COMERCIANTE DO PONTAL DENUNCIA “JOGADA” DE ROQUE DO SESP

Roque está de olho no quiosque de Thiago García.
Roque está de olho no quiosque de Thiago García.

Thiago García vende churrasquinho desde 2003 na Praça São João Batista, bairro Pontal, em Ilhéus. Participou de todas as reuniões sobre a reforma da praça e garantiu seu quiosque no espaço construído para os comerciantes locais.

O comerciante conversou ontem (18) com o Blog do Gusmão. Teme perder o espaço que conquistou com a reforma da praça, porque o governo Jabes Ribeiro parece ter outros planos. Segundo Thiago, o secretário de Indústria e Comércio, Roberto García, pretende passar o quiosque do churrasquinho para outro empreendedor. Para completar, a “jogada” conta com o apoio do  vereador Roque do Sesp.

De acordo com José Henrique Abobreira, líder do Movimento Pontalense de Cidadania, Roque do Sesp e seu aliado, Marcos Farias, influenciaram decisões do secretário de Indústria e Comércio para tirar as pessoas que fazem parte do projeto desde o início e substituí-las por apaniguados.

 “Esse Marcos Farias se diz presidente de uma associação de moradores que não existe, não representa a comunidade”, afirma Abobreira, que está muito decepcionado com a postura do vereador e do secretário municipal. 

Segundo Thiago, Marcos Farias e Roque do Sesp querem beneficiar comerciantes que chegaram “agora” no Pontal e não participaram do movimento pela reforma da praça. O dono da barraca de churrasquinho avisa que não vai desistir do espaço.



11 responses to “COMERCIANTE DO PONTAL DENUNCIA “JOGADA” DE ROQUE DO SESP

  1. Essas informações sobre o vereador Roque do SESP é uma tremenda inverdade, pois o mesmo não tem nada a ver com essa história. Ele é, e sempre será, o defensor incansável, dos interesses da comunidade da Zona Sul. E por isso estão tentando denegrir a sua imagem. Talvez por inveja da competência e amor pela Zona Sul.

  2. PRAÇA DO PONTAL OU PRAÇA SÃO JOÃO BATISTA

    HÁ POUCOS DIAS DE SUA INAUGURAÇÃO E JÁ COMEÇAM APARECER OS PAIS DA CRIANÇA.
    A luta pela revitalização desta praça começa em 2012, através do Movimento Pontalense de Cidadania, liderado pelo amigo José Henrique Abobreira, que foi aos poucos agregando pessoas, e entidades públicas e privadas. A convite do amigo entrei na linha de frente com ele, com isso, de lá pra cá, muitas reuniões aconteceram, na Paróquia São João Batista, com total apoio do pároco, Jarmil Sarmento Júnior, Sempre tivemos o bom senso, respeito, para que todas etapas, fossem no final o esperado pela comunidade.

    Há mais ou menos uns trinta dias, tivemos uma reunião com o Secretário de Indústria e Comércio, o Sr. Roberto Garcia, onde ficou definido, os seis (6) exploradores dos quiosques. Os beneficiados foram aqueles que ali já trabalhavam em torno da praça, que são: Lanchonete do Barão, Banca de Revista, o caldo de cana, o churrasquinho do Tiago Garcia, salgados e pizzas e por fim a baiana de acarajé, Sra. Judite, que foi a única que não trabalhava em torno da praça, mas, bem próximo dela. O espaço de um dos quiosque para a Srª Judite, foi a pedido da própria prefeitura – Secretária de Indústria e Comércio, já que ela ocupava a calçada, próximo ao antigo Clube Social do Pontal, trazendo sérios problemas para o trânsito naquela artéria. (Rua Coronel Pessoas)

    Para surpresa de muitos pontalense e a minha também, hoje nos deparamos com esta notícia publicada no Blog do Emilio Gusmão.

    Espero, que desta vez a política fique afastada, como sempre ficou durante todos estes anos da requalificação da praça. Se agora querem, segundo a reportagem descaracterizar um trabalho de lisura, lembrem-se que a operação Lavajato, está cada vez mais deixando nós cidadãos envergonhados, com tanta frieza e cinismo dos envolvidos.

  3. Ele defende quem o apoia e só ou melhor e olhe lá…pois um bom exemplo é um bar altamente irregular na Avenida Lotus no Nelson Costa, que está instalado no Muro lateral do Centro Comunitário/Escola do bairro…tomando o espaço da calçada, obrigando o povo a andar pelo meio da rua…algo que acontece com muitos pontos comerciais ao longo de toda a avenida. É para isso que serve este cidadão que se diz vereador e que recebe também como funcionário público estadual ou federal.

  4. Nossa, que mentira. Esse rapaz nem vende churrasquinho. Ele tem uma banca de legumes na frente do açougue. Ás vezes , em festas que ele vende churrasco.

  5. Roque não me representa, ele só aparece na minha casa em época de eleição. Só pensa em seus interesses próprios.

  6. Essa entrevista de Thiago Garcia e totalmente sem fundamento, pôs existe sim uma associação do bairro pontal onde o qual eleito por votos dos moradores,o presidente do bairro Marcos faria se mostrava sim presente em todas as reuniões e projetos para a melhoria do bairro do pontal, inclusive relembrando organizou o maior sao joao na praça que anos nao se via bom daquele jeito,e antes de construido a praça Marcos Farias e Roque do sesp NAO ABRIAM MAOS DE QUE OS QUIOSQUES SERIAM DESTINADOS AOS QUE TIAM PONTO ALI JÁ NA PRAÇA.

  7. aff ate apadrinhamento de parente, coisa feia vereador, este Roque so vem no bairro tomar todas, eu acho que quem tem de ter os quiosques sãos comerciantes antigo, ah!! e o tal Marcos Farias, é amigo dos parentes do vereador, por isso que esta puxando a sardinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *