REFLITA SOBRE A RESPONSABILIDADE DO SEU VOTO

Leia o artigo de Diego Teles, estudante de psicologia e leitor do blog, sobre o voto consciente.
Leia o artigo de Diego Teles, estudante de psicologia e leitor do blog, sobre o voto consciente.

Por Diego Teles

Domingo próximo iremos às urnas exercer o nosso papel de cidadão, escolhendo os nossos representantes municipais. Que possamos assumir a responsabilidade deste ato, sem nos abster da nossa ativa participação no processo político democrático em que estamos inseridos. Participação esta que não se encerra na escolha de um candidato, sendo ela apenas uma das etapas de todo processo.

Primeiro, é preciso entender a função social exercida pelo candidato concorrente, ou seja, o que de fato faz um prefeito, vice-prefeito e um vereador. Depois, analisar criteriosamente o histórico político dos candidatos (de que adianta escolher um candidato por vã promessas, se o mesmo tem um histórico de quem promete mas não faz), os planos de governo (material disponível no site do TSE), assistir e analisar as posturas dos candidatos em debates (afinal, você está escolhendo aquele que irá te representar) e aí sim, levando em consideração a realidade sócio-histórica do município, escolher os candidatos que aparentemente exercerão suas funções visando o bem comum.

Independente dos candidatos vitoriosos, cabe a nós cobrá-los o exercício pleno de suas funções frente ao município. Cobrar ainda o cumprimento das propostas apresentadas em seus planos de governo (por isso guardem todo material escrito, áudios de campanha, vídeos de comícios e debates, entre outros), até que venham as próximas eleições e o processo se atualize novamente.

Foge ao meu conhecimento a origem das expressões: “Eu não suporto política!”, “Eu odeio política!”, “Política é um negócio chato!”. Contudo, certamente um bando de espertalhões fomentam e tiram proveito desses pensamentos, para se beneficiar às custas do povo.

Negligenciar a nossa participação na vida política do país, estado ou município, ou exercê-la de modo irresponsável nos torna parcialmente colaboradores do adoecimento populacional, nas esferas física e psicológica. Portanto, ainda há tempo de avaliar se os critérios que utilizou para fazer a escolha (se é que já fez a sua escolha) condizem com a responsabilidade que lhe foi imputada enquanto cidadão.

Diego Teles é estudante de psicologia.

ATENÇÃO! EVITE O BANHO DE MAR EM TRÊS PRAIAS DE ILHÉUS

A Concha está entre as praias nas quais o Inema não recomenda o banho de mar.
A Concha está entre as praias nas quais o Inema não recomenda o banho de mar.

A recomendação é do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema). As praias que devem ser evitadas são as do Marciano (próxima ao Bar Litrão), Cristo (próxima à Barraca Point Conde Badaró) e da Concha (em frente à barraca do Morro de Pernambuco).

O diagnóstico de balneabilidade é obtido por meio do recolhimento de amostras. O instituto divulgou os resultados dos últimos testes nessa sexta-feira (30). Todas as outras praias de Ilhéus têm condições normais para banho, no entanto, o mar deve ser evitado em dias chuvosos.

SEGUNDO MARÃO, “ALTO DO NERIVAL PRECISA DE OBRAS URGENTES”

Nazal e Marão enfatizam contraste entre a beleza do Alto do Nerizal e a vida dura do seu povo. Imagem: Clodoaldo Ribeiro.
Nazal e Marão enfatizam contraste entre a beleza do Alto do Nerizal e a vida dura do seu povo. Imagem: Clodoaldo Ribeiro.

Da assessoria do PSD

Na tarde dessa quinta-feira, 29, Marão conheceu um dos desafios que o seu governo terá que enfrentar logo no início de 2017. Ele viu de perto a dura realidade dos moradores do Alto do Nerival, na zona norte de Ilhéus.

A comunidade sofre com a falta de infraestrutura. O risco de deslizamento de terra ou desabamento é grande em vários pontos. Em determinada altura do morro, os moradores não contam sequer com escadaria. Muitas partes do alto também oferecem riscos associados à desorganização da rede elétrica e à ocupação desordenada do solo.

Imagem de Marcelo Silveira mostra o que restou de uma encosta no Alto do Nerival. Risco de desabamento é grande.
Imagem de Marcelo Silveira mostra o que restou de uma encosta no Alto do Nerival. Risco de desabamento é grande.

De acordo com o candidato a prefeito do PSD, a vista maravilhosa que se tem da cidade no morro contrasta com o sofrimento das pessoas que vivem nele. “O Alto do Nerival precisa de obras urgentes. Não vamos resolver tudo da noite para o dia. Mas o nosso governo não vai medir esforços para melhorar a vida nas comunidades mais carentes de Ilhéus”, explicou Mário Alexandre.

O candidato a vice-prefeito da coligação Juntos pra cuidar de Ilhéus, Nazal (Rede Sustentabilidade), também percorreu várias ruas do morro. “O Alto do Nerival é um retrato de Ilhéus, onde a beleza e abandono do poder público parecem travar um duelo constante”, concluiu.

CAMINHADA DE BEBETO REÚNE MAIS DE 5 MIL PESSOAS

Bebeto lidera caminhada com multidão no Centro de Ilhéus. Imagem: Jan Rocha.
Bebeto lidera caminhada com multidão no Centro de Ilhéus. Imagem: Jan Rocha.

Da assessoria do PSB

Uma multidão invadiu as principais ruas e avenidas do centro de Ilhéus na manhã desta sexta-feira, 30, para confirmar que Bebeto (PSB) é o favorito na corrida eleitoral deste ano. Foram mais de duas horas de caminhada, com passagem pelos calçadões da Jorge Amado, D. Pedro II, Marquês de Paranaguá e avenidas 2 de Julho e Soares Lopes. O encerramento foi aos pés da Catedral, na Praça Dom Eduardo. Durante o percurso, acompanhado de mais de cinco mil pessoas e ao lado do vice Luiz Uaquim, o candidato do PSB ficou ainda mais confiante da vitória nas urnas neste domingo, 2.

Bebeto ficou muito emocionado ao receber o carinho de trabalhadores e comerciantes no principal centro comercial de Ilhéus. Na Avenida Soares Lopes, ele foi carregado pelo povo que entoava a canção da vitória e recebeu acenos de moradores e funcionários de prédios. Da sacada, muitos gritavam: “não tem jeito, Bebeto é o prefeito”.  

Multidão acompanha Bebeto e Uaquim na Avenida Soares Lopes.
Uaquim e Bebeto recebem apoio popular na Avenida Soares Lopes.

A passagem de Bebeto pela Marquês de Paranaguá causou euforia nas comerciárias Andreia de Oliveira Soares e Viviane Costa de Souza. “A verdadeira pesquisa está aqui hoje. Essa multidão que invadiu o nosso centro. Estou triste porque não tive como me juntar à caravana e acompanhar o próximo prefeito de Ilhéus. Mas estou feliz porque Bebeto vai vencer e fará uma grande administração”, explicou Viviane Costa.

Aposentado

Já o aposentado Carlos Aberto Rodrigues, 71 anos, fez questão de destacar que vai votar no próximo domingo, mesmo não sendo obrigado. “Eu quero o melhor para Ilhéus. Por isso, vou escolher um prefeito preparado para executar as políticas públicas que o ilheense tanto precisa”, disse.

A caminhada da vitória foi encerrada com discurso em que Bebeto agradeceu o apoio que tem recebido em todos os cantos da cidade, nos altos, morros, vilas e povoados e distritos.  “É nessa pesquisa que eu acredito. Quem votar nas nossas propostas de governo não vai se decepcionar, pois me preparei para fazer o melhor governo da história de Ilhéus”, disse.  

CONFIRA AS NOVAS OPORTUNIDADES DE TRABALHO DO SINEBAHIA ITABUNA

Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis na segunda-feira (3).

A agência funciona na unidade modelo da Avenida Inácio Tosta Filho, centro. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Auxiliar de Linha de Produção

PCD (Pessoas com Deficiência)

Ensino Fundamental Completo

7 vagas

Mecânico

Ensino Médio Incompleto

Experiência mínima de 6 meses na função

1 vaga

Operador de Telemarketing

Ensino Médio Completo

150 vagas

(mais…)

BAHIA FORA DO HORÁRIO DE VERÃO

horario-de-veraoO governador Rui Costa (PT) confirmou ontem (29) que a Bahia não vai aderir ao horário de verão em 2016. Assim como nos últimos anos, a decisão se baseou em consulta popular.

