ATO LEMBRA MORTE DE THAYNÁ VERENA E PEDE “A VERDADE”

Imagem: Blog do Thame.
Imagem: Blog do Thame.

Familiares e amigos de Thayna Verena, que faleceu em Ilhéus no último dia 16, realizaram um ato público para lembrar a morte da adolescente de 16 anos e exigir “a verdade” sobre as circunstâncias em que ela morreu.

A manifestação começou no final da tarde de quarta-feira (27), em frente ao prédio Pantheon, onde Thayná esteve na madrugada da sua morte. Segundo o namorado dela, Rodrigo Lavigne, a adolescente se jogou do carro em movimento que ele dirigia na Avenida Soares Lopes. A família de Verena não acredita que ela seria capaz de fazer isso.

Depois, já à noite, os manifestantes caminharam por ruas do centro de Ilhéus e seguiram para a porta da delegacia (7ª Coorpin) para cobrar agilidade da Polícia Civil na condução do inquérito sobre o caso.

Com informações do Blog do Thame.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *