EMPRESÁRIOS JUNIORES SE REÚNEM EM ILHÉUS

empresários junioresIlhéus vai sediar o último encontro do ano dos empresários juniores da Bahia. Mais de 300 jovens universitários vão participar da reunião, que acontecerá nesse sábado (12), a partir das 8h30, no auditório da Ceplac, centro.

O encontro será um momento para apresentar os resultados e projetos das empresas juniores. A participação do público vai ser gratuita.

Os associados também vão eleger a nova diretoria da Federação de Empresas Juniores da Bahia (UNIJr-BA) e sabatinar representantes de dez empresas que pretendem se federar.

O polo de Ilhéus tem cinco empresas juniores, com mais de 100 universitários prestando serviço em diferentes áreas: gestão empresarial, economia, contabilidade, engenharia, análise de sistemas e outras.

As empresas juniores estimulam o aprendizado prático na formação de empreendedores. Além disso, oferecem serviços de consultoria para pequenos e grandes negócios.

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE VAGAS DE EMPREGO DE NÍVEIS SUPERIOR E FUNDAMENTAL

Confira abaixo as vagas disponíveis segunda-feira (14) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Gerente de Loja

  • Formação: Ensino Superior Completo em Administração ou afins

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

Cabeleireiro

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

Manicure

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 03 vagas

(mais…)

SECRETÁRIO ESTADUAL DE SAÚDE DÁ “PUXÃO DE ORELHA” NO GOVERNO JABES

Fábio Vilas-Boas. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Fábio Vilas-Boas. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

O secretário de saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, participou hoje (11) em Ilhéus da inauguração do setor de Hemodinâmica do Hospital São José.

Fábio destacou que o novo equipamento vai reforçar a lista de serviços médicos de alta complexidade disponíveis para os usuários do SUS no município. Procedimentos como cirurgias cardíacas poderão ser realizados na unidade.

Além disso, explicou o secretário, o consórcio intermunicipal da policlínica vai atender a demanda por serviços de média complexidade, como as consultas a especialistas.

Se há expectativa de melhora para os serviços da média e alta complexidade, o mesmo não ocorre com a rede de atenção básica. Nesse quesito, disse o secretário estadual, “Ilhéus precisa levar um puxão de orelha. É preciso ampliar a atenção básica de Ilhéus para parar de ficar entupindo a emergência do [Hospital] Regional. Não é possível que a pessoa vá para a emergência com pressão alta, com o diabetes descompensado e o pé diabético infectado, quando na verdade ela deveria ser atendida no posto de saúde. É preciso fazer um esforço.”

Ouvimos o secretário de saúde de Ilhéus,  Antonio Ocké, que também estava no ato, sobre o “puxão de orelha”.  Ele explicou que o município vai realizar um concurso para contratar profissionais da saúde. Sete postos estão sem atendimento por falta de médicos e enfermeiros: os da Ponta da Tulha, Aritaguá, Sambaituba, Rio do Engenho, Vila Olímpio, Santo Antônio e Lagoa Encantada. 

Ocké também lembrou que ainda no governo Newton Lima, o município se comprometeu a só contratar profissionais da saúde por meio de concurso público, o que inviabiliza hoje a contratação por outros meios.

Além do mais, informou Ocké, o Hospital Regional Luiz Viana Filho também recebe recursos para prestar serviços típicos da rede de atenção básica, como os citados por Vilas-Boas. 

RESSACA

José Serra e Kátia Abreu.
Senador José Serra e ministra Kátia Abreu.

Por Leandro Fortes/publicado hoje (11) no Facebook do autor

leandro fortesPara quem decidiu simpatizar com Kátia Abreu por ela ter enfiado uma taça de vinho na cara de José Serra, um minuto de memória:

Em 2002, o agricultor Juarez Vieira Reis foi despejado das terras onde vivia, havia 50 anos, no município tocantinense de Campos Lindos, por 15 policiais militares, por conta de uma ação de manutenção de posse acionada por Kátia Abreu.

Juarez desfilou, sob a mira das armas dos militares, com a mulher e dez filhos, em direção à periferia da cidade, onde ficaram, ao relento, debaixo de um temporal amazônico.

As terras de Juarez foram retiradas como parte de uma desapropriação criminosa feita pelo então governador Siqueira Campos, do PSDB, para doá-las, em seguida, para amigos e aliados – Kátia Abreu entre eles.

Por ter tido a coragem de escrever sobre o assunto, baseado em uma matéria minha publicada na CartaCapital, Dom Tomás Balduíno, um gigante moral da igreja católica brasileira, acabou interpelado judicialmente pela agora ministra da Agricultura, na tentativa – vã – de calá-lo, coisa que nem os generais da ditadura conseguiram, diga-se de passagem.

Dom Balduíno morreu, aos 92 anos, felizmente, sem ver Kátia Abreu tomar posse como ministra em um governo do PT.

Juarez e a família ainda vivem na miséria.

Não se enganem: Kátia Abreu e José Serra se merecem.

Leandro Fortes é jornalista.

JUSTIÇA REJEITA DENÚNCIA DO MP CONTRA ISAAC ALBAGLI

Isaac Albagli.
Isaac Albagli.

A informação é do jornalista Roberto Rabat (R2CPress).

A 5ª Vara da Fazenda Pública da Bahia não acolheu denúncia do Ministério Público Estadual contra o ex-gestor da Bahia Pesca, Isaac Albagli, atual secretário de infraestrutura e trânsito da Prefeitura de Ilhéus.

Na ação civil pública, o MP acusou Isaac Albagli de praticar irregularidade na contratação da Cooperativa de Trabalho e Serviços (CTS), quando era diretor da Bahia Pesca.

Apesar do contrato não ter sido antecipado por um processo licitatório, o Juiz Manoel Ricardo Calheiros D’Avila entendeu que não houve ato de improbidade nem dano ao patrimônio público. “Assim sendo, diante da inexistência, de fato, da indicação de prejuízos, haja vista a efetiva prestação dos serviços, de desatendimento aos princípios que regem a Administração Pública, da inexistência de enriquecimento e, principalmente, de dolo, não há de se falar em ato de improbidade”, explicou o magistrado.

A decisão foi publicada nessa quinta-feira (10). Leia a íntegra.

Diário da Justiça da Bahia,10/12/2015
CADERNO 2 ­ ENTRÂNCIA FINAL
CAPITAL
5ª VARA DA FAZENDA PÚBLICA
AUTORA: Ministério Público do Estado da Bahia. – RÉU: ► Isaac Albagli de Almeida –

(mais…)

TCE REPROVA CONTAS DO MARIDO DE CARMELITA

Ednei Mendonça.
Ednei Mendonça.

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE) reprovou as contas de 2011 da Diretoria Regional de Educação (Direc) de Ilhéus. A decisão foi unânime. Naquele ano, o órgão hoje extinto era dirigido por Ednei Mendonça, marido da presidenta do PT em Ilhéus, professora Carmelita. Ele foi multado em R$ 2 mil.

O conselheiro relator Gildásio Filho acompanhou o relatório da 5ª Coordenadoria de Controle Externo (CCE). De acordo com os auditores, Ednei realizou pagamentos que não foram antecedidos por processos licitatórios.

Além disso, apontou o relator, o então diretor da Direc usou a “recorrente prática de fragmentação de despesas como forma de evitar a licitação”.

CARGO EM BRASÍLIA AFASTA VIVALDO MENDONÇA DA DISPUTA EM ILHÉUS

Vivaldo.
Vivaldo.

Nomeado hoje (11), Vivaldo Mendonça, ex-diretor da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), vai assumir a direção da Imprensa Nacional, órgão da Casa Civil da Presidência da República responsável pelo Diário Oficial da União. O cargo em Brasília o afastará da disputa dentro do PSB pela pré-candidatura a prefeito de Ilhéus.

A notícia chega como um balde d’água fria nos ânimos da parte do diretório municipal do PSB que defende a candidatura de Vivaldo. A ala “vivaldiana” ainda não convive bem com a ideia de ver o ex-vereador Jailson Nascimento como representante socialista na corrida até o Palácio Paranaguá.

Com informações do Pimenta.

TCM REPROVA CONTAS E MULTA PREFEITO DE UBAITABA

TCM não tolerou irregularidades nas contas do "Super Bêda". Foto: Políticos do Sul da Bahia.
TCM não tolerou deslizes do “Super Bêda”. Imagem: Políticos do Sul da Bahia.

Nessa quinta-feira (10), o Tribunal de Contas dos Municípios  (TCM) rejeitou a prestação de contas de 2014 da Prefeitura de Ubaitaba e aplicou multas que somam R$ 44.400,00 no prefeito Asclepiades Queiroz (Bêda – PMDB). O tribunal vai encaminhar representação ao Ministério Público Estadual contra o gestor.

Bêda também será obrigado a devolver R$ 37.68,25 aos cofres municipais. Conforme o relatório do conselheiro José Alfredo Dias, essa quantia se divide entre gastos realizados sem comprovação de despesa, salários de servidores que recebiam mais que o prefeito e o pagamento de indevido de juros.

 Além disso, no primeiro quadrimestre, aponta o relator, o índice de despesa com pessoal chegou a 76,35% da receita corrente líquida do município, muito acima do limite prudencial de 54%. Isso também contribuiu para a rejeição das contas.