BARRAGENS PRIVADAS PREJUDICAM CAPTAÇÃO DE ÁGUA NA REPRESA IGUAPE

Represa Iguape. Imagem: Blog Agravo.
Represa Iguape. Imagem: Blog Agravo.

A denúncia é do fotógrafo e memorialista José Nazal (Rede Sustentabilidade). Ontem (19), por telefone, ele divulgou a informação no programa do radialista Gil Gomes (Rádio Santa Cruz AM). O Blog Agravo repercutiu a notícia.

Na segunda-feira (18) a Embasa iniciou racionamento de água em Ilhéus. O baixo nível da represa Iguape motivou a decisão. A denúncia de Nazal apontou outra fonte para o problema, além da estiagem que afeta o Sul da Bahia.

Segundo ele, dezenove barragens sem licenciamento ambiental retêm parte significativa da água que deveria seguir até a represa Iguape, usada pela Embasa para abastecer a zona norte e outros pontos de Ilhéus.

De acordo com José Nazal, a Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo de Ilhéus emitiu parecer técnico “absurdamente favorável ao empreendimento”. Ele teve acesso ao documento na unidade do Ministério Público do Estado da Bahia que funciona dentro da UESC.

Nazal explicou, no entanto, que esse tipo de intervenção sobre o curso dos mananciais só pode ser autorizada pelo Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, órgão da Secretaria Estadual de Meio Ambiente. Hoje ele voltou a falar sobre o assunto no programa de Gil Gomes. Ouça.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *