QUAL DEMOCRACIA?

Em tradução livre, o cartaz diz "democracia não encontrada".
Em tradução livre, o cartaz diz “democracia não encontrada”.

Outro dia escutei um cozinheiro que reuniu as aves: as galinhas, os gansos, os pavões, os faisões e os patos. E eu escutei um pouco o que o cozinheiro dizia para elas. O cozinheiro perguntava com que molho elas queriam ser comidas. Uma das aves, uma humilde galinha disse: “Nós não queremos ser comidas de maneira nenhuma. O cozinheiro esclareceu: “Isso está fora de questão.”. Eu achei esta reunião muito interessante porque é uma metáfora  do mundo. O mundo está organizado de uma forma tal que temos o direito de escolher o molho com que seremos comidos.

Eduardo Galeano

Maira 3Por Maíra Mendes

Os recentes acontecimentos parecem ter colocado o Brasil numa espécie de novela, ou, mais atualmente, num seriado político que se pode acompanhar ao vivo. A conjuntura parece a alguns ter virado os pólos magnéticos da Terra, deixando atônitos e confusos aqueles se acostumaram a viver um glorioso mar de estabilidade. Como nossa cultura de debate político ainda não sabe conviver com diferença de opinião, muitas vezes o caminho da violência e da mediocridade argumentativa procura esconder uma dificuldade de colocar em suspenso o que se parecia, há tão pouco tempo, sólido.

A grande armadilha política me parece agora o que se entende por democracia. Possivelmente um conjunto significativo desistiram da leitura do título deste texto, pelo simples fato de democracia vir seguida de um ponto de interrogação. Quem ousaria colocar a democracia em dúvida? A democracia precisa ser uma certeza! Não se pode hesitar em defesa da democracia. Com exceção de um punhado de viúvas da ditadura, quem seria contra a democracia?

Aí é começa a dificuldade: para quem sempre teve a justiça ao seu lado, as movimentações de um setor do judiciário são graves. Levantam argumentos que poucos compreendem. Vemos um brandir ensandecido de artigos, parágrafos e incisos constitucionais bradados de eloquentes togas em todos os espectros políticos possíveis. Normalmente falam em presunção de culpa, grampos ilegais, personalismo de juristas, atentado ao Estado Democrático de Direito com letras maiúsculas. Para quem sempre teve a justiça ao seu lado, estamos vivendo o fim dos tempos.

Sinto muito aos amigos juristas, mas das especificidades jurídicas eu não compreendo. Acho que não sou a única. Mas alguma coisa sobre democracia posso me arriscar a dizer, ou ao menos sobre a falta dela.

(mais…)

MADRE THAÍS APRESENTA NOVOS ADMINISTRADORES E LOGÍSTICOS

Imagem: Jonildo Glória.
Imagem: Jonildo Glória.

O Centro de Convenções de Ilhéus sediou no último sábado a solenidade de formatura dos novos administradores e tecnólogos em logística formados na Faculdade Madre Thaís. O diretor geral da faculdade, Eusínio Lavigne, e a diretora acadêmica Tatiana Barcelos prestigiaram a cerimônia, assim como os professores Elba Karla, Denício Ferreira e José Freitas e a secretária acadêmica Roberta Nascimento.

Os novos administradores são: Aline Silva Barreto, Carla Santos Maia Araujo, Débora Ângela dos Anjos Costa, Itana Pereira de Santana, Jhessica Illana da Silva Baptista, Lays Batista Dias, Marcio Santos da Conceição, Naiane Menezes Pereira, Sânio Moreira de Oliveira, Suzana Virginia Nascimento de Jesus, Viviane Batista de Jesus, Viviane Castro de Silva e Viviane Lorenço Santana. 

A nova turma de logísticos é composta por: Daniel Magalhães Ribeiro de Souza, Elaine Guimarães de Jesus, Flávia Rodrigues Souza, Jaqueline Santos de Jesus, Juliana da Cruz de Azevedo, Maiana Silva Campelo, Soraia Santos Souza e Vilma Silva do Nascimento Lavigne.

Na quinta-feira (17), a faculdade já havia realizado a formatura sem solenidade dos graduados em logística, administração, enfermagem e biomedicina.

OBRAS DA NOVA PONTE VÃO RECOMEÇAR EM ABRIL

nova ponte ilhéus pontalSegundo a Prefeitura de Ilhéus, durante reunião em Salvador na última quinta-feira (17), o governador Rui Costa (PT) informou ao prefeito Jabes Ribeiro (PP) que a construção da nova ponte entre o centro ilheense e o bairro Pontal vai ser retomada até o fim de abril.

Depois da desistência da Constran/UTC Engenharia, a OAS venceu o processo licitatório para recomeçar a obra. De acordo com o governador, o reinício dos trabalhos só depende da superação de barreiras burocráticas.

Conforme o planejamento inicial, a obra deveria ter sido inaugurada em junho de 2015. O atraso gera desconfiança em parte da população. Não é raro encontrar adesivos com a pergunta “cadê a nova ponte?” em carros que circulam na cidade.

GENTE BARATA NO JOGO DE LINGUAGEM

Na capa da Piauí, expressão de outra matéria pode ser lida como legenda para "beijo" de Cunha e Temer: "gente barata".
Na capa da Piauí, expressão pode ser lida como legenda para “beijo” entre Cunha e Temer: “gente barata”.

Por Thiago Dias

A capa da edição de janeiro da revista Piauí (112) mostrou uma charge em que o vice-presidente da República, Michel Temer, e o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, aparecem se beijando. O desenho da artista russa Nadia Khuzina fez referência ao cumprimento entre o então presidente da Alemanha Oriental, Erich Honecker, e o líder soviético Leonid Brejnev, durante encontro em 1979.

Na edição de fevereiro, a Piauí publicaria reportagem abrangente (O Plano Temer) sobre “o namoro do PMDB com o impeachment”, assinada pela repórter Julia Dualibi. Um mês depois da imagem do beijo, a palavra namoro no subtítulo da matéria sintetizou o plano que pode levar o PMDB a ocupar oficialmente o comando do Executivo Federal. O presidente do Senado, Renan Calheiros, já dialoga com lideranças do PSDB sobre um fabuloso Governo Temer.

(mais…)

RELATOR DA LAVA JATO NO STF, TEORI FAZ CRÍTICAS A SERGIO MORO COM COLEGAS

Teori Zavascki. Imagem: Agência Brasil.
Teori Zavascki. Imagem: Agência Brasil.

Da Folha de S. Paulo

O ministro Teori Zavascki, relator da Operação Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), tem feito críticas ao juiz Sergio Moro com outros colegas.

INTIMADO
O comportamento do juiz em alguns episódios tem merecido ressalvas também de outros magistrados. Além de Marco Aurélio Mello, que condenou a condução coercitiva de Lula para prestar depoimento, a ministra Cármen Lúcia, de forma mais moderada, também já opinou que tal medida só seria cabível a investigados já intimados e que se negaram a comparecer. O que não era o caso do ex-presidente.

VIDA PRIVADA
Dois outros ministros dizem que o uso dos grampos autorizados por Moro em Lula aparentemente não seguiu rigidamente as regras. A lei de interceptações telefônicas diz que todo e qualquer diálogo de um investigado que não contenha indício de crime deve ser “destruído por determinação da decisão judicial”.

VIDA PRIVADA 2
A medida deve ser seguida à risca, já que a quebra do sigilo está prevista exclusivamente para a investigação de crimes e não para devassar a intimidade do investigado. Ao levantar o sigilo de todas as gravações telefônicas, inclusive de conversas familiares, Moro divulgou até mesmo diálogo de Marisa Letícia com um de seus filhos, Fabio, xingando os panelaços.