Segundo o governo estadual, outro fator determinante é a baixa economia de energia elétrica, que não justificaria o desconforto de acordar mais cedo para trabalhar ou fazer outras atividades.

Rui Costa explicou que recebeu muitas demandas do meio empresarial para a Bahia aderisse. Ele disse que respeita a opinião do segmento, porém, a prioridade é garantir o bem-estar dos trabalhadores que querem preservar a sua rotina. “Não faz nenhum sentido um governador ir contra a opinião de 80% de seu povo”, enfatizou.

O horário de verão vai começar no dia 16 de outubro nos estados que aderiram.

BEBETO VISITA ZONA NORTE E SE REÚNE COM EMPRESÁRIOS

Bebeto e Uaquim. Imagem: Jan Rocha.
Bebeto e Uaquim. Imagem: Jan Rocha.

Da assessoria do PSB

Na reta final da campanha para prefeito de Ilhéus, Bebeto (PSB) teve agenda movimentada na quinta-feira, 29. O candidato a prefeito e o vice Luiz Uaquim (PMDB) visitaram os bairros da Barra e do São Miguel, na zona norte da cidade e, à noite, reuniram-se com empresários na Rua 7 de Setembro, no Centro. “Apresentamos nosso projeto com diversos setores da sociedade, priorizando sempre o diálogo. Vamos assumir a gestão e trabalhar pelo desenvolvimento”, disse Bebeto.

No bairro da Barra, Bebeto e Luiz Uaquim iniciaram a caminhada na Rua Guanabara. Eles estiveram nas comunidades do Cominho e do Corante, que não contam com saneamento básico, limpeza ou projetos sociais. A moradora Maria Luíza Silva mostrou aos candidatos parte do seu drama, um esgoto que há anos vem invadindo sua casa e, mesmo com inúmeras denúncias e queixas, o poder público não faz nada. “Ilhéus tem que mudar. Bebeto ganhou para deputado e será nosso prefeito”, disse a moradora da Rua do Corante.

São Miguel

Os candidatos da coligação “Ilhéus, nosso maior compromisso” também atravessaram a pé até o bairro São Miguel, que convive com o drama do avanço do mar, consequência da construção do Porto de Ilhéus, na década de 1970. “Vamos acionar o Ministério dos Portos e a Codeba para ressarcir os prejuízos dos moradores”, adiantou Bebeto. A moradora Saionara Santos levou os candidatos até a Rua Santa Luzia, que tem uma amendoeira centenária, cujas raízes estão apodrecendo. “Além do risco de cair, meu tio precisou trocar o telhado de sua casa duas vezes por causa dos galhos”.

Ainda na tradicional comunidade do São Miguel, que comemorou o dia de seu padroeiro nessa quinta-feira, Bebeto e Luiz Uaquim se depararam com os problemas rotineiros dos moradores e comerciantes: ruas lamacentas e sem pavimentação, falta de esgotamento sanitário e iluminação pública deficiente.

Os moradores do bairro convivem com falta de atendimento médico e de escola. O aposentado José Carlos Nascimento, morador da Rua Luiz Nery, manifestou apoio a Bebeto. “Temos que mudar e sei que ele pode fazer muito pelo povo”, declarou.

Em seguida, na noite, na Rua 7 de Setembro, no centro de Ilhéus, os candidatos Bebeto e Luiz Uaquim apresentaram o plano de governo para comerciantes, com destaque para áreas do turismo, comércio, educação, saúde e infraestrutura. Entre as prioridades do próximo prefeito está requalificação da Central de Abastecimento do Malhado.  Bebeto também reafirmou que vai fazer uma reestruturação administrativa, com diminuição dos cargos comissionados e valorização dos servidores do quadro efetivo.

TERCEIRIZADOS DEMITIDOS COBRAM SALÁRIO DE JULHO

Terceirizados: desempregados e sem FGTS.
Terceirizados: desempregados e sem FGTS.

Fonte deste blog afirma que mais de 150 pessoas que trabalhavam em escolas estaduais de Ilhéus ainda esperam o pagamento do salário do julho. Elas eram empregadas de empresas que prestavam serviços ao governo da Bahia. Foram demitidas ao final daquele mês, quando a gestão encerrou os contratos de diversas terceirizadas.

Na época, o governo explicou que o cancelamento dos contratos foi necessário para que novos vínculos fossem estabelecidos com base na lei estadual que atualizou as regras para esse tipo de contratação.

Segundo o governador Rui Costa (PT), as mudanças foram realizadas justamente para garantir direitos trabalhistas.

A fonte, no entanto, afirma que o governo se comprometeu a pagar o salário de julho e liberar o acesso ao seguro-desemprego, mas nada disso saiu do plano das ideias.

ECONOMISTA ANALISA O VALOR DO TRABALHO EM ILHÉUS

Calçadão Jorge Amado. Imagem: Arquivo/Sindatran.
Calçadão Jorge Amado. Imagem: Arquivo/Sindatran.

Sérgio Ricardo Ribeiro de Lima é professor do Departamento de Economia da UESC e um dos responsáveis pela elaboração da série de boletins com dados socioeconômicos de Ilhéus e Itabuna.

No artigo abaixo, o economista demonstra como a alta concentração de renda em Ilhéus está relacionada com o baixo valor do trabalho. Também apresenta explicação importante sobre o conceito de desenvolvimento dentro do debate socioeconômico. Leia.

Trabalho e renda em Ilhéus

Sérgio RicardoPor Sérgio Ricardo Ribeiro de Lima

O objetivo desse texto é trazer alguns dados sobre emprego e salário que norteiem algumas de nossas reflexões sobre a questão do desenvolvimento para o município de Ilhéus. Apresentaremos algumas variáveis que envolvem o conceito de desenvolvimento.

Alguns dados

A população de Ilhéus em 2010 (dados mais recentes do Censo) era de 184.236 habitantes, sendo 89.440 homens e 94.796 mulheres.

Desse total, a PEA (População Economicamente Ativa[1]), em 2010, representava 87.719 habitantes. Em termos porcentuais, representava 56,5% da população.

Embora esses dados estejam defasados, a realidade econômica do município não teve nenhuma mudança substancial que viesse a trazer mudanças tão consideráveis.

Trazendo informações mais atuais, os números para o mercado de trabalho em Ilhéus apontam, desde 2015 até junho de 2016, uma trajetória de queda, na qual o saldo do emprego (relação entre admissões e desligamentos) tem sido negativo. Para o 1º semestre desse ano, o município perdeu 1.083 empregos, enquanto em todo o ano de 2015 a perda foi de 789 empregos (Boletim de Conjuntura Econômica e Social de Ilhéus e Itabuna, disponível em caces.uesc.br, 2015-2016).

Segundo dados do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego, 2015), o total de SM (Salários Mínimos) do município em 2015 foi de 17.314,80 (este montante situa-se na faixa de intervalos salariais que vai de 0 a +20 SM). Desse total, 11.056,85 SM eram ocupados pelo sexo masculino e 6.257,95 pelo sexo feminino. Ainda sobre esse montante, 75% do total de SM situavam-se na faixa entre 0.5 < 3 SM (12.984,41SM). Desse total, 63% eram ocupados por homens e 37% por mulheres.

Quanto à distribuição do total de SM (17.314,80) por grau de escolaridade, 11.574,42 SM (66,8%) estavam nas mãos de pessoas com curso médio completo, 3.055,42 (17,6%) com pessoas de curso superior e 1.798,51 (10,3%) com pessoas com curso fundamental completo.

Agora quanto ao número de trabalhadores divididos por faixa salarial em 2015, de um total de 24.417, 10.362 recebiam entre 1 > 1.5 SM, 3.938 entre 1.5 < 2 SM, 2.796 entre 2 < 3 SM e 1.727 entre 0.5 < 1 SM. O número de trabalhadores no intervalo dessas faixas era de 18.823, o que representa 77% de trabalhadores recebendo entre 0.5 < 3 SM.

Do total de 18.823 trabalhadores naquele intervalo salarial, 10.415 eram homens e 8.408 mulheres. Quanto ao grau de instrução, do total de 24.417, 17.312 (70,9%) tinham o curso médio completo, 4.383 (17,9%) o curso superior, 449 ()1,8% doutorado e 344 (1,4%) mestrado, o que dá um total de 22.488 pessoas. Os demais situavam-se nos outros níveis de instrução.

A questão do desenvolvimento

(mais…)

DESVIO DA MERENDA ESCOLAR OU BOLSA FAMÍLIA PODE VIRAR CRIME HEDIONDO

desvio-merendaO Projeto de Lei 256/2015 propõe que o desvio de recursos destinados à merendar escolar ou ao Programa Bolsa Família seja transformado em crime hediondo. O autor da proposta é o senador Roberto Rocha (PSB-MA).

Quem comete crime classificado como hediondo enfrenta legislação penal mais dura, com maior tempo de prisão. Se a proposta virar lei, o desvio desse tipo de recurso vai ser igualado a crimes como os de estupro de vulnerável e latrocínio (roubo seguido de assassinato).

O site do Senado abriu consulta pública sobre o projeto. Clique aqui para manifestar a sua opinião.

Juristas favoráveis ao agravamento das penas para os crimes de corrupção argumentam que essa é uma maneira de tornar a prática ilícita menos atraente. A ideia é fazer com que o criminoso em potencial seja convencido de que o crime não compensa, porque será punido duramente.

Por outro lado, há os que desconfiam da eficiência de penas mais duras, pois seria muito impactante para a ordem jurídica expandir o alcance do conceito de crime hediondo. Acreditam que o melhor caminho é restringir critérios para a progressão dos regimes penais. Isso porque às vezes a pessoa condenada a seis anos de prisão fica menos de 24 meses no cárcere.

PESQUISA APONTA LIDERANÇA DE HERZEM GUSMÃO EM CONQUISTA

Herzem Gusmão e Zé Raimundo.
Herzem Gusmão e Zé Raimundo.

Segundo o Blog do Anderson, pesquisa eleitoral do Instituto Painel Brasil apontou que Herzem Gusmão (PMDB) tem 44.40% das intenções de voto na eleição para a Prefeitura de Vitória da Conquista. A segunda posição é de Zé Raimundo (PT – 26.30%), seguido por Arlindo Rebouças (PSDB – 5.50%), Fabrício (PC do B – 4.70%), Joás Meira (PSB -1.70%), Enoque Matos (PSOL – 0.30%), Não sabe (10.70%), Branco/Nulo (6.40%).

A pesquisa se baseia em mil entrevistas realizadas entre os dias 23 e 26 de setembro. A campanha do candidato Herzem Gusmão (CNPJ: 25468394000138) encomendou o levantamento ao Instituto Painel Brasil Informação Comunicação e Planejamento, que o registrou no sistema do Tribunal Superior Eleitoral (registro: BA-04064/2016) no último dia 22.

Conforme o blog, o instituto também ouviu o eleitorado sobre cenário de um provável segundo turno. Num confronto ente Hérzem Gusmão e Arlindo Rebouças, o placar seria de 48,20% para o peemedebista contra 20% do tucano; 31% não souberam responder. Na disputa com Fabrício, Herzem venceria com 50% dos votos contra 20% do comunista. Num embate com Zé Raimundo, Herzem também venceria com 49,50% dos votos contra 29% que votariam no petista. 21% não souberam opinar.

MULHERES RECLAMAM DE ASSÉDIO NA ORLA DO PONTAL

Calçada da Avenida Getúlio Vargas, na orla do Pontal. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Calçada da Avenida Getúlio Vargas, na orla do Pontal. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Uma mulher disse hoje (29) ao Blog do Gusmão que se sente mal quando é obrigada a lidar com atos de assédio durante a sua rotina de exercícios físicos na orla do Pontal, em Ilhéus.

Há duas semanas, outra mulher já havia revelado o mesmo desconforto ao blog. Decidiram dar visibilidade ao assunto para tentar sensibilizar as pessoas sobre a questão, especialmente os homens. 

Explicam que esse tipo de situação acaba por inibir a presença feminina em determinados locais. No caso da orla do Pontal, o problema é mais grave à noite, nos trechos mais isolados e mal iluminados.

ITABUNA SUPERA ILHÉUS EM MÉDIA DE ACESSO À CONSULTA PRÉ-NATAL

gravidaO acompanhamento médico é importante para uma gestação saudável. Mãe e feto necessitam de cuidados específicos. As consultas no período pré-natal servem a esse fim. Por meio delas, o obstetra avalia a necessidade da realização de determinados exames e orienta a gestante.

Itabuna tem se saído bem melhor que Ilhéus na disponibilização de consultas para o acompanhamento pré-natal. É o que indicam dados enviados por esses municípios ao Ministério da Saúde.

