SINEBAHIA ITABUNA TEM 78 OPORTUNIDADES DE TRABALHO

Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis até essa terça-feira (26).

A agência funciona na unidade modelo da Avenida Inácio Tosta Filho, centro. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Agente de Portaria

PCD(pessoas com deficiência)

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 4 meses na função

1 vaga

Ajudante de Cozinha

PCD(pessoas com deficiência)

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 4 meses na função

1 vaga

Ajudante de Obras

PCD(pessoas com deficiência)

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 4 meses na função

1 vaga

(mais…)

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE VAGAS DE EMPREGO DE TODOS OS NÍVEIS

Confira abaixo as vagas disponíveis nessa terça-feira (26) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Analista de Departamento Pessoal

  • Formação: Ensino Superior Completo em Administração, Recursos Humanos ou afins

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

Padeiro

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

Supervisor de Recepcionista

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

(mais…)

“TRISTEZA”, DIZ REITOR DA UFSB SOBRE DESTRUIÇÃO DA ALDEIA CAHY

Naomar de Almeida divulgou nota pública sobre o "grave episódio".
Naomar de Almeida divulgou nota pública sobre o “grave episódio”.

O reitor da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Naomar de Almeida Filho, divulgou hoje (25) nota pública sobre a destruição da Aldeia Cahy, comunidade indígena do distrito de Cumuruxatiba, município de Prado, no extremo sul do estado. Cumprindo ordem de reintegração de posse, policiais militares e federais destruíram o posto de saúde, a escola e casas do Povo Tapaxó que reivindica a demarcação do território reconhecido como indígena pela FUNAI – veja aqui.

Segundo Naomar, o “grave episódio” gerou “inconformidade e tristeza” pois, “segundo os indígenas, além da violência do processo, não se verificaram tentativas pacíficas de diálogo entre as partes envolvidas. Temerosa de que novos despejos possam ser realizados a qualquer momento, uma vez que diversas comunidades na região se encontram em situação semelhante, a UFSB requer que os órgãos públicos envolvidos, municipais, estaduais e federais, venham a público de imediato esclarecer o ocorrido.” Leia a íntegra.

“No dia 19 de janeiro de 2016, na aldeia Cahy da Terra Indígena Comexatiba, terra reconhecida como de ocupação tradicional indígena pela Funai, no distrito de Cumuruxatiba, município de Prado, no extremo sul baiano, forças policiais estaduais e federais realizaram ação de reintegração de posse, sem aviso prévio ou negociação com as famílias despejadas. No dia 22, um grupo de professores da Universidade Federal do Sul da Bahia do Campus Paulo Freire em Teixeira de Freitas visitou a área e verificou que, na ação, além de casas demolidas com bens e pertences em seu interior, também foram destruídos equipamentos públicos — um posto de saúde e uma escola. Ademais, constatou desamparo das famílias desalojadas pelo Estado. 

(mais…)

DIREÇÃO DO ARISTON CARDOSO PROCURA FAMÍLIA PARA LIBERAR CORPO DE DETENTO

Marcos faleceu sábado (23) no Hospital Regional.
Marcos faleceu sábado (23) no Hospital Regional.

A direção do Presídio Ariston Cardoso tenta localizar a família de Marcos Henrique Alves Leite, que faleceu sábado (23) no Hospital Geral Luiz Viana Filho. Marcos foi detido em Itacaré e estava custodiado no presídio de Ilhéus, onde permaneceu até sentir um mal-estar no último dia 20, quando foi levado para a unidade médica.

A diretoria do Ariston Cardoso aguarda a emissão do atestado de óbito para informar oficialmente a causa da morte.

Como nenhum familiar de Marcos foi localizado, o corpo ainda não foi liberado. Quem tiver informações sobre os familiares pode entrar em contato com o presídio por meio do telefone (73) 3231-2068.

BARONESAS “DESAFIAM” O ILHÉUS EM AÇÃO

Imagem: Fabrício Tetê/Blog Pimenta.
Imagem: Fabrício Tetê/Blog Pimenta.

O programa Ilhéus em ação (da prefeitura) ganhou ótima oportunidade para mostrar serviço. As baronesas que desceram com as águas do Rio Cachoeira já se acumulam nas praias da cidade. O governo Jabes Ribeiro, que demonstrou muita preocupação em manter a Praia da Avenida Soares Lopes limpa, tem um bom desafio pela frente. Cabe lembrar que o problema afeta outras praias do município, como as da zona sul.

MATRÍCULAS DA REDE ESTADUAL DE ENSINO VÃO ATÉ QUARTA-FEIRA

Mais-professorO prazo para matrículas na rede estadual de ensino vai até essa quarta-feira (27). A matrícula pode ser realizada nas sedes das escolas ou por meio da internet, no site da Secretaria de Educação da Bahia. Só o programa de educação profissional oferece mais de 40 mil vagas. Dúvidas podem ser esclarecidas pelos atendentes do telefone 0800 285-8000.