(mais…)

PREFEITURA DE ILHÉUS DISPENSA LICITAÇÃO PARA CONTRATO DE R$ 478 MIL

muito dinheiroO prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro (PP), homologou o contrato de R$ 478.294,68 firmado com a Guardianseg por meio da dispensa de licitação número 7737/15. O governo publicou os dados do negócio no Diário Oficial de sexta-feira (18) – acesse aqui.

Como a prefeitura optou por essa modalidade de contratação, a Guardianseg Segurança Patrimonial e Industrial LTDA – ME faturou o contrato vultoso sem concorrência. Segundo o governo, essa opção se baseou na lei que regulamenta os processos licitatórios (8.666/1993).

GOVERNO JABES CANCELA ENTREGA DE PEIXE APÓS RECOMENDAÇÃO DO MP

Prefeito Jabes Ribeiro e o vice-prefeito Carlos Machado (Cacá). Imagem de arquivo: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Prefeito Jabes Ribeiro e o vice-prefeito Carlos Machado (Cacá). Imagem de arquivo: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Após recomendação do Ministério Público Estadual, o governo Jabes Ribeiro decidiu cancelar a distribuição de peixe que havia planejado para a Semana Santa. A Prefeitura de Ilhéus confirmou a informação em nota divulgada sexta-feira (18).

De acordo com o governo, a posição do Ministério Público se baseou em informações prestadas pela Associação dos Professores Profissionais de Ilhéus (APPI).

Ainda segundo o texto, o sindicato usou “inverdades” na representação enviada ao MP. Para o governo, a atitude da APPI partiu de “motivações políticas que acabam por prejudicar a população.”.

O governo não direcionou nenhuma crítica ao Ministério Público, apesar de defender a legalidade da distribuição que cancelou. Concentrou seus ataques no sindicato.

Comentário do Blog.

Como se sabe, a recomendação do MP não tem a força de uma decisão da Justiça. Se o governo afirma que a distribuição do peixe teria embasamento legal, por que desistiu? Isso a nota publicada no site da prefeitura não explicou. Leia a íntegra.

“O Prefeito Jabes Ribeiro torna público que acolheu a recomendação do Ministério Público Estadual, a pedido da APPI – Associação Profissional dos Professores de Ilhéus – e determinou a suspensão da tradicional distribuição do “peixe” no período que se aproxima à “Semana Santa” para a população carente do Município.

A distribuição de alimentos é parte integrante de programas sociais previstos na Lei 3.763/2015, que atualizou regras estabelecidas em normas anteriores, que tem como objetivo prover a população carente de alimentos em períodos tidos como fundamentais, a fim de proporcionar um mínimo de dignidade às pessoas que não têm condições financeiras.

A determinação de suspensão acata Recomendação de nº 03-03/2016 do Ministério Público do Estado da Bahia, expedida em função de solicitação da APPI/APLB, Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Ilhéus, representada pelos diretores Osman Nogueira Júnior e Enilda Mendonça.

Convicto de que não há qualquer ilicitude no procedimento realizado, tendo em vista a expressa previsão legal e sendo a distribuição pautada por critérios objetivos e impessoais, a decisão tem por objeto atender ao Ministério Público Estadual, diante das inverdades colocadas pela direção da APPI, por motivações políticas que acabam por prejudicar a população.

Por fim, lamenta profundamente não poder atender a parcela da população mais carente, sobretudo nesta quadra de graves dificuldades econômicas, mas certo de que continuará lutando em prol deste benefício importante para os mais necessitados.”

COLO-COLO PRECISA DE VITÓRIA PARA EVITAR QUEDA

Imagem: Alfredo Filho-Secom-Ilhéus.
Imagem: Alfredo Filho (Secom-Ilhéus).

O Colo-Colo faz uma campanha muito ruim no Campeonato Baiano de 2016. Nesse domingo (20), recebeu o Vitória da Conquista em Ilhéus para o primeiro confronto das duas equipes no duelo contra o rebaixamento. O placar do Estádio Mário Pessoa não saiu do zero.

O empate manteve a vantagem do Conquista. O time do sudoeste se classificou à frente do Colo-Colo. Por isso, só precisa de mais um resultado igual para se livrar da queda. Já ao Tigre ilheense só interessa a vitória para não amargar uma volta à segunda divisão do futebol baiano.

O segundo jogo será no próximo domingo (27), em Vitória da Conquista. O retrospecto recente mostra que o Colo-Colo tem uma missão muito difícil. O Bode tem sido um adversário duro para o Tigre. Venceu o penúltimo confronto entre as duas equipes por quatro a um.

Antes do início do campeonato, no dia 13 de janeiro, editorial deste blog questionou se a eleição de Raimundo Borges para a presidência do Colo-Colo poderia colocar em risco a permanência do Tigre na primeira divisão do estadual.

Raimundo pertence ao grupo político do prefeito Jabes Ribeiro (PP), cujo governo (principalmente o secretário de obras Isaac Albagli) sonha em transformar o Estádio Municipal Mário Pessoa num shopping center. A possível queda do Colo-Colo para a segunda divisão, que agora parece provável, poderá abrir caminho para os sonhos embalados nos bastidores do jabismo.

OBSERVATÓRIO SOCIAL DE SANTO ANTÔNIO DE JESUS É EFETIVO. O DE ILHÉUS SUMIU

observatório socialO Observatório Social de Santo Antônio de Jesus divulgou na semana passada que a Câmara de Vereadores pretende gastar R$ 273 mil em 2016 com o abastecimento dos seus quinze carros.

O aumento significativo do valor do contrato em ano de eleições causou estranheza. Segundo o Observatório, a Câmara gastou R$ 282 mil somando os custos com combustíveis em 2013, 2014 e 2015. Ou seja, o legislativo estimou para 2016 um gasto quase equivalente à soma dos últimos três anos.

A informação repercutiu na cidade, veiculada por emissoras de rádio e páginas da internet, como o Blog do Valente.

A notícia fez o Blog do Gusmão lembrar do Observatório Social de Ilhéus. Fundada em dezembro de 2012, a seção ilheense foi reativada em setembro de 2014, no entanto, não seguiu em frente. Para se ter ideia, a última atualização da sua página no Facebook ocorreu há mais de um ano, em fevereiro de 2015.

A saída de Morgana Krieger do Instituto Nossa Ilhéus, no final de 2013, é apontada como um dos fatores que explicam a falta de continuidade do projeto no município. A ex-diretora administrativa do INI era uma das entusiastas do Observatório na cidade.

Cabe lembrar que os núcleos do Observatório Social (espalhados por várias cidades brasileiras) funcionam com o trabalho de voluntários.

PT SE ARTICULA PARA ELEIÇÕES EM ILHÉUS

Imagem: Ed Camargo.
Imagem: Ed Camargo.

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores realizou sábado (19) em Ilhéus um seminário de formação para os novos membros e os pré-candidatos da sigla ao cargo de vereador. O Centro de Convenções sediou o encontro.

Sara Mercês, especialista em direito público e eleitoral e assessora jurídica do PT, falou aos participantes sobre as mudanças trazidas pela lei 13.165 (2015) que já vão valer para as regras das eleições de 2016.

A presidenta do diretório do PT em Ilhéus, professora Carmelita, participou do seminário e discursou sobre a crise que o partido enfrenta. Segundo ela, o objetivo do encontro também foi reafirmar para os novos filiados o compromisso da legenda com a democracia e os avanços socioeconômicos conquistados pelo Brasil nos últimos treze anos.

Carmelita é o principal nome do PT para a disputa da Prefeitura de Ilhéus. Os petistas são aliados do grupo da deputada estadual Ângela Sousa (PSD). Os dois grupos políticos podem ganhar força caso obtenham o apoio do deputado federal Bebeto Galvão (PSB-BA). A hipótese ganhou destaque nos bastidores, porque o parlamentar dá sinais de que não pretende disputar o comando do executivo ilheense em outubro.