GOVERNO JABES QUER DESAPROPRIAR ÁREA PRÓXIMA DA ILHÉUS-ITABUNA

Imagem retirada do Blog do Jonildo Glória.
Imagem retirada do Blog do Jonildo Glória.

O prefeito Jabes Ribeiro (PP) vai assinar nessa tarde (11) decreto que tornará de interesse público para fins de desapropriação um terreno próximo da rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415).

O secretário de comunicação de Ilhéus, Valério Magalhães, nos confirmou a informação por telefone. Segundo ele, o objetivo é usar a área para criar o novo Distrito Industrial, pois falta espaço para novas indústrias no antigo, localizado no Iguape.

Valério não sabe em que local fica exatamente o terreno. Nos deu o número telefônico (terminado em 4883) do secretário de administração Ricardo Machado para perguntarmos. Por volta das 16 horas, telefonamos duas vezes para Machado, mas as chamadas não foram atendidas. 

“NÃO SEREI CANDIDATO A VEREADOR”, DIZ ALISSON MENDONÇA

Alisson Mendonça. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Alisson Mendonça. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

O vereador Alisson Mendonça (PT) esteve ontem (10) no aniversário de Jerberson Josué, seu correligionário. As eleições desse ano foram o principal tema da festa. 

Ao comentar sua provável ida para o PSB, Alisson declarou que não será candidato à reeleição em outubro. Está mesmo de olho é na candidatura para prefeito.

“Já não seria candidato a vereador em 2012, mas tomei uma rasteira”, disse em referência ao processo que resultou na escolha da professora Carmelita como candidata do PT naquele ano, quando Alisson foi eleito para o quinto mandato no legislativo.

Telefonema

O petista revelou que conversou por telefone com o ex-vereador Jailson Nascimento sobre a repercussão do seu possível desembarque no PSB, partido pelo qual Jailson também espera disputar a cadeira do executivo ilheense.

Segundo Alisson, o diálogo deixou claro que prevalece a boa relação construída desde os tempos em que Nascimento também era vereador.

Reunião

O deputado federal Bebeto Galvão vai participar nessa semana de uma reunião com membros do PSB em Ilhéus. A expectativa é de que a presença do parlamentar acalme os ânimos socialistas exaltados pelo noticiário sobre a iminente chegada de Alisson.

NOVAS OPORTUNIDADES DE TRABALHO DO SINEBAHIA ITABUNA

Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis até essa terça-feira (12).

A agência funciona na unidade modelo da Avenida Inácio Tosta Filho, centro. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Auxiliar De Limpeza

 Ensino Fundamental completo/PCD

Experiência Mínima de 6 meses na função

02 Vagas

Auxiliar Mecânico de Refrigeração

Ensino Fundamental completo

Experiência Mínima de 6 meses na função

02 Vagas

Cozinheiro de restaurante

Ensino Médio completo

Experiência Mínima de 6 meses na carteira

01 vaga

(mais…)

VIVALDO MENDONÇA DEFENDE WAGNER NO FACEBOOK

Wagner e Vivaldo.
Wagner e Vivaldo.

Vivaldo Mendonça assumiu em dezembro a direção da Imprensa Nacional, órgão ligado à Casa Civil da Presidência da República, ministério ocupado hoje pelo ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, que teve seu nome citado por delatores da Operação Lava Jato. De acordo com a delação, a campanha do então candidato a governador em 2006 teria recebido doações negociadas com empreiteiros beneficiados por contratos da Petrobrás.

Na madrugada dessa segunda-feira (11), Vivaldo Mendonça saiu em defesa de Wagner, com um depoimento repleto de elogios publicado no Facebook.

“Este Ministro é retado! Conviver com Jaques Wagner é conviver com a sabedoria de quem entende qual o seu papel neste mundo, homem da luz, que aponta caminhos, que edifica no presente com o olhar no futuro. Com ele aprendi que é melhor um talvez sincero do que um sim mentiroso, que para ser bom gestor tem que colocar o pé onde o povo está, aprendi que é melhor deixar um roxo de raiva por falar a verdade do que ficar vermelho de vergonha, aprendi que a vida pública é para quem tem vocação para servir e aprendi que quem fala para cumprir, pensa para falar. Homem de fibra, homem de fé, justo, que foi e é instrumento de transformação da sociedade. À Jaques Wagner meu respeito, minha admiração, minha dedicação e minha militância! Só há um caminho a seguir: para frente e para o alto!#‎indoparafrentesempre #‎Deusnocomando @jaqueswagner”, escreveu Vivaldo ao lado de uma foto em que Wagner aparece sorridente.

Antes de chegar à diretoria da Imprensa Nacional, Vivaldo já havia trabalhado com Wagner. Dirigiu a Companhia de Ações Regionais (CAR), empresa estatal, durante o governo do “Galego”.

CARTA AOS JORNAIS QUE DESCOBRIRAM, COM ATRASO, A MORTE DE UM BEBÊ INDÍGENA

Terra Indígena Tenharim, em Manicoré, sul do Amazonas. Imagem: Alceu Castilho.
Terra Indígena Tenharim, em Manicoré, sul do Amazonas. Imagem: Alceu Castilho.

Por Alceu Luís Castilho/ publicado no blog do autor

Querida Grande Imprensa,

Vejo que, finalmente, você percebeu que um bebê de 2 anos foi degolado em Santa Catarina. O Estadão até publicou um texto, nesta quinta-feira, lá nos confins de uma página interna, três dias após a jornalista Eliane Brum acabar de escancarar o caso, em sua coluna no El País Brasil – e uma semana após identificarmos, na mídia contra-hegemônica, a omissão dos grandes jornais. Expus essa angústia, no dia 31 de dezembro: Eu, leitor, à espera de notícias sobre um bebê indígena assassinado. Pena que O Globo não deu as matérias do G1 na edição impressa. A Folha a gente segue aguardando.

E nem era tão longe, né? Foi ali, em Santa Catarina. Mas que bom que deu tempo. Nunca será tarde demais. Aproveitando, então, o interesse demonstrado pela morte de Vítor Pinto, e supondo que não seja ocasional a preocupação com o bebê Kaingang, sugiro que a Senhora coloque em pauta outros exemplos do massacre sistemático praticado contra os povos indígenas no país. Um caso antigo, ainda mais antigo que a história de Estadão, Folha, O Globo – todas as suas histórias somadas. É a história de um genocídio – de cabeças arrancadas, etnias inteiras dizimadas ou extintas, confinadas, espoliadas.

Por exemplo, o massacre dos Guarani Kaiowá, no Mato Grosso do Sul. Estão para ser despejados 4 mil indígenas na região de Japorã. Eu adoraria ir ao local, mas não tenho recursos. Vocês, que têm encolhido o tamanho dos jornais sem reduzir o preço, talvez ainda tenham algum troco para enviar bons repórteres (sei que ainda os têm) à região, para contar a história completa – antes que famílias inteiras sejam mais uma vez humilhadas. Mas fiquem um bom tempo: tem muita aldeia para visitar. O massacre dos Guarani Kaiowá é o maior da América do Sul, ao lado dos Mapuche, no Chile. Várias lideranças indígenas foram assassinadas. Crianças são discriminadas.

E não é o único caso, sabiam? Há tantos outros pelo país. Lembro-me que a Folha esteve em Humaitá (AM), há dois anos, cobrindo o apartheid contra os Tenharim, na Transamazônica, região do Rio Madeira. Bom, sei que não foi essa a abordagem do jornal, mas de fato o que acontece por lá é um apartheid. Poderiam enviar novamente um repórter, questionar o fato de não terem reconstruído a sede da Funai, ou da Secretaria de Saúde Indígena – incendiadas por uma população furiosa, instigada por comerciantes, fazendeiros e madeireiros. Carros e barcos foram queimados. E a população indígena ainda vive com medo.

(mais…)

JOVEM É EXECUTADO A TIROS NO VILELA

disparo-de-arma-de-fogoUm jovem identificado como Nino foi executado em casa na noite desse domingo (10), no bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus. 

Segundo o blog A Guilhotina, por volta das 20 horas, dois homens chegaram armados numa moto, dispararam várias vezes contra Nino e fugiram. A Polícia Militar iniciou a procura dos suspeitos logo após o crime.

MORRE O EX-DEPUTADO AFRÍSIO VIEIRA LIMA, PAI DE GEDDEL

Geddel atrás do pai, o ex-deputado federal Afrísio Vieira Lima. Imagem: A Tarde.
Geddel atrás do pai, o ex-deputado federal Afrísio Vieira Lima. Imagem: A Tarde.

O deputado estadual Augusto Castro (PSDB) lamentou a morte do ex-deputado Afrísio Vieira Lima, ocorrida na noite desse domingo (10). Afrísio tinha 86 anos.

Afrísio iniciou sua carreira política em Itaquara, onde foi vereador de 1963 a 1967. Também exerceu mandatos de deputado estadual entre 1971 e 1975 e federal em duas legislaturas (de 1975 a 1983).

“Neste momento, manifesto meu profundo pesar à família deste ilustríssimo baiano, especialmente aos meus amigos Lúcio e Geddel, que sempre demonstraram um grande amor pelo pai”, declarou Augusto.

ABOBREIRA, O “TENTÁCULO” DA RAIZ EM ILHÉUS

Dero Faria, José Henrique Abobreira e Alisson Mendonça. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Dero Faria, José Henrique Abobreira e Alisson Mendonça. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

O carisma e a trajetória política ilibada de José Henrique Abobreira, ex-vice-prefeito e ex-vereador, fazem dele o principal “tentáculo” do Movimento Raiz em Ilhéus. 

Nesse domingo (10), Abobreira foi um dos convidados especiais do aniversário de Jerberson Josué. A mesa onde sentou era um verdadeiro “imã”, que logo foi cercada por seus amigos da política local. Entre um “causo” e outro, fazia questão de informar aos convivas que a reunião da Raiz em Ilhéus será no próximo dia 22 (sexta-feira), “na praça em frente ao Teatro Municipal”.

O publicitário Rildo Mota, membro do PT, chegou à mesa justamente quando Abobreira estava sentado entre dois vereadores petistas, Dero Faria e Alisson Mendonça. Como Alisson está de malas prontas para desembarcar no PSB, Rildo brincou com a possibilidade de Abobreira cooptar Dero para a Raiz.

A brincadeira gerou um riso geral, mas o poder de atração política de Abobreira já é um trunfo importante para o movimento embrionário da Raiz na cidade.

FEIJOADA PARA TODOS

José Nazal, José Henrique Abobreira, Jerberson Josué, Ruy Carvalho, Alisson Mendonça e Vivaldo Mendonça. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
José Nazal, José Henrique Abobreira, Jerberson Josué, Ruy Carvalho, Alisson Mendonça e Vivaldo Mendonça. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

A festa de aniversário de 36 anos do militante petista Jerberson Josué, realizada nesse domingo (10), reuniu representantes dos diversos grupos políticos que se preparam para a corrida eleitoral em Ilhéus. 

A feijoada que deu o tempero da festa foi apreciada por simpatizantes do governo Jabes Ribeiro, do qual Jerberson é opositor ferrenho, vereadores, pré-candidatos a prefeito e dirigentes partidários. O comentário que mais circulou entre os convidados foi sobre a capacidade agregadora do anfitrião.