EMPRESÁRIO FAZ ATAQUES PESSOAIS CONTRA SECRETÁRIO MUNICIPAL

Zito Flores.
Zito Flores.

Opinião do Blog.

O empresário Adrián Flores (Zito) tem feito ataques pessoais no Facebook a um familiar de um secretário da Prefeitura de Ilhéus. Como publicamos em novembro de 2015, ele afirma que o governo Jabes Ribeiro iniciou uma perseguição contra sua empresa – lembre aqui. Por outro lado, Flores faz declarações que se distanciam do debate público e abaixam ainda mais o nível da política ilheense.

Optamos por não identificar o secretário para não dar maior repercussão ao ataque.

Na opinião deste blog, se o empresário identifica indícios de perseguição ao seu negócio, o caminho civilizado para o embate é o poder judiciário.

Além disso, se faz oposição ao governo, que o faça dentro dos princípios da grande política, com questionamentos sobre a forma como a gestão executa o poder público.

São desnecessários os ataques a quem nada tem a ver com os problemas da gestão. Eles só contribuem para a hegemonia da pequena política no espaço público ilheense.

Caso continue a agir desse modo, Zito pode alimentar do outro lado o sentimento de que ele realmente merece ser perseguido. Assim, os exageros só tendem a aumentar dos dois lados.

Cabe lembrar que  fakes (perfis falsos) do Facebook também são usados por pessoas (que defendem o governo) para fazer ataques pessoais contra quem não concorda com certas atitudes da gestão ou se posiciona abertamente contra ela. Também criticamos e denunciamos essa postura – lembre aqui.

Não temos nada contra o empresário nem somos defensores do governo, mas, tudo o que a política ilheense menos precisa é de posturas rasas.

ERRO: NÚMERO DO PLANTÃO CONTRA O AEDES CAI NA CASA DE IDOSA

Além de erro ortográfico, cartaz informa número errado.
Além de erro ortográfico na acentuação, cartaz informa número errado.

A Prefeitura de Ilhéus divulgou ontem (19) os números telefônicos para denúncias sobre focos de reprodução do mosquito Aedes aegypti. O problema é que um dos telefones disponibilizados (3634-2031) é de uma idosa que mora no bairro Malhado.

Dona Elisabete não aguenta mais. Quer um fim imediato para as dezenas de chamadas que tem recebido por causa do erro. Foram mais de setenta nas últimas vinte e quatro horas.

Não sabemos se a informação errada partiu das secretarias de saúde e de comunicação ou da agência de publicidade contratada pelo município, a Agência M21.

Comentário do Blog.

Esse tipo de erro grosseiro indica como o planejamento do combate ao mosquito tem sido tocado em Ilhéus. Cabe lembrar que o próprio prefeito Jabes Ribeiro (PP) assumiu a coordenação do trabalho. Seria cômico se não fosse trágico. Que Deus nos ajude!

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE 20 VAGAS DE EMPREGO

Confira abaixo as vagas disponíveis segunda-feira (22) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Manicure

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 3 meses de experiência

  • 03 vagas

Arrumador de Hotel

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • CNH A

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

Padeiro

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 6 meses de experiência

  • 01 vaga

(mais…)

CONCURSO DA PREFEITURA DE ILHÉUS: CANDIDATOS NÃO CONSEGUEM CONFIRMAR INSCRIÇÃO

concursosCandidatos com deficiência informaram a este blog que enfrentam dificuldade para enviar documentos exigidos pelo edital do concurso da Prefeitura de Ilhéus. Por isso, ainda não conseguiram confirmar a inscrição.

Segundo eles, quando enviam a documentação para o e-mail informado no edital, recebem a seguinte mensagem de erro: Esta é uma notificação de status de entrega gerada automaticamente. A entrega para os seguintes destinatários falhou”.

Entramos em contato ontem (19) com a Consultec, responsável pelo certame. Por e-mail, em resposta ao questionamento sobre a mensagem automática de falha, a empresa repetiu apenas a informação presente no edital:

 – Conforme Edital n.02/2016 4.2.6 No ato da inscrição, o candidato deverá declarar ser pessoa com deficiência, especificá-la e indicar se deseja concorrer às vagas reservadas. Para tanto, deverá encaminhar, durante o período estabelecido à CONSULTEC/Concurso Público, pelo e-mail – [email protected]consultec.com.br.

Caso a Justiça não suspenda o certame, o prazo para inscrições vai acabar nesse domingo (21). Leia mais sobre o assunto aqui.

CONCURSO: MPE EXPÕE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO JABES

Vice-prefeito Carlos Machado (Cacá) e o prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Vice-prefeito Carlos Machado e prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Por Thiago Dias

O Pimenta foi o primeiro veículo a alertar sobre os erros do edital do concurso da Prefeitura de Ilhéus. O equívoco mais grosseiro: o documento nega o direito à isenção da taxa de inscrição mesmo a quem ele é garantido por decreto presidencial (nº 6.593/2008). O Blog do Gusmão repercutiu a notícia – lembre aqui.

O município teve tempo para corrigir o edital. Publicou erratas para outros pontos, mas, manteve o impedimento para a isenção.

Ironicamente, no dia 20 de janeiro, o secretário de administração Ricardo Machado disse ao radialista Vila Nova (O Tabuleiro, Conquista FM) que o governo suspendeu o edital para fazer correções e incorporar as recomendações pertinentes.

O novo edital, porém, continuou a negar a isenção. E esse foi o erro sobre o qual mais se falou na imprensa e nas redes sociais. Parece que os ouvidos e olhos dos gestores foram acometidos por um bloqueio seletivo (talvez psicológico), que os impediu de escutar e ver os apelos publicados em diversos canais.

Resultado? O Ministério Público do Estado pediu a suspensão do edital para que a Justiça obrigue o governo Jabes Ribeiro a cumprir a jurisprudência que rege os concursos públicos.

Agora não é “só” a imprensa a apontar os erros do edital. O MPE expôs a incompetência do governo Jabes Ribeiro. Como órgão autorizado constitucionalmente a zelar pelo respeito à legislação, o Ministério Público tenta mostrar aos gestores municipais que o território ilheense não é uma ilha à margem da lei.

Thiago Dias é comunicólogo e colaborador deste blog.

MPE ACIONA JUSTIÇA PARA SUSPENDER CONCURSO DA PREFEITURA DE ILHÉUS

277_sO promotor do Ministério Público do Estado da Bahia, Frank Monteiro Ferrari, ajuizou quinta-feira (18) ação civil pública para solicitar a suspensão imediata do concurso da Prefeitura de Ilhéus. A informação é do blog Pimenta.

Conforme o blog, o promotor de Justiça apontou duas irregularidades no edital do certame: a proibição da isenção da taxa de inscrição mesmo para candidatos pobres e a exigência ilegal de comprovação de dois anos de prática forense para o cargo de procurador municipal.

O representante do MPE também solicitou que o prazo para inscrições seja reaberto por pelo menos quinze dias, período em que os candidatos poderão requisitar a isenção da taxa.

Caso o judiciário negue a suspensão do concurso, o prazo para inscrições vai acabar nesse domingo (21) – lembre aqui.

COELBA INVESTE R$ 3,2 MILHÕES NA REDE DE ILHÉUS

Menor-Aprendiz-Coelba-2014-Inscrição-DicasApós protestos e reclamações dos usuários, a Coelba iniciou uma série de investimentos na rede elétrica de Ilhéus, conforme nota divulgada ontem (19) pela concessionária administrada pelo Grupo Neoenergia.

De acordo com a Coelba, R$ 2 milhões serão aplicados na construção de uma nova linha de alta tensão, “além de outros investimentos em obras e equipamentos que dotarão de maior qualidade e confiabilidade o fornecimento de energia”.

A concessionária já instalou treze religadores e, até o final do próximo mês, vai instalar mais 21 equipamentos desse tipo, que são utilizados para dinamizar a religação da rede elétrica após interrupções do fornecimento. Leia a nota.

(mais…)