MPF PROCESSA O PROGRAMA CIDADE ALERTA

Marcelo Rezende, apresentador do programa Cidade Alerta.
Marcelo Rezende, apresentador do programa Cidade Alerta.

Por Helena Martins/publicado no Ponte Jornalismo

“Atira, meu filho; é bandido”. Essa foi uma das frases proferidas por Marcelo Rezende, do programa Cidade Alerta, da Rede Record, ao transmitir, ao vivo, uma perseguição policial a dois homens que seriam suspeitos de roubo. A ação culminou com um tiro disparado à queima roupa pelo integrante da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam) da Polícia Militar de São Paulo contra aqueles que, repetidas vezes, foram chamados de “bandidos”, “marginais” e “criminosos” pelo apresentador.
 
A cobertura, feita em junho do ano passado, foi objeto de representação elaborada pelo Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação e pela ANDI – Comunicação e Direitos ao Ministério Público Federal em São Paulo. As organizações apontaram que houve desrespeito à presunção de inocência e incitação à desobediência às leis ou decisões judiciais. No texto, foram descritas as cenas e também as leis desrespeitadas pelo canal, em especial a Constituição Federal, que veda a veiculação de conteúdos que violem direitos humanos e façam apologia à violência, e o Código Brasileiro de Telecomunicações, que determina que “os serviços de informação, divertimento, propaganda e publicidade das empresas de radiodifusão estão subordinados às finalidades educativas e culturais inerentes à radiodifusão” (Art.38, d).
 
Agora, o Ministério Público Federal ajuizou ação civil pública contra a Rede Record e a União. O órgão pede que a emissora transmita uma retratação, por dois dias úteis, mostrando não compactuar com o comportamento hostil e com a incitação à violência perpetrada por Marcelo Rezende. Em caso de descumprimento, o grupo deverá pagar multa de R$ 97 mil por dia. O MPF requer ainda que a União cumpra com o seu dever e fiscalize o programa.
 
As medidas são importantes para enfrentar a perversidade praticada todos os dias pelos chamados programas policialescos. Não é mais possível calar diante de conteúdos midiáticos que se valem de uma concessão pública para ir ao ar e, então, violar direitos de forma sistemática, como comprova pesquisa realizada pela ANDI em colaboração com o Intervozes, a Artigo 19 e o Ministério Público Federal. O estudo* aponta que pelo menos 12 leis brasileiras e 7 tratados multilaterais são desrespeitados cotidianamente por esses programas, entre eles a Declaração Universal dos Direitos Humanos.

(mais…)

DEFESA CIVIL DE SALVADOR SELECIONA ESTAGIÁRIOS DE JORNALISMO

estagioA Defesa Civil de Salvador abriu processo seletivo simplificado para preencher duas vagas de estágio no seu setor de comunicação. As oportunidades são para estudantes de jornalismo que já tenham completado pelo menos 50% do curso. A bolsa mensal será de R$ 1.182 por jornadas diárias de seis horas.

As inscrições devem ser realizadas amanhã (26) e quarta-feira (27), na sede do órgão, na Avenida Mário Leal Ferreira, 80, no Bonocô, das 8h às 11h30min e das 13 às 16h30min.

Para obter mais informações, escreva para [email protected]

MADRE THAÍS APRESENTA NOVOS BIOMÉDICOS

Primeira turma de biomédicos da Faculdade Madre Thaís. Imagem: Jonildo Glória.
Primeira turma de biomédicos da Faculdade Madre Thaís. Imagem: Jonildo Glória.

A Faculdade Madre Thaís realizou sábado (23) a cerimônia de formatura da sua primeira turma de biomédicos. O Centro de Convenções de Ilhéus foi o palco escolhido para a solenidade que reuniu professores, diretores da faculdade e amigos e familiares dos novos bacharéis.

“Hoje vocês saem com um diploma. São os primeiros biomédicos formados pela Faculdade Madre Tháis, com a vantagem de terem um curso já reconhecido pelo MEC. E não tenho dúvidas que o ensino de qualidade proporcionado, a prática vivenciada nos estágios e principalmente a dedicação de cada um de vocês, mesmo diante das dificuldades enfrentadas, possibilitarão as bases para voos mais altos”, discursou a professora Ana Paula Adry, coordenadora do curso.

Os novos biomédicos são: Aline Oliveira da Silva, Allana Barbosa Santos Menezes, Anderson de Oliveira Pinto, Áquila Lima Menezes, Gabriel dos Santos Rocha, Mariana Moreira Andrade, Micheilla Batista dos Santos Reis,  Milena Mara Argôlo Cristo, Renan Barbosa de Carvalho, Sand Santana França e Sandra Soares de Santana.

TERCEIRIZADOS DAS ESCOLAS ESTADUAIS COBRAM SALÁRIOS ATRASADOS

caloteFonte deste blog informa que porteiros, merendeiras e auxiliares administrativos da rede estadual de ensino em Ilhéus ainda não receberam os salários de dezembro e novembro. Eles foram contratados pela Locserv para prestar serviços ao governo da Bahia.

Segundo a fonte, além dos salários, a Locserv não pagou os valores referentes ao INSS e ao FGTS desses meses.

Os atrasos afetam as condições de subsistência das famílias dos empregados. Além disso, quando telefonam para a sede da Locserv, não são atendidos. Eles temem que a companhia feche as portas sem quitar suas pendências trabalhistas.

PF E PM DESTROEM ALDEIA INDÍGENA NO PRADO

Imagem: CIMI.
Imagem: CIMI.

A informação é da Rádio Yandê. De acordo com o veículo, no último dia 19, a ação de reintegração de posse realizada por policiais federais e militares destruiu o posto de saúde, a escola e moradias da Aldeia Cahy, no distrito de Cumuruxatiba, no município de Prado, litoral sul da Bahia. A comunidade é habitada pelo Povo Pataxó. Apesar do mandado judicial e da truculência das polícias, os indígenas pretendem resistir no local.

Relatório da FUNAI publicado em julho de 2015 reconheceu a área de 28 mil hectares como a Terra Indígena Comexatibá. A Portaria 1018 foi expedida pela Presidência da República no dia 16 de junho de 2015.

Segundo a Rádio Yandê, o território ocupado tradicionalmente pelos indígenas é alvo da especulação imobiliária e de empreendimentos turísticos.

Entidades estudantis, docentes e indígenas publicaram nota de repúdio à truculência da ação policial. Leia a íntegra.

NOTA DE REPÚDIO A AÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL NA COMUNIDADE DE COMEXATIBA KAÍ PEQUÍ PATAXÓ

Nós, aliados da luta indígena, viemos por meio dessa nota REPUDIAR E DENUNCIAR a violência da ação truculenta da Polícia Federal a mando da União com uma ação judicial de reintegração de posse da Terra Indígena Comexatiba Kaí Pequí Pataxó, área que fica localizada no distrito de Cumuruxatiba no Prado, Bahia na tarde de 19 de janeiro de 2016. Tal atividade do Estado demonstra um TOTAL DERESPEITO com as Comunidades e demandas Indígenas bem como a prática de RACISMO AMBIENTAL dentro das instituições governamentais, uma vez que no dia 27 de julho de 2015, o mesmo Governo Federal através da FUNAI reconhece e aprova o território (28 mil hectares, onde vivem cerca de 732 pessoas) como Terra Indígena no Diário Oficial da União, processo: 08620.015274/2014-48, como reproduzimos abaixo:

(mais…)

IBEC ABRE MATRÍCULAS PARA CURSO DE SEGURANÇA NO TRABALHO

segurança-do-trabalhoEm resolução publicada no último dia 18, o Conselho Estadual de Educação autorizou o Instituto Brasileiro de Educação, Ciência e Tecnologia (IBEC) a iniciar as atividades do seu novo curso de segurança no trabalho.

O setor está em grande expansão devido às exigências legais que visam garantir a segurança do trabalhador. Por isso, o técnico formado pelo Ibec terá direito ao registro profissional no CREA e na DRT.

Para o professor Reinaldo Soares, depois de uma espera de três anos desde a solicitação, a abertura do curso “é uma grande satisfação, pois continuaremos possibilitando a qualificação profissional de jovens e adultos de Ilhéus e todo o sul da Bahia”. O Ibec já oferecia os cursos de Logística, Hospedagem e Eletrotécnica. Formou cem alunos nos últimos quatro anos.

O curso de segurança no trabalho tem duração de 17 meses, com aulas teóricas e práticas de segunda a sexta-feira, nos turnos vespertino e noturno.

As matrículas estão abertas na sede do IBEC, situado na Rua Maria Quitéria, centro de Ilhéus (antiga fábrica do Café Polar). O horário de atendimento vai das 14 às 22h. Entre em contato pelo telefone (73) 3633-3205 ou WhatsApp 98877-2914.

ILHEENSE GANHA CARRO NOVO EM SORTEIO DA APAE

Rafael Pererei levou a sorte grande.
Rafael Pererei levou a sorte grande.

Rafael Pereira comprou bilhetes do Apae Noel para ajudar a Apae e levou a sorte grande. Um dos seus cartões foi o selecionado num sorteio nacional, o que lhe valeu um Fiat Uno Vivace novinho, avaliado em R$ 26.756,09.

“Eu coloquei vários bilhetes no bolso da camisa para ajudar a vender. Acabei me esquecendo de vender, e no final do dia os bilhetes estavam no bolso da camisa. Decidi preencher logo e entreguei no último momento para concorrer ao sorteio”, lembrou o empresário ilheense.

O Apae Noel também será realizado em 2016. “A Apae de Ilhéus está muito feliz com o resultado. Em nome do presidente Albervan Neves de Almeida, agradeço a todos que compraram e venderam os bilhetes para ajudar a Apae, uma instituição que oferece serviços para pessoas com deficiência intelectual e múltipla”, declarou Vitória Penalva,  diretora geral da instituição no município.