Levantamento divulgado no Encontro Território Litoral Sul Mais Sustentável, no início desse mês, mostra sequência histórica da média de acesso ao atendimento pré-natal em 26 municípios sulbaianos. Itabuna e Ilhéus estão entre eles.

A pesquisa considera o percentual de gestantes que foram atendidas pelo menos sete vezes durante a gestação. A responsabilidade de prestar esse serviço é das prefeituras, por meio das redes de atenção básica à saúde.

Em 2009, a média de Ilhéus foi de 16,55%. Caiu para 14,33% no ano seguinte e cresceu até 23,77% em 2011. Declinou de novo em 2012 para 21,93%. Desceu mais um pouco em 2013 (20,86%) e em 2014 registrou o pior resultado em quatro anos (20,00%).

A sequência das médias de Itabuna para os cinco anos considerados é a seguinte: 28,99%, 29,63%, 39,03%, 41,16%, 42,16% e 46,20%.

Os números indicam trajetória crescente em Itabuna. A de Ilhéus tem sido inconstante nesse quesito.

A sistematização e a divulgação dos dados são frutos da parceria entre o Instituto Nossa Ilhéus e o Instituto Arapyaú. A iniciativa segue as diretrizes do programa Cidades Sustentáveis.

DIVULGAÇÃO IRREGULAR DE PESQUISA ELEITORAL PODE RENDER MULTA DE R$ 106 MIL

Imagem do site do TSE mostra dados de registro da pesquisa. Clique na imagem para ampliar.
Imagem do site do TSE mostra dados de registro da pesquisa. Clique na imagem para ampliar.

Da assessoria do PSD

Atenção! Mesmo sem autorização da justiça eleitoral, certo grupo político desesperado pode divulgar pesquisa nessa sexta-feira (30). Qualquer pessoa que reproduzir os dados estará sujeita a receber multa de R$ 53.205,00 a R$ 106.410,00, conforme o artigo 17 da resolução 23.453/2015 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Essa resolução reúne as regras para a publicação de pesquisas eleitorais em 2016. De acordo com o seu 2º artigo, o levantamento deve ser registrado “com no mínimo cinco dias de antecedência da divulgação”.

O segundo parágrafo do artigo 2 ainda explica a contagem do prazo, que deve excluir o dia do início e incluir o do vencimento.

Por exemplo: uma pesquisa registrada no dia 27 de setembro só poderá ser divulgada legalmente no dia 3 de outubro. Esse é o caso do levantamento cuja divulgação pode ser antecipada pelo grupo desesperado. Como o registro foi efetivado na última terça-feira, os dados só poderão ser divulgados no dia seguinte ao da eleição desse domingo (2). Imagem acima mostra a informação explícita no site do TSE. Os mais desconfiados podem fazer a busca na página ou consultar um especialista em legislação eleitoral.

Muita gente pensa que redes sociais como o Facebook estão foram do alcance da lei. A justiça eleitoral tem mostrado que não é bem assim. No dia 24 de setembro, o responsável por um perfil dessa rede social foi condenado a pagar multa de R$ 53.205,00, por causa da divulgação irregular de suposta pesquisa. O episódio aconteceu no Amapá. Clique aqui para ver no site do G1.

Outro caso parecido ocorreu no município de Fátima, na Bahia. O valor da multa foi o mesmo. Depois que divulgou a pesquisa ilegal, o responsável pelo perfil alegou que foi vítima de “hackers”, mas não conseguiu comprovar a suposta invasão. Acesse a notícia também no G1.

Ouvido pelo G1, o juiz José de Souza Brandão Netto confirmou que é necessário “registrar cinco dias antes da divulgação”, entre outros requisitos. A regra está clara na Lei Eleitoral 9.504/97, em que a resolução do TSE se baseia.

JUSTIÇA ELEITORAL PROÍBE ATOS AGENDADOS PARA SÁBADO EM UNA

marteloA informação é do site Una News. Segundo o veículo, o juiz eleitoral Andrê Luiz Santos Britto determinou o cancelamento de todos os atos da campanha eleitoral marcados para esse sábado, 1º de outubro, na sede e nos distritos do município de Una.

A decisão se baseou no calendário das eleições 2016. Conforme o documento do Tribunal Superior Eleitoral, hoje é o “último dia para propaganda política mediante reuniões públicas ou promoção de comícios”.