariamente pela Secretaria de Saúde não receberam o salário de dezembro. Os funcionários da Fundação Marimbeta, entidade administrada pela Prefeitura de Itabuna, enfrentam o mesmo problema.

Wilmaci conversou por telefone com o prefeito Claudevane Leite. Ele garantiu que os recursos para o pagamento dos servidores efetivos já estão com a Secretaria da Fazenda e serão transferidos para a pasta da saúde até o final dessa terça-feira.

Não há previsão para o pagamento dos demais. “Também cobraremos os salários dos contratados e esperamos uma resposta concreta”, afirmou a presidente do Sindserv.

Perguntamos se a gestão “perdeu o rumo”. Wilmaci respondeu que “o governo está perdido, desorientado, não tem planejamento e foco. Compreendo as dificuldades, mas, percebo que não há sintonia entre as secretarias, que são partes interdependentes da administração. Alguns problemas são criados por deficiências técnicas e falta de responsabilidade”.

Conforme a presidente do Sindserv, os atrasos afetam principalmente os servidores que recebem menos de mil reais. “Esses vivem hoje uma situação calamitosa”. “Desde 2014 propomos a criação de um novo calendário de salários para que os trabalhadores pudessem se programar. O município ainda não criou”. 

PARTIU BRASÍLIA

Miguel Rosseto e Robinson Almeida. Imagem: Facebook/Reprodução.
Miguel Rosseto e Robinson Almeida. Imagem: Facebook/Reprodução.

Nessa segunda-feira, 12, o ex-secretário de Comunicação da Bahia, Robinson Almeida, usou o Facebook para informar que será o novo Chefe de Gabinete da Secretaria Geral da Presidência. “Pra minha honra, fui convidado pelo Ministro Miguel Rosseto”.

“A partir de agora, vou trabalhar no Palácio do Planalto e me dedicar de corpo e alma a essa nova missão de ajudar a presidente Dilma a fazer mais um governo vitorioso”, escreveu, antes de finalizar com a “hashtag” #PartiuBrasília.